Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-01-26T18:02:28-02:00
Estadão Conteúdo
ESTRAGO

Número de mortes em Brumadinho sobe para 34; 81 estão desabrigados

O novo balanço faz com que o desastre de Brumadinho supere oficialmente em número de mortes a tragédia ocorrida em 2015, na cidade de Mariana

26 de janeiro de 2019
18:02

O número de mortes confirmadas até o momento em Brumadinho (MG), onde ocorreu na sexta-feira (25) a ruptura de uma barragem da Vale, chega a 34, segundo informou há pouco o Corpo de Bombeiros.

De acordo com o novo balanço, já foram identificados 81 desabrigados. Além disso, 23 pessoas estão hospitalizadas.

O novo balanço faz com que o desastre de Brumadinho supere oficialmente em número de mortes a tragédia ocorrida em 2015, na cidade de Mariana (MG).

Na época, a enxurrada de lama decorrente da ruptura da Barragem do Fundão resultou na morte de 19 pessoas.

Desde ontem, o comitê criado pelo governo federal para acompanhar o caso já trabalhava com a expectativa de que a tragédia humana decorrente da ruptura da barragem da Vale superasse o episódio de três anos atrás.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

FECHAMENTO DO DIA

Auxílio Brasil segue pressionando a curva de juros, mas Ibovespa e dólar conseguem alguma recuperação

O Ibovespa bateu na trave e o Banco Central conseguiu segurar o câmbio, mas a pressão sobre as contas públicas segue castigando a curva de juros

Carros elétricos em alta

Para a Tesla (TSLA34) de Elon Musk, não há crise no setor automotivo: o terceiro trimestre teve lucro recorde

A Tesla (TSLA34) vai na contramão do restante do setor: a empresa de Elon Musk está vendendo mais carros e reportou um balanço forte no 3T21

AULA DE GIGANTES

De Round 6 a Mano Brown e Luiza Trajano, aprenda 5 ensinamentos para multiplicar seu patrimônio

Referências do mercado financeiro podem trazer insights relevantes para os investidores; confira algumas que o ‘Seu Dinheiro’ listou

Contornando o teto

Economistas veem ‘contabilidade criativa’ em negociação do Auxílio Brasil

Parte do benefício, com parcelas de R$ 400, deve ficar de fora da regra que comanda o avanço das despesas públicas brasileiras

De onde virá o dinheiro?

Governo confirma Auxílio Brasil em R$ 400, mas sem revelar de onde vai tirar o dinheiro para bancar o benefício

O ministro da Cidadania não respondeu às perguntas da imprensa nem confirmou a fonte de recursos para o novo programa social, o que é a grande preocupação dos mercados

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies