Menu
2019-07-31T20:41:29-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
E vai cortando...

Após Copom, Banco do Brasil e Itaú anunciam redução de juros para pessoas físicas e jurídicas

Além do BB, mais cedo, a Caixa Econômica Federal anunciou redução horizontal de seus juros de cheque especial

31 de julho de 2019
19:57 - atualizado às 20:41
Banco do Brasil
Imagem: Divulgação

O Banco do Brasil acaba de anunciar redução de juros para pessoas físicas, jurídicas e no financiamento imobiliário, seguindo a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom), que cortou a taxa Selic em 0,50 ponto porcentual, para 6,0% ao ano. As novas taxas entram em vigor a partir da próxima segunda-feira, dia 5.

Além do BB, mais cedo, a Caixa Econômica Federal anunciou redução horizontal de seus juros, com foco na pessoa física e jurídica, nas linhas de cheque especial, crédito pessoal e capital de giro. Um movimento de corte dos juros também é esperado por parte dos players privados, em linha com a decisão do Copom.

Com o anúncio do BB, as taxas mínimas do financiamento imobiliário para pessoa física passarão de 8,49% para 8,29% ao ano, nas linhas para aquisição de imóveis por meio do Sistema Financeiro de Habitação (SFH). Na carteira hipotecária, o juro passou de 8,85% para 8,65% ao ano.

O financiamento para a compra de veículos também ficará mais barato. Na linha em que o cliente oferece seu automóvel como garantia, a taxa mínima pelo BB será reduzida de 1,57% para 1,53% ao mês. A condição vale apenas para contratações feitas no aplicativo do BB.

Já o juro do crédito para a compra de veículos novos e seminovos, contratados pelo mobile passará para 0,84% ao mês, ante 0,88% ao mês cobrados até então.

Nas linhas de empréstimo pessoal sem garantia, o BB reduzirá sua taxa mínima de 2,99% para 2,95% ao mês. No cheque especial, passará de 1,99% para 1,95% ao mês.

Empresas

O BB também cortará os juros para pessoas jurídicas. Na linha desconto de cheque - prazo de 30 dias, os juros mínimos passarão de 1,26% para 1,22% ao mês. Para o desconto de títulos (30 dias), a queda é de 1,16% para 1,12% ao mês.

Os juros para empresas tomarem capital de giro também foram cortados. As taxas mínimas das linhas BB Giro Digital e BB Giro Empresa para até 360 dias cairão de 2,52% para 2,48% ao mês e de 0,95% para 0,91% ao mês, respectivamente.

No Itaú, repasse integral

O Itaú Unibanco também anunciou redução nos juros de suas linhas de crédito, repassando integralmente o corte de 0,50 ponto porcentual na taxa básica. O banco não abriu, contudo, as taxas que passarão a valer após o movimento.

O Itaú informa que na pessoa física, a redução será no empréstimo pessoal e, no caso de pessoa jurídica, no capital de giro.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

comércio eletrônico

Desde o início da pandemia, e-commerce brasileira já ganhou 135 mil lojas

Segundo a Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm), desde o início da pandemia mais de 135 mil lojas aderiram às vendas pelo comércio eletrônico para continuar vendendo e mantendo-se no mercado

atualização dos dados

Brasil tem 1,66 milhão de casos confirmados do novo coronavírus

Foram 1.254 novas mortes e 45.305 novas pessoas infectadas registradas nas últimas 24 horas, conforme atualização do Ministério da Saúde divulgada hoje

destravando o crédito

Banco do Brasil atinge R$ 3,3 bilhões em empréstimos no Pronampe em dois dias

Banco do Brasil se aproxima, assim, da meta de esgotar os recursos da iniciativa, aposta do governo Bolsonaro para destravar o crédito, ainda nesta semana

Prévia operacional

MRV bate recorde de vendas no 2º trimestre, totalizando R$ 1,81 bi e 11,5 mil unidades

Segundo prévia operacional, companhia também bateu recorde de volume de repasses, graças à regularização do Minha Casa Minha Vida

seu dinheiro na sua noite

A bolsa cheia e um restaurante vazio

Depois de quase quatro meses em home office, voltei a pisar hoje na redação do Seu Dinheiro. Foi uma passagem de um único dia para tratar de alguns assuntos com a Marina Gazzoni. Ela já retomou a rotina de vir ao nosso escritório duas vezes por semana, enquanto eu sigo na equipe que está em home […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements