Menu
2019-09-27T14:24:00-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
hora do adeus?

Depois de entrar na lista de privatizações, Telebras avalia sair da bolsa

Empresa informou que vai consultar a União, hoje acionista controladora, para realizar OPA; hoje a companhia não tem recursos para fazer a operação

27 de setembro de 2019
14:11 - atualizado às 14:24
Antena da Telebrás
Brasil, Brasília, DF, 01/02/2016 . Antena do centro de controle do primeiro satélite geoestacionário, nacional da Telebrás, localizada no Sexto Comando Aéreo Regional (VI Comar) da Base Aérea, em Brasília (DF). - Imagem: Crédito:ANDRE DUSEK/ESTADÃO CONTEÚDO/AE

Depois de entrar na lista do governo de estatais a serem privatizadas, a Telebras agora avalia fechar capital. A empresa decidiu consultar seu acionista controlador, a União, porque ela própria não tem dinheiro para tocar uma possível operação.

  • LANÇAMENTO: Pela primeira vez um curso completo de análise gráfica acessível para qualquer pessoa. Apenas 97 vagas no preço promocional. Veja agora.

As ações da Telebras sofrem uma alta volatilidade por conta dessa incerteza quanto ao seu destino. No ano, os papéis TELB4 acumulam alta de 58%, mas no último mês os ativos desvalorizaram 21%. Nesta sexta-feira, as ações caíam 2,1%, a R$ 35,92. Veja nossa cobertura de mercados.

Em análise preliminar, a empresa diz que o fechamento de capital ocorreria por meio de uma oferta pública de aquisição (OPA) de suas ações em circulação no mercado.

Olho nos números

No segundo trimestre deste ano, a Telebras registrou prejuízo de R$ 113,9 milhões, aumento de 85,7% em relação ao mesmo período de 2018.

O Ebitda (sigla para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) foi negativo em R$ 31,9 milhões.

Em outras palavras, a empresa opera no vermelho e não gera caixa - desempenho que tem se repetido a cada trimestre. A companhia tem um projeto do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC).

A Telebras ainda é dona de um satélite, o SGDC, cujo contrato para uso comercial com a americana Viasat pode render US$ 1 bilhão nos próximos 10 anos.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

plano em prática

BNDES firma acordos com seis Estados para privatizar 26 parques de conservação

Banco mapeou, ainda em 2020, em torno de 100 unidades de conservação, entre federais e estaduais, com potencial de serem concedidas

Alimentação

Mesmo sem auxílio emergencial, BRF, JBS e Burger King permanecem otimistas para 2021

CEOs de companhias de alimentação reforçam otimismo destacando investimentos em suas respectivas atividades, e consideram ganho de produtividade crucial para enfrentar aumento de custos

mudança

Petrobras sobe preço da gasolina pela 2ª vez este ano

Estatal disse também que o preço médio de diesel passará a ser de R$ 2,12 por litro, refletindo uma aumento médio de R$ 0,09 por litro

novata na bolsa

HBR Realty estreia em alta na B3, mas termina o dia em queda

Empresa, que atua no segmento de desenvolvimento e administração de propriedades, optou por formato diferente de IPO

em evento

BNDES diz que seguirá firme na estratégia de vender participação acionária

Segundo Montezano, a estratégia de desinvestimentos passa por se desfazer de participações acionárias em “empresas maduras”, como “Petrobras, Vale, Suzano, Klabin e AES Tietê”

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies