⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2019-10-28T18:01:11-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.
Hora de comprar

As ações da Sinqia já subiram mais de 150% no ano. Para o BTG, há espaço para mais

O BTG Pactual iniciou a cobertura para as ações da Sinqia com recomendação de compra e preço-alvo em 12 meses de R$ 22,00, citando o potencial de crescimento da empresa

28 de outubro de 2019
11:30 - atualizado às 18:01
sinqia
Reunião da Sinqia com clientes - Imagem: Divulgação / Instagram da empresa

A Sinqia, companhia provedora de tecnologia para o sistema financeiro, tem tido um ano bastante agitado. Somente em 2019, os papéis ON da empresa (SQIA3) já acumulam ganhos de mais de 150%, aparecendo entre os destaques da bolsa — somente como comparação, o Ibovespa sobe "apenas" 23% de janeiro para cá.

Mas não é só isso. Em setembro, a empresa concluiu uma oferta subsequente de ações, levantando mais de R$ 360 milhões; no início de outubro, os ativos da Sinqia foram desdobrados na proporção de um para quatro, de modo a ampliar a liquidez e facilitar o investimento — o interesse pelos papéis, afinal, cresceu muito de uns meses para cá.

E essa busca cada vez maior pelas ações da companhia devem aumentar ainda mais. Nesta segunda-feira (28), o BTG Pactual iniciou a cobertura para os papéis da Sinqia — e a visão do banco é bastante otimista. Logo na largada, a instituição recomenda a compra dos ativos da empresa, estabelecendo preço-alvo em 12 meses de R$ 22,00.

Considerando a cotação de fechamento das ações ON da Sinqia na última sexta-feira (25), de R$ 16,00, o preço-alvo fixado pelo BTG implica num potencial de valorização de 37,5%. Ou seja: mesmo após os ganhos expressivos vistos em 2019, o banco acredita que ainda há espaço para mais.

O mercado reagiu positivamente à visão do BTG: os papéis da companhia fecharam em alta de 3,12%, a R$ 16,50 — o Ibovespa avançou 0,77%, aos 108.187,06 pontos, chegando a um novo recorde de encerramento. Confira aqui a cobertura completa dos mercados nesta segunda-feira.

"Apesar de ser o maior player em seu segmento no Brasil, a companhia possui uma participação de mercado de apenas 3,6%", destacam os analistas Carlos Sequeira, Bernardo Teixeira, Thiago Kapulskis e Osni Carfi, em relatório. "Acreditamos que seu tamanho, expertise e capitalização a colocam numa posição única para se consolidar num ramo que está claramente muito fragmentado".

O parecer da equipe de análise do BTG fica em linha com o que o próprio presidente da Sinqia,  Bernardo Gomes, disse em entrevista exclusiva ao Seu Dinheiro, em outubro. Na ocasião, logo após concluir a oferta de ações, o executivo afirmou que a empresa estaria mirando 12 novas aquisições com os recursos levantados.

A Sinqia vem crescendo via fusões e aquisições desde 2005 — o banco afirma que, de lá para cá, a empresa já comprou 13 companhias e multiplicou suas vendas em 35 vezes. Assim, com os R$ 360 milhões recém obtidos, a expectativa é a de que entre num ciclo semelhante de expansão, "com potencial para dobrar as receitas em dois a três anos".

A provedora de tecnologia para o sistema financeiro divulgará seu balanço referente ao terceiro trimestre de 2019 em 13 de novembro — a teleconferência com analistas e investidores está marcada para o dia 14.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

SEGUNDA-FEIRA AGITADA

PetroRio (PRIO3) caminha na aquisição da Dommo (DMMO3), de Eike Batista, e anuncia recompra de ações

3 de outubro de 2022 - 11:48

Petroleira deu mais um passo em direção à conclusão do processo de aquisição da Dommo e aprovou a incorporação das ações DMMO3, com duas opções de substituição para os papéis

O DIA DEPOIS

Bolsonaro mais forte no segundo turno anima o mercado, mas é a eleição de um Congresso mais reformista que embala os ativos nesta segunda-feira

3 de outubro de 2022 - 11:35

Na percepção do mercado, o presidente Jair Bolsonaro sai mais forte da disputa, mas é no Congresso que mora as chances de uma agenda reformista e permanência do teto de gastos

CENTRAL DAS ELEIÇÕES

Eleições 2022: Veja como a imprensa internacional repercutiu o resultado da eleição

3 de outubro de 2022 - 10:35

Acompanhe a cobertura ao vivo das eleições 2022 com as principais notícias sobre os principais candidatos à Presidência e nos Estados

ELEIÇÕES 2022

Um teste para a democracia brasileira: Veja como a imprensa estrangeira está repercutindo o resultado da eleição

3 de outubro de 2022 - 10:29

Jornais, sites e revistas chamam a atenção para o desempenho melhor que o previsto pelas pesquisas do presidente Jair Bolsonaro

CAUTELA GLOBAL

Ativos de risco em xeque: bitcoin (BTC) sustenta patamar de US$ 19 mil, mas não empolga com dados esperados da semana; criptomoedas não saem do bear market

3 de outubro de 2022 - 10:00

Correndo o risco de parecer brutalmente realista, pouco se pode esperar de qualquer mudança no cenário daqui para frente

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies