Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-12-03T18:54:09-03:00
Victor Aguiar
Victor Aguiar
Jornalista formado pela Faculdade Cásper Líbero e com MBA em Informações Econômico-Financeiras e Mercado de Capitais pelo Instituto Educacional BM&FBovespa. Trabalhou nas principais redações de economia do país, como Bloomberg, Agência Estado/Broadcast e Valor Econômico. Em 2020, foi eleito pela Jornalistas & Cia como um dos 10 profissionais de imprensa mais admirados no segmento de economia, negócios e finanças.

MRV, Banco do Brasil e Smiles: os destaques do Ibovespa nesta terça-feira

As ações da MRV sobem forte após o resultado do PIB mostrar uma expansão firme da construção civil; Já a Smiles tem a maior queda do Ibovespa

3 de dezembro de 2019
16:50 - atualizado às 18:54
Fachada do edifício sede do Banco do Brasil em Brasília.
Fachada do edifício sede do Banco do Brasil em Brasília. - Imagem: Fernando Bizerra/Agência Senado

As ações do setor de construção civil apareceram entre os destaques positivos da bolsa brasileira nesta terça-feira (3), especialmente os ativos da MRV. O mercado mostrou entusiasmo com o segmento, em meio à forte contribuição da indústria para a expansão de 0,6% no PIB do país no terceiro trimestre deste ano.

De acordo com o IBGE, a construção civil cresceu 4,4% em relação ao mesmo período do ano passado — o melhor resultado para o setor desde 2014. E, com esse dado em mente, os investidores apostaram suas fichas nos ativos das construtoras e incorporadoras.

É o caso de MRV ON (MRVE3), que disparou 7,16% e liderou os ganhos do Ibovespa, e de Cyrela ON (CYRE3), com ganho de 2,33%. Fora do índice, EZTec ON (EZTC3) teve alta de 5,43%, Direcional ON (DIRR3) avançou 4,08% e Tenda ON (TEND3) valorizou 5,58%.

Vai vender?

Outro destaque desta terça-feira foi Banco do Brasil ON (BBAS3), em alta de 2,02%. O mercado mostrou animação com a notícia de que a equipe econômica liderada pelo ministro Paulo Guedes estaria analisando a privatização da empresa — a missão, agora, seria convencer o presidente Jair Bolsonaro.

O desempenho dos papéis do Banco do Brasil chamou a atenção porque as demais ações do setor bancário tiveram performances bem mais discretas. É o caso de Itaú Unibanco PN (ITUB4), em alta de 0,03%; Bradesco PN (BBDC4), com ganho de 0,36%; e Santander Brasil units (SANB11), com perda de 0,34%.

Perda de confiança

Na ponta oposta do Ibovespa, atenção para Smiles ON (SMLS3), que despencou 8,85% e teve o pior desempenho do índice. A empresa divulgou projeções bastante fracas para 2019 e 2020, o que desagradou o mercado e gerou desconfiança em relação ao futuro da companhia.

Em relatório, o analista Vitor Mizusaki, do Bradesco BBI, cortou o preço-alvo dos papéis do Smiles ao fim de 2020, de R$ 44,00 para R$ 35,00, mantendo a recomendação neutra para os ativos.

Queda das siderúrgicas

Os papéis de mineradoras e siderúrgicas também tiveram um dia ruim, em meio às tensões no front da guerra comercial — mais cedo, o presidente americano, Donald Trump, disse que um acerto com a China pode ficar para depois das eleições de 2020.

Considerando a importância do mercado chinês para o setor, o atraso no fechamento do acordo comercial entre as potências pode implicar numa desaceleração econômica mais intensa do gigante asiático — o que, consequentemente, afetaria a demanda por aço e minério de ferro.

Obedecendo a essa lógica, CSN ON (CSNA3) caiu 3,77%, Gerdau PN (GGBR4) recuou 2,29%, Usiminas PNA (USIM5) teve perda de 0,92% e Vale ON (VALE3) fechou em queda de 1,79%.

Top 5

Veja as cinco ações de melhor desempenho do Ibovespa nesta terça-feira:

  • MRV ON (MRVE3): +7,16%
  • Gol PN (GOLL4): +4,01%
  • BB Seguridade ON (BBSE3): +3,88%
  • Marfrig ON (MRFG3): +3,87%
  • Via Varejo ON (VVAR3): +3,60%

Confira também as cinco maiores perdas do índice:

  • Smiles ON (SMLS3): -8,85%
  • CSN ON (CSNA3): -3,77%
  • Metalúrgica Gerdau PN (GOAU4): -2,48%
  • Gerdau PN (GGBR4): -2,29%
  • Hypera ON (HYPE3): -2,05%
Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

MELOU O NEGÓCIO

Depois de duas semanas suspensas, ações da Evergrande despencam em meio a desacordo sobre venda de fatia da incorporadora

A própria empreiteira chinesa cancelou um acordo para a venda de uma participação de 50,1% para a Hopson Development Holdings

De olho na bolsa

Esquenta dos mercados: exterior tem dia de correção e bolsa brasileira deve ter desempenho fraco por mais um dia após fala de Paulo Guedes sobre teto de gastos

Os balanços do exterior devem movimentar os negócios, com Evergrande de volta ao radar após fracasso na venda de uma subsidiária

LAVANDO AS MÃOS

Guedes se isenta e diz que formato do Auxílio Brasil está ‘a cargo da política’

Segundo o ministro, governo teve de fazer um ‘encaixe’ dentro do arcabouço fiscal existente

Entrevista

Um dos maiores gestores de fundos imobiliários do mercado avisa: os shoppings estão baratos e o investidor ainda não percebeu

CEO da HSI, que tem R$ 11 bilhões sob gestão, diz que os shoppings estão começando a apresentar resultados como os de antes da pandemia e vê demanda de residencial alto padrão ainda forte

Casamento legal

Cade mantém aprovação de compra de fatia da BRF (BRFS3) pela Marfrig (MRFG3)

A conselheira que havia pedido a reabertura da análise da operação mudou de posição e desistiu da reavaliação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies