Menu
2019-11-15T07:52:35-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa e UBS Escola de Negócios. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência CMA, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico.
Más notícias

A Braskem fechou o trimestre no vermelho e viu sua receita cair 18% em um ano

Empresa cujas ações têm o pior desempenho do Ibovespa no ano, a Braskem reportou um prejuízo líquido de mais de R$ 800 milhões no terceiro trimestre

15 de novembro de 2019
7:42 - atualizado às 7:52
Vista da então nova unidade da Braskem Petroquímica em Paulínia, São
Vista da então nova unidade da Braskem Petroquímica em Paulínia, São Paulo. - Imagem: Estadão Conteúdo/Alex Silva

As ações PNA da Braskem (BRKM5) atravessam um momento delicado na bolsa. Desde o início do ano, os ativos acumulam perdas de 37,48% — o pior desempenho da carteira do Ibovespa. E o balanço da petroquímica no terceiro trimestre não deve ajudar em nada a situação dos papéis.

Afinal, a Braskem reportou um prejuízo líquido de R$ 888 milhões entre julho e setembro deste ano, revertendo o lucro de R$ 1,344 bilhão reportado no mesmo intervalo de 2018. É verdade que boa parte dessas perdas se deve a um efeito não-caixa, com um resultado financeiro bastante negativo no trimestre, mas há outros fatores de preocupação.

Veja, por exemplo, o que aconteceu com a receita líquida: alinha recuou 18% na base anual, somando R$ 13,4 bilhões no trimestre — um indicativo de que as atividades da Braskem se contraíram nessa base de comparação. E essa percepção é confirmada pela queda de 9% nos custos dos produtos vendidos, para R$ 11,6 bilhões.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

De fato, a receita líquida da Braskem diminuiu em seus três principais pólos: Brasil, Estados Unidos/Europa e México. Aqui no país — o maior centro da petroquímica —, a diminuição foi de 17%; nos territórios americano e europeu, a baixa foi ainda maior, de 24%; no México, o recuo chegou a 29% em um ano.

E o que explica essa contração na atividade? Segundo a Braskem, a indústria petroquímica no Brasil está num ciclo de baixa, o que afeta diretamente as atividades da empresa e gera uma menor taxa de utilização de suas centrais.

"Por outro lado, o resultado das operações do Brasil foi impactado positivamente pela sazonalidade do período sobre a demanda de resinas no mercado brasileiro", escreve a companhia, em seu relatório de resultados trimestrais.

Quanto ao resultado das operações americanas e europeias, a Braskem diz que paradas não programadas nas plantas de polipropileno dos Estados Unidos afetaram os números do trimestre. Por outro lado, a empresa diz que as operações foram positivamente influenciadas pela retomada no fornecimento de propeno na Europa.

E no México? Nessa região, a Braskem limitou-se a dizer que as atividades foram influenciadas "pela estratégia comercial de direcionamento de produto para regiões com maior rentabilidade e pela manutenção de fornecimento de etano em patamares similares aos trimestres anteriores".

Dito tudo isso, o Ebitda — isto é, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização — da petroquímica também foi fraco: R$ 1,55 bilhão no terceiro trimestre deste ano, uma queda de 57% em relação ao mesmo intervalo de 2018.

Ah, sim: conforme dito lá em cima, o resultado financeiro líquido da Braskem foi bastante ruim, ficando negativo em R$ 2,03 bilhões entre julho e setembro — mais que o dobro das perdas contabilizadas há um ano, de R$ 931 milhões.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

POLÍTICA

Moro diz que quem vai decidir o vice (em 2022) é o presidente; mas ideal é o vice Mourão

O ministro considerou que “pode ser que no futuro lá distante volte a se cogitar isso” e defendeu: “Não acho uma boa ideia”. “Os ministérios juntos são mais fortes.”

APROVADA SEM RESTRIÇÕES

Cade aprova compra da Embraer pela Boeing

A operação analisada pelo Cade prevê duas transações. Uma delas consiste na aquisição pela Boeing de 80% do capital do negócio de aviação comercial da Embraer, que engloba a produção de aeronaves regionais e comerciais de grande porte (operação comercial)

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Bolsa contaminada pelo coronavírus

Caro leitor, A semana começou mal para as bolsas do mundo todo. O avanço do coronavírus na China durante o fim de semana colocou os mercados de molho nesta segunda. Já foram confirmados quase 3 mil casos em mais de dez países, sendo a maioria deles na China. Até agora, foram computadas 82 mortes. Os […]

Cautela elevada

Em dia de queda de 3% do Ibovespa com alerta sobre coronavírus, ações de drogaria sobem

A disseminação do coronavírus elevou a aversão ao risco nos mercados financeiros, derrubando o Ibovespa e fazendo o dólar romper a marca de R$ 4,20. Apenas cinco ações do índice subiram, incluindo Raia Drogasil

DE OLHO NO CORONAVÍRUS

‘Índice do medo’ atinge patamar visto no auge da guerra comercial e sobe mais de 25%

Na máxima intradiária, o indicador chegou a bater a casa dos 19,02 pontos, valor que não era visto desde outubro do ano passado quando ele atingiu a marca dos 19,28 pontos

CONCESSÕES

Maia definirá até dia 30 quando lei de concessões vai a plenário, dizem deputados

“Se ele (presidente da Câmara) estiver convencido de que esse texto é um texto bom, que atende a sociedade, eu acho que a gente vota ele rápido”, disse também o deputado João Maria

CRÉDITO

Demanda por crédito do consumidor cai em dezembro e cresce em 2019, diz Boa Vista

Considerando os segmentos que compõem o indicador, o Financeiro apresentou elevação de 6,1% no ano, enquanto o segmento Não Financeiro registrou evolução de 2,5% na mesma base de comparação

primeira avaliação

Quão longe a XP pode ir? Para o BTG, ação da corretora já está bem precificada

BTG Pactual inicia cobertura das ações da corretora com recomendação neutra para os papéis.

DE OLHO NA REFORMA

Reforma administrativa quer acabar com promoções por tempo de serviço

O governo vai propor ainda a vedação das aposentadorias como forma de punição

gringo longe

Investimento estrangeiro em ações brasileiras fica negativo em US$ 4,7 bilhões em 2019

Para 2020, a projeção é de saldo positivo de US$ 5,0 bilhões, segundo dados do Banco Central

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements