Menu
2019-10-14T14:33:36-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
olho na vale

CVM abre inquérito contra executivos da Vale por tragédia de Brumadinho

Investigação é sobre deveres dos executivos em relação a acionistas e investidores; rompimento da barragem matou 248 pessoas

20 de agosto de 2019
7:15 - atualizado às 14:33
Sobrevoo da área atingida pelo rompimento da barragem da Vale em Brumadinho
Sobrevoo da área atingida pelo rompimento da barragem da Vale em Brumadinho - Imagem: Isac Nóbrega/PR/Fotos Públicas

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) informou nesta segunda-feira, 19, que abriu inquérito administrativo para apurar a responsabilidade dos administradores da Vale no episódio envolvendo o rompimento da barragem do Córrego do Feijão, em Brumadinho (MG).

O rompimento da barragem, no dia 25 de janeiro, deixou, até o momento, 248 pessoas mortas e 22 desaparecidas.

Na nota a CVM afirma que a investigação é sobre deveres dos executivos em relação a acionistas e investidores. "Por oportuno, cabe esclarecer que a diligência de administradores ora apurada pela CVM diz respeito aos seus deveres fiduciários em relação à companhia de que se trata, seus acionistas e investidores efetivos ou potenciais", informou.

O inquérito é o desdobramento de um processo aberto pela CVM, no dia 28 de janeiro, logo após o rompimento da barragem. O procedimento apurou eventual responsabilidade de administradores da companhia em razão dos fatos relacionados ao rompimento de barragem em Brumadinho.

A comissão também deixou claro que a investigação aberta não diz respeito a responsabilidade da Vale envolvendo a atuação da empresa sobre questões relativas à legislação ambiental, "as quais vêm sendo objeto de atuação das instituições competentes", disse.

Em nota, a Vale disse que tomou conhecimento da abertura do inquérito e que manterá uma postura transparente e colaborativa. "A Vale tomou conhecimento sobre a abertura do inquérito. Permanecemos à disposição e manteremos a postura transparente e colaborativa", diz a nota

*Com Agência Brasil 

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Aqui não!

SEC suspende nos EUA negociação de papéis de 15 empresas por risco a investidores

Ação tem como alvo “aparentes tentativas de mídia social para inflar de modo artificial o preço de suas ações”, diz o órgão

PANDEMIA AVANÇA

Brasil registra 1.337 mortes em 24 horas; Estados anunciam restrições

Total de casos da doença é superior a 10 milhões; taxa de mortalidade do coronavírus é de 2,41% dos infectados

Fato relevante

Banco do Brasil desmente renúncia de André Brandão

Instituição financeira diz não ter conhecimento das fontes das notícias veiculadas

Ranking dos investimentos

Ativos de risco têm mais um mês negativo com tensões e Brasília e alta dos juros futuros nos EUA

Um misto de fatores locais e externos levou o Ibovespa a ter um dos piores desempenhos do mês e o dólar, o melhor. Ouro aparece na lanterna do ranking

Proventos

Banco do Brasil anuncia pagamento de R$ 416 milhões em Juros sobre Capital Próprio (JCP)

Terão direito ao provento os investidores com posição acionária na empresa no dia 11 de março

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies