Menu
2019-06-26T11:02:31-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
olho no gringo

Estrangeiro compra dívida brasileira pelo quinto mês seguido

Estoque de participação do não residente chega a 12,74% da dívida interna, maior desde outubro de 2017

26 de junho de 2019
10:29 - atualizado às 11:02
investimento brasil
Imagem: Shutterstock

Pelo quinto mês seguido, o investidor estrangeiro aumentou sua participação da dívida pública brasileira. Entre janeiro e maio, o estoque subiu em R$ 57,6 bilhões, totalizando R$ 476 bilhões, maior valor nominal desde janeiro de 2016.

Em termos percentuais, esse montante representa 12,74% de um estoque de R$ 3,735 trilhões. Tal participação é maior desde outubro de 2017 (12,8%). Entre 2014 e 2015, a participação rondava os 20%, mas a perda do grau de investimento mudou o padrão.

Os números não saltam aos olhos, mas sugerem uma recuperação depois de um ingresso líquido de apenas R$ 2,08 bilhões em 2018. Entre janeiro e maio do ano passado, o ingresso tinha sido de modestos R$ 11 bilhões.

Os maiores financiadores são os fundos de investimento, com R$ 992 bilhões, ou 26,58% do total. Na sequência estão as instituições de previdência, com R$ 927 bilhões, ou 24,83% do total. Depois temos os bancos, com R$ 821 bilhões (22%).

Segundo o coordenador-geral de Operações da Dívida Pública do Tesouro Nacional, Luis Felipe Vital, o fluxo positivo indica maior confiança do estrangeiro em relação ao cenário doméstico.

“Esperamos ver fluxos positivos e consistente após a aprovação de reformas em especial a reforma da Previdência”, disse Vital.

Otimismo de maio e junho

Segundo Vital, maio foi um mês negativo para emergentes em função das discussões sobre a política monetária dos EUA e guerra comercial. Mas o mercado local manteve um tom otimista, captando as expectativas com a tramitação da reforma da Previdência, o que resultou em queda nas taxas de juros.

Dando um exemplo dessa queda, Vital mostrou que a NTN-F de 10 anos começou maio sendo emitida a 9,01% e no fim do período foi vendida a 8,45%.

Esse otimismo, lembrou Vital, continuou agora em junho, resultando em continuidade da queda das taxas de juros. Essa mesma NTN-F, por exemplo, foi emitida a 7,96% em leilão na semana passada.

Agora em junho, o tom positivo do mercado local se somou a uma melhora de percepção externa, onde cresceu a expectativa de corte de juros pelos principais BCs de países desenvolvidos.

Carregando a montanha

O Tesouro também atualiza mensalmente o custo de carregar esses trilhões de dívida. O custo médio acumulado em 12 meses foi de 9,38% em maio, recuando de 9,45% em abril.

Já o custo médio de emissão voltou a cair e marcou 7,13% no mês passado, menor valor da série histórica iniciada em 2010. O custo de emitir uma NTN-B fechou o mês em 10,1%, pouco acima dos 10% de abril. Para dar um parâmetro, no fim de 2015 esse custo passava dos 17%.

 

 

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

crise coronavírus

Trump avalia como reabrir partes da economia, diz secretário do Tesouro

Mnuchin disse ainda o governo deverá fazer repasses diretos de dinheiro para adultos com renda anual inferior a US$ 99 mil até o fim da próxima semana

diz iif

Dívida global sobe US$ 10 trilhões em 2019, a US$ 255 tri

Segundo a instituição, trata-se de um nível 40% maior do que o registrado no início da crise financeira de 2008.

atritos em brasília

Maia cita Mandetta e diz que Bolsonaro ‘ouve mais rede social do que Congresso’

Ao falar do presidente, Maia destacou que seria bom no segundo semestre ele manter uma boa relação com o Congresso Nacional

de olho nas estimativas

Petrobras estima produção de petróleo em abril de 2,07 milhões de barris por dia

No comunicado, a companhia diz que segue monitorando o mercado e, em caso de necessidade, realizará novos ajustes

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta terça-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Exile on Wall Street

Agenda 2021: a dívida brasileira não pode ser deixada para trás

Por motivos (legítimos) de força maior, abandonamos a cartilha liberal para adotar uma estratégia keynesiana, sintetizada no slogan “nenhum brasileiro será deixado para trás”. Entendo o movimento. E até o considero correto

Mais uma disparada

Ibovespa abre em alta firme e se aproxima dos 80 mil pontos; dólar cai a R$ 5,19

O Ibovespa avança mais de 7% nesta manhã, ainda aproveitando o otimismo dos investidores com a estabilização nas curvas de contágio do coronavírus na Europa e nos EUA. Por aqui, a permanência de Luiz Henrique Mandetta no comando do ministério da Saúde também agrada os investidores

medida anticrise

Caixa lança site e aplicativo para auxílio emergencial; veja quem tem direito

Anúncio é uma das medidas do governo para fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

15 notícias para você começar o dia bem informado

O mês de março foi um banho de sangue nos mercados. Todo mundo que investe além da renda fixa perdeu dinheiro… só que não. Um levantamento feito a pedido do Seu Dinheiro mostra que 83 fundos multimercados ficaram no azul em março, enquanto o segmento teve uma queda média de 6,24%. O destaque de hoje […]

de olho no indicador

Vendas no varejo crescem 1,2% em fevereiro, diz IBGE

Houve aumento de 4,7% na comparação com fevereiro de 2019, puxado por atividades como hipermercados, móveis e eletrodomésticos e artigos de uso pessoal

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements