Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
É CEO do Seu Dinheiro
2019-10-09T10:07:54-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

O que fazer com o dinheiro que ganhou na bolsa?

9 de outubro de 2019
10:04 - atualizado às 10:07
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Você provavelmente nunca ouviu falar desta empresa. Mas saiba que 30 mil pessoas são acionistas da companhia. Provavelmente, eles estão rindo à toa este ano, já que esta ação se valorizou cerca de 170% nos últimos 12 meses. Estou falando da Sinqia, uma empresa que faz softwares para o setor financeiro.

No mês passado, ela conclui uma nova oferta de ações na bolsa brasileira. Levantou R$ 360 milhões e foi avaliada em R$ 1 bilhão. Mas o que ela vai fazer com esse dinheiro? E será que esse negócio é uma boa mesmo e pode se valorizar ainda mais? Ou não passa de um oba-oba?

O Vinícius Pinheiro resolveu investigar o que está rolando com a Sinqia. Ele conversou com exclusividade com o presidente da empresa, Bernardo Gomes. Nesta reportagem, ele conta tudo o que descobriu sobre a companhia.

Bernardo Gomes, fundador e presidente da Sinqia
Bernardo Gomes, fundador e presidente da Sinqia - Imagem: Leo Martins/Seu Dinheiro

Preço de joia

Já que estamos falando em pegar dinheiro na bolsa, a rede de joalherias Vivara se prepara para sua estreia no pregão amanhã. O preço da oferta de ações já saiu e ficou perto do topo da faixa indicativa. Com isso, a Vivara deve embolsar R$ 2,3 bilhões. Saiba mais.

Marina Ruy Barbosa

No ritmo dos gigantes

A agenda econômica cheia coloca a política monetária adotada pelos BCs no centro do radar dos investidores novamente. Ontem, mesmo sem admitir que se trata de um novo afrouxamento monetário, o presidente do Fed falou que deve voltar a comprar títulos do governo dos Estados Unidos. De olho nas expectativas da atuação dos BCs, os índices futuros em Nova York e as principais bolsas europeias atuam no positivo.

E não é só no Federal Reserve que o mercado segue de olho. Amanhã começa uma nova rodada de negociações que pode pôr um fim no confronto comercial entre EUA e China. Mas a relação entre os países piorou nos últimos tempos, o que mostra que um acordo não está tão perto de ser firmado quanto se imaginava. Com isso, as bolsas asiáticas seguem refletindo as preocupações com as tensões comerciais.

Ontem, o Ibovespa encerrou o dia abaixo dos 100 mil pontos pela primeira vez em mais de um mês, com queda de 0,59%, aos 99.981,40 pontos. O dólar fechou a sessão com baixa de 0,31%, a R$ 4,0916. Consulte a Bula do Mercado para saber o que deve mexer com bolsa e dólar hoje.

A moeda de troca

O mercado local pode ter um alívio. Depois de muito vaivém, o relator da reforma da Previdência disse que o Congresso fechou um novo acordo em torno da divisão de recursos do megaleilão do pré-sal para Estados e municípios. O texto ainda não foi formalmente apresentado, mas o projeto deve destravar a votação da reforma no Senado em segundo turno - sim, como uma moeda de troca. Saiba como ficou essa divisão.

Dia de R$ 500

Uma boa notícia para quem tem conta na Caixa. Depois de contemplar quem nasceu entre janeiro e agosto, o banco paga hoje os R$ 500 do FGTS para mais uma parte de seus correntistas. Como o crédito é automático, vale dar uma olhada no seu extrato hoje. Confira quem deve ser beneficiado e o cronograma para não correntistas do banco.

Um grande abraço e ótima quarta-feira!

Agenda

Indicadores
- IBGE divulga inflação de setembro
- Estados Unidos divulgam dados semanais sobre o mercado de petróleo e relatório de emprego de agosto
- IHS Markit divulga PMI de serviços do Japão de setembro
- OMC lança Relatório do Comércio Global 2019
- FMI divulga capítulos analíticos do relatório Perspectiva Econômica Mundial

Bancos Centrais
- Banco Central publica dados semanais sobre o fluxo cambial
- Fed divulga ata de sua última reunião de política monetária

Mercados
- Mercados sul-coreanos fechados por feriado nacional

Política
- Câmara pode votar PL sobre a distribuição de recursos da cessão onerosa
- PL da Previdência dos Militares é discutido e votado na Comissão Especial da Câmara

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Proventos

Banco do Brasil anuncia pagamento de R$ 416 milhões em Juros sobre Capital Próprio (JCP)

Terão direito ao provento os investidores com posição acionária na empresa no dia 11 de março

o melhor do seu dinheiro

Brandão balança mais não cai?

Chegamos ao fim de mais uma semana tensa nos mercados, que começou com a derrocada das ações da Petrobras, em razão da interferência do governo na presidência da estatal, e termina com pressões na bolsa e no dólar motivadas pelas preocupações dos investidores com a inflação nos Estados Unidos e alta nas taxas dos títulos […]

URGENTE

Hapvida e NotreDame chegam a um acordo sobre fusão, afirma site

A maior combinação entre duas empresas brasileiras criará uma gigante do setor de saúde, com um valor de R$ 110 bilhões.

fechamento da semana

Tensão em Brasília leva Ibovespa de volta aos 110 mil pontos e afunda estatais; dólar vai a R$ 5,60

Em semana marcada pela tensão entre governo e mercado, o Ibovespa recuou 7,09%, de volta aos 110 mil pontos. O dólar disparou acima dos R$ 5,60

Abandonando o barco?

Ações do Banco do Brasil recuam quase 5% com possibilidade de saída de André Brandão

Brandão tem mostrado insatisfação com o cargo e quer deixar o comando da estatal, segundo jornal; BB nega que presidente tenha renunciado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies