Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-12-23T17:46:31-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Vai um drink?

Gin Tônica, Spritz e Vodka: a Coca-Cola chega ao mercado de bebidas alcoólicas no Brasil

A Coca-Cola lançou três novos produtos da linha Schweppes com 5% de teor alcoólico, marcando a estreia da empresa no setor de bebidas alcoólicas no Brasil

23 de dezembro de 2019
17:46
Schweppes Gin Tônica, da Coca-Cola
Schweppes Gin Tônica, da Coca-Cola - Imagem: Coca-Cola

A Coca-Cola preparou uma surpresa de Natal para os consumidores brasileiros, com um lançamento exclusivo para o mercado nacional. Mas não estamos falando de algum refrigerante feito sob medida para o país ou alguma nova linha de sucos.

A empresa já começou a vender três novos sabores da marca Schweppes: Gin Tônica, Spritz e Vodka & Citrus, com 5% de teor alcoólico — e que tendem a rivalizar com outras bebidas "mistas", como a Smirnoff Ice ou a 51 Ice.

Mais que isso: a novidade marca a estreia da Coca-Cola no segmento de produtos alcoólicos no Brasil. O lançamento da nova linha da Schweppes — batizada de "Premium Drinks" — dá continuidade à estratégia de imersão gradual da empresa nesse universo.

Em julho deste ano, a Coca-Cola lançou a primeira bebida alcoólica de sua história: a Lemon-Do, um produto fermentado sabor limão que é vendido apenas no Japão. O Brasil, assim, é apenas o segundo mercado global a receber uma empreitada do tipo.

Schweppes Vodka & Citrus, da Coca-Cola

Vendas restritas

Por enquanto, ainda não dá para encontrar as novas Schweppes em qualquer lugar. O jeito mais fácil é através da loja virtual da Coca-Cola: por lá, cada garrafa com 250 ml custa R$ 7,99, com entregas em todo o Brasil. Se preferir, algumas lojas da rede AMPM em São Paulo já estão vendendo as bebidas, mas por um preço maior: R$ 9,90.

Apenas como base de comparação, veja os preços — e teores alcoólicos — de algumas bebidas semelhantes que já estão no mercado. Os valores foram todos retirados do site do supermercado Pão de Açúcar:

  • Smirnoff Ice, garrafa com 275 ml: R$ 4,99 (6% de teor);
  • 51 Ice, garrafa com 275 ml: R$ 4,59 (5,5% de teor);
  • Askov Ice, garrafa com 275 ml: R$ 4,59 (5,5% de teor);
  • Skol beats senses, garrafa com 313 ml: R$ 5,69 (8% de teor);

Diversificação

Nos últimos anos, a Coca-Cola tem buscado diversificar sua linha de produtos, de modo a reduzir a dependência do mercado de refrigerantes — bebidas cujo consumo têm diminuído em escala global.

Atualmente, a Coca-Cola divide suas operações em quatro grandes áreas: refrigerantes, sucos, águas e cafés. A empresa não abre os volumes comercializados de cada uma dessas divisões, mas, no terceiro trimestre deste ano, reportou crescimento em todos eles — o destaque foi o segmento de cafés e chás, que cresceu 4% na base anual.

“Schweppes é uma marca mundialmente reconhecida em coquetelaria. Então, vemos a nova linha como uma extensão natural da marca no Brasil”, diz Renato Shiratsu, diretor de inovação da Coca-Cola no país.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

PROVENTO EM DÓLAR

Aura Minerals (AURA33) anuncia dividendos e programa de recompra de BDRs — veja o que muda para os acionistas

O pagamento chegará bem a tempo para o Natal dos investidores nacionais, mas para ter direito é preciso possuir os ativos em 9 de dezembro

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Ibovespa perto de perder os 100 mil pontos, Petrobras na mira de Paulo Guedes e outros destaques do dia

A dinâmica dos mercados globais nos últimos dias lembra muito os primeiros momentos de incerteza que marcaram o início da pandemia do coronavírus, no início de 2020. A covid-19 não é mais uma doença desconhecida e as vacinas já estão disponíveis no mercado, mas a desigualdade na distribuição de imunizantes e a recusa de muitos […]

FECHAMENTO DO DIA

Racha no Senado e chegada de ômicron aos Estados Unidos levam o Ibovespa a renovar as mínimas do ano (mais uma vez); dólar sobe

Embora o dia tenha começado positivo para o Ibovespa e as demais bolsas globais, a variante ômicron e a dificuldade de aprovar a PEC dos precatórios azedaram os negócios

CRYPTO NEWS

Aprenda com o bitcoin: não perca o timing com a próxima promessa cripto

O mercado de criptomoedas tem colocado alguns sorrisos nos rostos de quem vem investindo nessa classe de ativos

RECEITAS EM ALTA

Acredite se quiser! Governo pode ter primeiro superávit primário desde 2013 ainda neste ano

A notícia surpreende num momento em que um dos maiores temores do mercado financeiro é justamente o descontrole das contas públicas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies