O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2019-12-12T07:27:39-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
dinheiro no caixa

Notre Dame Intermédica define ação a R$ 57 em nova oferta e movimenta R$ 5 bilhões

Companhia faz a oferta para levantar recursos para novos investimentos, liquidar debêntures e para pagar a aquisição do grupo Clinipam

12 de dezembro de 2019
7:25 - atualizado às 7:27
intermédica, setor de saúde
Imagem: Shutterstock

A operadora de saúde Notre Dame Intermédica informou nesta quinta-feira (12) que o preço por ação em sua mais recente oferta subsequente (follow on) foi definida em R$ 57. Com isso, a operação alcançou R$ 5 bilhões.

A Notre Dame faz a oferta para levantar recursos para novos investimentos, liquidar debêntures e para pagar a aquisição do grupo Clinipam - anunciada recentemente por R$ 2,6 bilhões, numa tentativa da operadora consolidar sua plataforma verticalizada, com a entrada em uma nova região de atuação.

A distribuição primária, que soma R$ 3,7 bilhões, vai para o caixa da companhia. Já as ações secundárias tiveram como vendedor Alkes II - Fundo de Investimento em Participações Multiestratégia.

Os bancos coordenadores foram Itaú BBA (líder), JPMorgan, Bradesco BBI, Citi, Morgan Stanley, Santander, Credit Suisse e UBS. O início das negociações das ações será nesta sexta (13).

As ações ON da Notre Dame (GNDI3) terminaram a quarta-feira (11) a R$ 57,97. No ano, a valorização dos papéis é da ordem de 100%.

Novata

A Notre Dame Intermédica estreou há pouco tempo na bolsa brasileira: as ações ordinárias da companhia chegaram à B3 em abril do ano passado, ao valor unitário de R$ 16,50. E, desde então, os papéis já deram um salto expressivo.

Somente em 2019, a empresa já comprou ao menos outros três ativos: o hospital AMIU, no Rio de Janeiro; a operadora de planos odontológicos Belo Dente, sediada em Minas Gerais; e o grupo Ghelfond, rede especializada em exames de imagem que atua na região de São Paulo.

A Notre Dame Intermédica também fez neste ano outra oferta pública secundária de 60 milhões de ações ordinárias, ao preço unitário de R$ 39,50, numa operação que gerou R$ 2,37 bilhões aos cofres da empresa. A ação da companhia estreou em setembro no Ibovespa.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

PORTFÓLIO DE BILHÕES

Aposta contra a Apple (AAPL34)? Veja as mudanças que Warren Buffett, Michael Burry e investidores de elite fizeram nas carteiras

Esses pesos-pesados do mercado financeiros tomaram decisões surpreendentes no primeiro trimestre; confira as mudanças mais significativas que eles fizeram no período

DO BRASIL PRO MUNDO

Guedes tem encontro com Escobari, da General Atlantic, e vai a jantar do BTG; confira a agenda do ministro em Davos

O banqueiro André Esteves, que em abril voltou ao comando do conselho do BTG Pactual, está participando do evento na Suíça

UMA TECH ATRAENTE

É hora da Locaweb? Saiba por que o Deutsche Bank vê ponto de entrada para as ações LWSA3

Banco alemão atualizou a recomendação para a empresa de neutra para compra e vê potencial de valorização de mais de 50% para os papéis

O QUE VEM POR AÍ

Ata do Fed e IPCA-15: confira a agenda de indicadores da semana aqui e lá fora

Nos Estados Unidos, a segunda prévia do PIB no primeiro trimestre também é destaque; na Europa, o PIB da Alemanha é o principal dado

CAMINHO DO MEIO

Menor rejeição e apoio interno no MDB dão vantagem a Simone Tebet; veja os rumos da senadora da terceira via

Maior desafio, segundo marqueteiros, é torná-la popular: 46% do eleitorado desconhece Simone Tebet, segundo pesquisas recentes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies