🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-06-06T22:19:45-03:00
Carolina Gama
DE GRÃO EM GRÃO

Camil tem café no bule? JP Morgan diz que sim e recomenda a compra de ações CAML3; saiba por quê

Segundo o banco norte-americano, o pior já passou em termos de ganhos, e a estratégia da empresa está apontando na direção certa após a entrada no mercado de café

2 de junho de 2022
14:16 - atualizado às 22:19
Café
Imagem: Shutterstock

Um cafezinho sempre vai bem. No caso da Camil, melhor ainda. A entrada da empresa no mercado de café foi uma das principais razões para o JP Morgan melhorar a classificação das ações CAML3.  

O banco norte-americano passou a recomendar a compra dos papéis — de uma postura neutra — e elevou o preço-alvo de R$ 12 para R$ 13, o que representa um potencial de alta de 33,2% com relação ao fechamento de quarta-feira (02). 

Segundo o JP Morgan, o pior já passou em termos de ganhos, e a estratégia da Camil está apontando na direção certa após a entrada no mercado de café

Além disso, o banco destaca que o feijão e o pescado — que prejudicaram as margens da empresa no quarto trimestre de 2021 — estão melhorando gradativamente em função da melhor oferta de produtos.

Por volta de 14h15, as ações CAML3 operavam em queda de 0,11%, cotadas a R$ 9,75.

Camil (CAML3): vai um cafezinho aí?

A expansão da Camil (CAML3) para o mercado de café apresenta oportunidades de crescimento, segundo o JP Morgan. 

A expansão da nova planta da empresa dedicada à produção de café deve ficar pronta entre outubro e novembro deste ano. 

A Camil, que também é dona da marca União, afirma que está satisfeita com a forma como o público reagiu ao produto, está otimista nessa frente e aberta a novas fusões e aquisições. 

De acordo com o banco, com a capacidade produtiva atual, a empresa pode chegar a 3% de participação de mercado e, com os planos de expansão este ano, até 5%.

Café fraco

Apesar de os consumidores da empresa estarem conseguindo driblar os efeitos da inflação, alguns fatores podem deixar o café da Camil (CAML3) mais fraco. 

O JP Morgan listou alguns riscos para as previsões sobre a empresa: 

  • Impacto pior do que o esperado na demanda de volume resultante da covid-19;
  • Ganhos menores de participação de mercado ao longo do tempo;
  • Fusões e aquisições diluídas podem prejudicar lucros e retornos;
  • Interrupção na colheita de arroz, abastecimento de açúcar e de pescado.

O banco cita ainda os preços dos produtos abaixo das expectativas, o que pode levar a menores estimativas e preço-alvo. 

Segundo o JP Morgan, cada movimento de 10% no preço do arroz altera o Ebitda (lucro antes de juros, impostos, amortização e depreciação) consolidado da empresa em 5%. 

Além disso, mudanças nos benefícios e incentivos fiscais podem impactar as estimativas de resultado para a Camil. 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

NOITE CRIPTO

Sem fôlego: bitcoin (BTC) opera em alta, mas ainda não volta para os US$ 20 mil; entenda por quê

Apesar do respiro desta sexta-feira (1), o bitcoin ainda sente todo o peso de um Federal Reserve mais agressivo contra a inflação. A semana também não foi tão positiva assim com o noticiário do universo digital.

VAI TER QUE PAGAR!

Um acordo de milhões: Petrobras (PETR4) se entende com a ANP sobre royalties da operação de xisto no Paraná

Segundo a estatal, o acordo envolve o pagamento de R$ 601 milhões pela companhia — um montante que já foi provisionado nas demonstrações financeiras

CASOU!

Enfim, sós! Localiza (RENT3) e Unidas (LCAM3) consumam combinação de negócios; confira detalhes

Por conta do enlace, hoje foi o último dia de negociação das ações de emissão da Unidas na B3

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

Ibovespa começa julho com o pé direito, o reforço de caixa da MRV (MRVE3) e a semana em cripto; confira os destaques do dia

Que sexta-feira costuma ser o dia da semana favorito de muita gente não é novidade, mas você já reparou na tendência que temos de tentar fazer dele o mais leve de todos para não atrapalhar o descanso do fim de semana? Seja no escritório ou no mercado financeiro, o último dia útil é o momento […]

FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa dá uma pausa nas perdas e sobe 0,29% na semana, mas dólar dispara e chega a R$ 5,32

O começo de julho foi mais animador para o Ibovespa, mas as dificuldades seguem pressionando o câmbio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies