Menu
2018-12-19T12:45:16-02:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
RECOMPENSA

Petrobras aprova pagamento de R$ 4,293 bilhões em dividendos aos acionistas

Em fato relevante, a companhia destaca que o valor será pago em até 60 dias após a Assembleia Geral Ordinária (AGO) a ser realizada em 25 de abril de 2019, ou em outra data a ser deliberada na AGO

19 de dezembro de 2018
9:15 - atualizado às 12:45
Petrobras
Imagem: shutterstock

Em reunião realizada nesta terça-feira (18), o conselho de administração da Petrobras aprovou a distribuição antecipada aos acionistas sob a forma de juros sobre o capital (JCP) de R$ 4,293 bilhões, ou seja, R$ 0,05 por ação ordinária e de R$ 0,70 por ação preferencial (valor bruto). Em fato relevante, a companhia destaca que o montante será pago em até 60 dias após a Assembleia Geral Ordinária (AGO) a ser realizada em 25 de abril de 2019, ou em outra data a ser deliberada na AGO.

A companhia ficou sem pagar dividendos aos acionistas por três anos diante da crise que assolou a empresa em meio à Lava Jato e aos problemas da economia brasileira e da cotação do barril do petróleo. A companhia voltou a remunerar o acionista em maio deste ano e em agosto.

A estatal anunciou em março deste ano uma nova política de remuneração dos acionistas. Em vez de pagamentos anuais, a Petrobras passou a aprovar pagamentos trimestrais de dividendos e juros sobre  o capital para os acionistas.

Dividendos em 2018

A gigante também informa que o valor será provisionado nas demonstrações contábeis do quarto trimestre deste ano, com base na posição acionária de 21 de dezembro de 2018.

Com isso, o total antecipado referente ao exercício de 2018 soma, incluindo essa parcela, R$ 0,25 por ação ON e R$ 0,90 por ação PN.

No caso das ADRs negociadas na Bolsa de Nova York (NYSE), a empresa diz que as datas serão oportunamente divulgadas pelo The Bank of New York Mellon, banco depositário dos recibos.

A companhia ainda destaca que os valores serão atualizados pela variação da Selic, de 31 de dezembro de 2018 até a data do efetivo pagamento. Também incidirá sobre esse montante imposto de renda retido na fonte, "mediante aplicação da alíquota cabível".

Porém, as retenções de imposto de renda não serão aplicadas aos acionistas cujos dados cadastrais comprovem a condição de imunes, isentos ou acionistas domiciliados em países ou jurisdições para os quais a legislação estabeleça tratamento diverso.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

impactos da crise

Oferta global de petróleo deve cair 7,1 milhões de barris por dia em 2020

De acordo com a AIE, o suprimento global da commodity apenas em junho caiu 2,4 milhões de bpd, para 86,9 milhões de bpd. Este é o menor patamar medido nos últimos nove anos

Bridge the Cash

O que o Fiat 147 ensina sobre a pandemia

Reaquecimento da economia se assemelha à partida de um carro a álcool: como e quando injetar a gasolina é a questão-chave.

crise no setor

Latam diz que demanda caiu 95,2% em junho, na comparação anual

No Brasil, a demanda caiu 89,5% e a oferta diminuiu em 87,6% em junho no comparativo anual

Podcast Touros e Ursos

AO VIVO: Seu Dinheiro discute os movimentos da bolsa, a economia real e muito mais a partir das 12h

O que o mercado vê de tão positivo na economia, a ponto de levar o Ibovespa de volta aos 100 mil pontos? O podcast Touros e Ursos debate o racional por trás da recuperação da bolsa

abaixo de 50 pontos

Confiança dos empresários da indústria melhora pelo 3º mês seguido em julho

Após tombo histórico, indicador patinou para 34,7 pontos em maio, subiu para 41,2 pontos em junho e chegou agora aos 47,6 pontos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements