Menu
2018-10-07T21:28:46-03:00
Eduardo Campos
Eduardo Campos
Jornalista formado pela Universidade Metodista de São Paulo e Master In Business Economics (Ceabe) pela FGV. Cobre mercado financeiro desde 2003, com passagens pelo InvestNews/Gazeta Mercantil e Valor Econômico cobrindo mercados de juros, câmbio e bolsa de valores. Há 6 anos em Brasília, cobre Banco Central e Ministério da Fazenda.
Eleições 2018

Resultados para Senado e Estados dão favoritismo a Bolsonaro, diz Tony Volpon do UBS

Eleições mostram uma renovação conservadora e mais à direita e reação do mercado deve continuar positiva

7 de outubro de 2018
21:14 - atualizado às 21:28
Montagem com os rostos dos candidatos Fernando Haddad e Jair Bolsonaro
Montagem com os rostos dos candidatos Fernando Haddad e Jair Bolsonaro - Imagem: Seu Dinheiro com Agência Brasil

A grande novidade na eleição não foi o segundo turno entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad. A surpresa mesmo foram os resultados para o Senado e para governador. A avaliação é do o economista-chefe do UBS para o Brasil, Tony Volpon.

“Teve uma guinada de renovação à direita, mais conservadora e que coloca o Bolsonaro como franco favorito”, afirma.

Segundo Volpon, todos esses candidatos que surpreenderam ou são explicitamente ligados ou representam alguma ligação com a candidatura de Bolsonaro.

“Configura não só uma renovação, mas uma renovação mais conservadora e isso pacifica um pouco mais a dúvida sobre qual base Bolsonaro poderia ter no Congresso. Esse resultado configura uma base mais pró-Bolsonaro em Brasília”, diz o economista.

Assim, acredita Volpon, a reação do mercado, que já tem uma preferência expressada por Bolsonaro, ainda deve ser positiva. Os pontos em aberto são as alianças e se Ciro Gomes vai apoiar Haddad ou não.

Entre as candidaturas que surpreenderam estão a de Romeu Zema, do partido Novo, em Minas Gerais, e Wilson Witzel (PSC), no Rio de Janeiro.

Para Volpon, em diversos Estados que terão segundo turno, Bolsonaro surge como um cabo eleitoral importante. E alguns vitoriosos já são devedores políticos dele. Em São Paulo, por exemplo, será importante ver qual será a movimentação de João Dória e do PSDB.

 

 

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Não tem mais desculpa

As opções conservadoras para ganhar mais de 100% do CDI com liquidez diária

Com a Selic tão baixa, algumas instituições financeiras de médio porte passaram a oferecer investimentos de renda fixa conservadora que pagam mais de 100% do CDI com liquidez diária; saiba onde encontrá-los

agora vai?

Caixa Seguridade retoma análise de oferta de ações

Empresa também pretende aderir ao Novo Mercado, segmento de mais alto padrão de governança corporativa da B3; processo havia sido interrompido no ano passado

balanço do ano

Tesouro Direto encerra 2020 com quase 1,5 milhão de investidores ativos

No último mês de dezembro, a STN registrou 67.839 novos investidores ativos. Ao todo, o Tesouro Direto possui 9,2 milhões de investidores cadastrados

balanço

Apple tem lucro de US$ 28,76 bilhões e recorde de receita no 1º trimestre fiscal

Segundo o gerente financeiro da Apple, o desempenho foi puxado por um crescimento de dois dígitos em todas as categorias de produtos da empresa

seu dinheiro na sua noite

Quando as sardinhas engolem os tubarões

Como bem disse o economista John Maynard Keynes, “os mercados podem se manter irracionais por mais tempo do que você é capaz de se manter solvente”. Isso é especialmente verdade para quem resolve apostar na queda de um ativo e o vende a descoberto. E, nos últimos dias, alguns fundos de hedge americanos sentiram isso […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies