Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-06T09:04:55-03:00
Estadão Conteúdo
vai ficar com o parquinho

Família de Beto Carrero desiste de vender parque

Negociações começaram em novembro de 2018; opção era pela Cacau Show e pela rede de restaurantes Madero

6 de setembro de 2019
9:04
Beto Carrero
Imagem: Shutterstock

Depois de optar pela proposta de compra feita pela Cacau Show e pela rede de restaurantes Madero, a família herdeira do parque Beto Carrero desistiu de vender o complexo de entretenimento, apurou o Estado. Os fundos americanos Advent e HIG Capital também haviam feito ofertas pelo parque.

As negociações começaram em novembro de 2018 e foram encerradas há cerca de duas semanas, com a desistência da família - que ontem, em nota, negou ter travado conversas relativas ao negócio.

Os fundos haviam proposto comprar o complexo por cerca de R$ 1 bilhão. O Madero, que havia começado na disputa sozinho, aliou-se à Cacau Show e quase fechou contrato por R$ 1,1 bilhão, de acordo com fontes próximas às conversas.

Essa seria a primeira investida do Madero e da Cacau Show no setor de entretenimento. A ideia do Madero era colocar seus restaurantes e lanchonetes para dentro do parque.

O fundador da rede de restaurante, Junior Durski, pretende levar sua empresa à Bolsa e o parque encorparia o negócio. Já Alexandre Costa, fundador da Cacau Show, pensava em desenvolver projeto semelhante ao Hershey’s Chocolate World, um parque nos Estados Unidos.

Procurados, Madero, Cacau Show, HIG e Advent não quiseram comentar o assunto.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo. 

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Fartura nos resultados

Trimestre apetitoso! McDonald’s supera as expectativas do mercado e registra lucro de US$ 2,22 bilhões

Com ajustes, o lucro por ação somou US$ 2,37 e ficou acima da previsão de analistas consultados pela FactSet, de US$ 2,11

O melhor do seu dinheiro

Entrevista exclusiva com a Ânima, o fim de uma era no Santander e mais destaques desta quarta-feira

A pandemia da covid-19 acertou em cheio as empresas de educação privada na bolsa. Em meio à crise, muitos alunos que trabalhavam para pagar as mensalidades acabaram perdendo o emprego. O resultado no balanço das companhias foi o aumento na inadimplência e a queda no número de estudantes nos cursos de graduação. Mas como costuma […]

Lucro forte

Na Olimpíada dos balanços, a WEG foi ao pódio mais uma vez no segundo trimestre

A WEG novamente mostrou forte crescimento na receita líquida, Ebitda e lucro, auxiliada pela demanda forte no exterior e no Brasil

Balanço trimestral

Lucro da Pfizer atinge R$ 5,563 bi turbinado por venda de vacinas

O resultado é 59% maior do que o ganho de US$ 3,489 bilhões registrado em igual período do ano passado

Mudança nas regras

BC altera regulamentação sobre prevenção à lavagem de dinheiro no Brasil

As instituições financeiras precisarão obter informações sobre o local da residência das pessoas naturais ou da sede das empresas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies