Menu
2019-11-01T19:55:15+00:00
No velho continente

Bancos europeus cortam custos e taxam depósitos, em cenário de juros baixos

Bancos vivem um dilema: cortar custos rapidamente ou correr o risco de ficar ainda mais atrás de seus concorrentes nos Estados Unidos

1 de novembro de 2019
19:55
Zona do Euro
Imagem: shutterstock

As taxas de juros muito baixas e a incerteza política e econômica estão forçando os bancos europeus a enfrentar um imperativo ao qual eles têm demorado a responder: cortar custos rapidamente ou correr o risco de ficar ainda mais atrás de seus concorrentes nos Estados Unidos.

O Deutsche Bank está passando por mudanças profundas, eliminando muitas de suas ambições globais para focar mais em empresas alemãs. Outros bancos na Alemanha, Suíça e Espanha começaram a cobrar clientes ricos e corporativos por seus depósitos. O Credit Suisse começará em breve a cobrar clientes com mais de US$ 2 milhões em depósitos a uma taxa de juros de 0,75%.

As taxas de juros estão baixas na Europa há anos, à medida que o Banco Central Europeu (BCE) tenta usar a ferramenta para incentivar empresas e famílias a gastar. Mas as economias no continente começaram a mostras sinais de desaceleração e o BCE foi forçado a dobrar a aposta na estratégia, preparando o cenário para um ambiente de taxas baixas nos próximos anos.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Embora cobrar dos clientes ajude, não é suficiente. Por isso, os bancos estão buscando também formas de atrair depositantes para fazer investimentos que gerem taxas. O ING, por exemplo, fez uma parceria com a seguradora francesa AXA para oferecer produtos de seguros aos clientes.

"Bancos estão analisando mais a eficiência de custos e buscando encontrar um novo modelo de negócios que permita melhores oportunidades de vendas cruzadas", diz o vice-chefe da equipe de bancos da agência de classificação Scope Ratings, Marco Troiano.

*Com informações da Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Prós e contras

Vale a pena optar pelo saque aniversário do FGTS?

Nova modalidade permite ao trabalhador ter acesso a uma parte dos recursos do fundo de garantia ainda que não se enquadre em outros pré-requisitos, mas é preciso abrir mão de sacar o fundo em caso de demissão sem justa causa

Nova modalidade

Você já pode optar pelo saque aniversário do FGTS; confira as regras atualizadas

Opção de saque de parte do FGTS anualmente já pode ser feita desde outubro e não é obrigatória; também não há prazo

A Bula do Mercado

Mercado tem ajuste positivo na volta do feriado

Recorde triplo em Nova York, em meio à otimismo com negociações comerciais entre EUA e China, contrata ajuste positivo no mercado doméstico

A Bula do Mercado

A Bula da Semana: Os sinais da economia

Varejo e serviços no Brasil crescem acima do esperado em setembro, sinalizando expansão mais forte do PIB no 3T19

Fusão no horizonte

O megainvestidor Carl Icahn está dando uma mãozinha para a Xerox comprar a HP

Em meio às notícias de que a Xerox estaria interessada em comprar a HP, o megainvestidor Carl Icahn resolveu entrar no jogo para viabilizar a operação

Contrato fechado

Embraer recebe seis novos pedidos por aeronaves; encomendas somam US$ 374 milhões

A companhia aérea nigeriana Air Peace e a arrendadora egípcia CIAF Leasing acertaram novos pedidos de aeronaves à Embraer

Depois da Previdência...

Reforma tributária pode sair em março, diz Maia

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, tem planos para dar encaminhamento à reforma tributária ainda no primeiro trimestre de 2020

Seu Dinheiro no domingo

O fim do mundo como o conhecemos — ao menos, na renda fixa

Com os juros cada vez mais baixos, é hora de buscar alternativas às opções tradicionais de investimento em renda fixa: eis o tema da pensata de hoje, enviada primeiro aos assinantes da newsletter do Seu Dinheiro

Uma gigante chega ao mercado

A Saudi Aramco quer levantar até U$ 25,5 bi com seu IPO e quebrar o recorde da Alibaba

Considerada uma das empresas mais rentáveis do mundo, a petroleira Saudi Aramco divulgou a faixa de preço e a quantia de ações a serem emitidas em seu IPO

O SEGUNDO MAIS RICO DO BRASIL

Jorge Paulo Lemann: conheça a trajetória do bilionário dos resultados

Como o carioca revolucionou o capitalismo brasileiro, comprou grandes ícones americanos como Budweiser, Burger King e Kraft Heinz, e acumulou uma fortuna de US$ 22,4 bilhões

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements