⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2022-09-22T16:43:04-03:00
Jasmine Olga
Jasmine Olga
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo pela Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo Centro de Cidadania Fiscal (CCiF) e o setor de comunicação da Secretaria da Educação do Estado de São Paulo
CADA VEZ MAIS FORTE

Itaú Unibanco (ITUB4) deve ter mais um ano forte em 2023 — com potencial de alta de 33% nas ações, segundo o Bradesco BBI

Com os novos cálculos, o Bradesco acredita que as ações do Itaú podem chegar a valer R$ 38 — o que indica um potencial de alta de 33%

22 de setembro de 2022
15:42 - atualizado às 16:43
Logo do Itaú em fachada do banco; vagas de emprego
Imagem: Shutterstock

O Itaú Unibanco (ITUB4) vem apresentando um resultado operacional forte e consistente ao longo de 2022 e suas ações acumulam ganhos de quase 40% no ano — mas parece que o bancão ainda tem terreno para ganhar. 

Pelo menos é isso que os analistas do Bradesco BBI. Em relatório divulgado nesta quinta-feira (22), o banco de investimento melhorou as projeções de lucro e receita para os dois próximos anos e aproveitou para atualizar o preço-alvo das ações ITUB4. 

Com os novos cálculos, o Bradesco acredita que as ações do Itaú podem chegar a valer R$ 38 — o que indica um potencial de alta de 33% com relação ao fechamento da última quarta-feira (R$ 28,30)

Vamos aos cálculos

Para os analistas, o lucro do Itaú pode ter um crescimento de 10% no próximo ano, enquanto a receita líquida deve ser deR$ 37,1 bilhões — alta de mais de 16% no comparativo anual e que leva a um retorno sobre patrimônio (ROE) para a casa de 21,50%. 

Embora as estimativas para 2022 tenham se mantido inalteradas, os números de 2024 também foram revistos. O crescimento esperado agora é de 14,8% para o lucro da empresa e de 10,7% para a receita (R$ 41,1 bilhões). 

Para o Bradesco, a taxa Selic mais alta do que a executada em 2022 deve ser o principal gatilho para o crescimento, ajudado também por uma precificação eficiente dos serviços — superando as perdas inflacionárias. 

Além disso, a construção de um portfólio de crédito mais diversificado ao longo desde ano deve servir como proteção ao crescimento da deterioração no cenário de crédito e evitando novas provisões bilionárias para cobrir as perdas, razões que deixam o atual patamar de preço das ações atrativo. 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

ELEIÇÕES 2022

‘Descamba ao absurdo’: pedido de coligação de Bolsonaro para suspender transporte gratuito nas eleições é barrado por corregedor do TSE

1 de outubro de 2022 - 21:57

Além da petição considerada ‘absurda’, a coligação ainda errou na solicitação, pois a decisão questionada pelo PL determinou apenas que o transporte público opere em níveis normais no próximo domingo

ELEIÇÕES 2022

Contrariando as pesquisas, Bolsonaro espera ser eleito amanhã com mais de 60% dos votos válidos

1 de outubro de 2022 - 21:26

Bolsonaro disse esperar que as eleições ocorram com “lisura” e “transparência” e voltou a fazer ameaças contra o STF

NA CONTA DA Berkshire Hathaway

Warren Buffett já perdeu US$ 36 bilhões com a Apple neste ano; por que uma das “joias da coroa” do megainvestidor despenca no mercado acionário?

1 de outubro de 2022 - 20:32

Os ativos da gigante de tecnologia acumulam queda de 24% este ano, refletindo o mercado tech e também fatores internos

ELEIÇÕES 2022

Lula não teme golpe de Bolsonaro — petista diz que, se for eleito, “haverá posse”

1 de outubro de 2022 - 19:29

O ex-presidente indicou que acredita na vitória, mas ainda não sabe se ela virá no primeiro ou segundo turno

ELEIÇÕES 2022

Último Datafolha mostra Lula com 50% das intenções de voto, contra 36% de Bolsonaro; petista manteve vantagem e pode levar o pleito no primeiro turno

1 de outubro de 2022 - 18:12

A última pesquisa Datafolha antes do primeiro turno acaba de ser divulgada e mostra que a distância entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) manteve-se a mesma. O levantamento publicado neste sábado indica que Lula tem 50% dos votos válidos contra 36% de Bolsonaro. A pontuação do petista […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies