Menu
2019-04-03T18:20:35-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Novos desfechos

Oito funcionários da Vale são presos em envolvimento com rompimento da barragem de Brumadinho

Ao todo, Ministério Público expediu 12 mandados de busca e apreensão e oito de prisão na manhã desta sexta-feira

15 de fevereiro de 2019
9:13 - atualizado às 18:20
Desabamento de barragem da Vale em Brumadinho (MG)
Desabamento de barragem da Vale em Brumadinho (MG) - Imagem: Corpo de Bombeiros/Divulgação

Oito funcionários da Vale foram presos na manhã desta sexta-feira, 15, em Minas Gerais em mais um desfecho das investigações sobre o rompimento da barragem de Brumadinho.

A operação foi deflagrada pelo Ministério Público do Estado de Minas Gerais e conta com apoio das polícias militar e civil. A informação é do site "G1" e foi confirmada pelo Ministério Público.

De acordo com o Ministério Público, a operação visa "apurar responsabilidade criminal pelo rompimento de barragens existente na Mina Córrego do Feijão, mantida pela empresa Vale, na cidade de Brumadinho".

Entre os alvos da operação está Alexandre de Paula Campanha, preso na região Centro-Sul de Belo Horizonte, ainda segundo o "G1". Segundo depoimentos à polícia, ele teria pressionado funcionário da empresa de engenharia TÜV SÜD a assinar laudos de que a barragem estaria estável.

Ao todo, o MP expediu 12 mandados de busca e apreensão e oito de prisão.

Em nota, a mineradora disse que os oito investigados são funcionário da Vale, "dentre eles, quatro gerentes (dois deles, executivos) e quatro integrates das respectivas equipes técnicas". Ainda segundo a empresa, eles estariam "diretamente envolvidos na segurança e estabilidade da Barragem 1".

*Conteúdo em atualização

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Com que ação eu vou?

Vacina à vista! As ações mais indicadas na bolsa para você lucrar com a reabertura da economia

Com um horizonte para o fim da pandemia, a procura por shoppings centers e por empresas do setor de varejo, em especial o de vestuário, tende a crescer. Confira as principais apostas de analistas e gestores

uma bolada

Bradesco paga R$ 5 bilhões em juros sobre capital próprio

Valor representa R$ 0,416 por ação ordinária e R$ 0,458 por ação preferencial, após o desconto do Imposto de Renda

seu dinheiro na sua noite

Dólar abaixo de R$ 5, Selic de volta aos 7% e o investimento da Petz em página de gatinhos

Apesar dos avanços na vacinação e do relaxamento nas medidas de distanciamento social, o fato de ainda estarmos convivendo com o coronavírus e uma elevada mortalidade pela covid-19 faz com que 2021 tenha um sabor de 2020 – parte 2. Assim tem sido, pelo menos para mim. Imagino que também seja assim para todas as […]

atenção, acionista

Weg e Lojas Renner anunciam juros sobre capital próprio; confira valores

Empresa de fabricação e comercialização de motores elétricos paga R$ 86,1 milhões; provento da varejista chega a R$ 88 milhões

Alívio no câmbio

Dólar fica abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez em mais de um ano — e o empurrão veio dos BCs

O dólar à vista terminou o dia em R$ 4,96, ficando abaixo dos R$ 5,00 pela primeira vez desde 10 de junho de 2020. O Ibovespa caiu

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies