Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-04-03T14:53:23-03:00
Estadão Conteúdo
Suspeitas no caso Coaf

Flávio Bolsonaro volta a dizer que Fabrício Queiroz é quem tem que se explicar

Ex-assessor do senador eleito deixou de comparecer por duas vezes ao depoimento no Ministério Público do Rio de Janeiro

22 de dezembro de 2018
9:45 - atualizado às 14:53
Flávio Bolsonaro (PSL)
Flávio Bolsonaro: "não posso ser responsabilizado por atos de terceiros" Imagem: Divulgação

O deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL), senador eleito pelo Rio de Janeiro, usou o Twitter na noite desta sexta-feira, 21, para responsabilizar mais uma vez o ex-assessor Fabrício Queiroz pelas movimentações atípicas apontadas pelo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).

"Pela enésima vez, não posso ser responsabilizado por atos de terceiros e não cometi nenhuma ilegalidade. O ex-assessor é quem deve dar explicações. Todos da minha equipe trabalham e a prova de que o gabinete funciona bem são minhas crescentes votações", escreveu o deputado, filho mais velho do presidente eleito, Jair Bolsonaro.

Queiroz não compareceu nesta sexta-feira, 21, à oitiva do Ministério Público do Rio de Janeiro, que acompanha o caso. Assim como na quarta-feira, dia 19, sua defesa alegou "inesperada crise de saúde" do ex-assessor. Desde a revelação das movimentações financeiras pelo jornal O Estado de S. Paulo, Queiroz manteve o silêncio, enquanto Flávio buscou se distanciar do caso. O MP-RJ convidou o parlamentar a prestar esclarecimentos sobre o caso no dia 10 de janeiro.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

alto escalão

Fleury: CFO Fernando Leão renuncia ao cargo e será substituído por José Filippo

O Fleury informou que os dois executivos trabalharão juntos em um processo de transição estruturado que se terminará em dia 31 de agosto.

brumadinho

Sindicato recorre e indenização da Vale pode chegar a R$ 3 mi a cada morto em MG

Em nota, a Vale reiterou que está comprometida em indenizar as famílias das vítimas da tragédia de Brumadinho de “forma rápida e responsável”

A bolsa como ela é

3 pegadinhas em balanços de empresas da bolsa que você deve ficar de olho

Não precisa ser um Sherlock Holmes para avaliar os resultados de empresas listadas – embora o trabalho de analista guarde muitas semelhanças com o de um detetive

de olho na inovação

Amazon sinaliza interesse por criptomoedas em anúncio de emprego

Empresa procura “um líder de produto experiente para desenvolver a estratégia e o roadmap de produtos e moedas digitais

balanço em foco

Lucro da Hypera Pharma aumenta 18% no segundo trimestre

Cifra chegou a R$ 470,6 milhões no período; companhia obteve alta de 43,5% na receita líquida, a R$ 1,5 bilhão

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies