Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-04T14:00:31-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Mercados

Mercado vive ressaca após Ibope, mas investidores estrangeiros trazem um “Engov”

Melhora de Haddad (PT) nas pesquisas trouxe mau humor para os negócios, mas fluxo estrangeiro ajudou a recuperar o mercado

25 de setembro de 2018
18:00 - atualizado às 14:00
Ressaca
Mercado operou de ressaca com resultados da pesquisa Ibope, mas estrangeiros trouxeram alívioImagem: Shutterstock

O mercado amanheceu de ressaca nesta terça-feira, 25, após divulgação da pesquisa Ibope ontem à noite. O Ibovespa chegou a ficar próximo dos 76 mil pontos e o dólar superou os R$ 4,13 no fim da manhã. Mas um grande fluxo estrangeiro no país durante a tarde trouxe aquele remedinho para amenizar os efeitos das eleições tanto na bolsa como no câmbio.

No fechamento do dia, o dólar recuou 0,38%, a R$ 4,072, com o Banco Central rolando 10.900 contratos de swaps cambiais com vencimento em outubro para conter a desvalorização. Já na bolsa de valores, o Ibovespa encerrou em alta de 0,83% aos 78.630 pontos.

Blocão da siderurgia

Um destaque do pregão foram as ações da Vale e siderúrgicas, que subiram em bloco. Os papéis ordinários da mineradora brasileira se valorizaram quase 3,32%. Nas siderúrgicas, CSN ON avançou 5,69, seguida de Gerdau PN (5,43%), Gerdau Metalúrgica PN (4,26%) e Usiminas PNA (2,76%).

A euforia teve motivo: o novo relatório do BTG Pactual sobre o setor. O banco afirma que as incertezas políticas ainda não impactam nos negócios das companhias e que a demanda está se mantendo. Vendas domésticas em alta foram citadas pelo BTG como sinais positivos.

A Moody's também trouxe novidades nas suas avaliações sobre o setor de siderurgia. A agência manteve a perspectiva estável para o segmento no período de 12 a 18 meses. O cenário é positivo, mas a Moody's disse não esperar que a indústria siderúrgica volte aos níveis anteriores à recessão no médio prazo.

A sombra do PT

A perspectiva da volta do PT ao governo, que já havia sido anunciada ontem com a pesquisa BTG Pactual e depois com o Ibope à noite, entrou no radar dos investidores.

O levantamento mostrou que, enquanto Jair Bolsonaro (PSL) manteve os mesmos 28% das intenções de voto apurados no levantamento anterior, Fernando Haddad (PT) cresceu de 19% para 22%. No segundo turno, Bolsonaro passou a perder de todos os adversários e apenas empata com Marina Silva (Rede).

Nas alturas

Entre as commodities, os contratos futuros de petróleo continuaram avançando apoiados pela decisão da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) e de outros produtores, como a Rússia, em não elevar a produção para derrubar os preços. O barril do WTI negociado em Nova York fechou o dia cotado a US$ 72,28. Já o Brent negociado em Londres encerrou valendo US$ 81,87, o maior nível desde 2014. A alta da produção era um pedido dos Estados Unidos.

Copom

Hoje também foi dia de divulgação da ata do Copom, que aconteceu na semana passada. Ficou claro que os próximos passos da política monetária vão estar condicionados ao resultado das eleições de outubro.

Em análise para o Seu Dinheiro, o repórter especial Eduardo Campos afirma que se o eleito optar por candidaturas que vão seguir com uma agenda de reformas e ajustes, projeções e expectativas de preços podem permitir manutenção do juro no patamar atual.

Agora, se a visão prevalente for de pouco compromisso com reformas, o BC vai ter de subir os juros para domar as expectativas. Confira a análise completa.

Para ficar de olho

A Petrobras abriu seus números sobre a produção do petróleo em agosto, que tiveram redução de 5,1% comparada a julho. Ao todo, foram produzidos 2,47 milhões de barris de óleo por dia, segundo o Broadcast, do Estadão. A petroleira agora tem planos de ampliar as reservas de seis áreas da Bacia de Campos em 1 bilhão de barris de óleo equivalente (boe).

Na Eletrobras, os acionistas aprovaram ontem a venda das participações acionárias da companhia em seis Sociedade de Propósito Específico (SPE), ainda de acordo com o Broadcast.

Tá positivo de novo

O Grupo Pão de Açúcar teve seu rating revisado de estável para positiva pela Fitch Ratings. O Banco Inter atingiu 1 milhão de clientes pessoas físicas, antecipando sua meta em três meses daquela prevista na oferta de ações realizada no passado.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Petrobras privatizada vira possibilidade, Itaú revisa projeções para o Brasil e outros destaques

A proximidade do ano eleitoral não aprofunda apenas as discussões sobre o aumento de gastos do governo com medidas assistencialistas, como o Auxílio Brasil e o auxílio aos caminhoneiros, confirmados na semana passada após uma manobra no teto de gastos. Com outubro engatando a reta final, restam poucas folhas no calendário de 2021 e oportunidades […]

privatização no radar

Petrobras (PETR4) pede que governo explique estudo para venda de ações; papéis dispararam mais de 6% com rumores sobre privatização

Mais cedo, Bolsonaro reafirmou que a privatização “entrou no radar” do governo, mas destacou que o processo é uma “complicação enorme” e não deve sair tão cedo

FECHAMENTO DO DIA

Petrobras na mira da privatização ajuda Ibovespa a recuperar parte das perdas recentes e bolsa sobe 2%; dólar cai a R$ 5,56

Os investidores começam a semana ainda digerindo a confirmação do rompimento do teto de gastos, mas como a situação deixou de ser especulativa, abriu espaço para uma recuperação puxada pela Petrobras

FINANCIAL PAPERS

Polêmica com vazamentos não afeta balanço do Facebook (FBOK34) e ações avançam em NY

Mais cedo, o noticiário sobre a empresa era dominado por notícias menos favoráveis com a divulgação dos “The Facebook Papers”

Vídeo

All time high do Bitcoin: como fica o mercado de criptos com a principal moeda em alta?

Analista de criptomercado comenta sobre a situação atual desse cenário

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies