O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-25T17:01:51-03:00
Carolina Gama
FECHAMENTO DO DIA

S&P 500 apaga perdas com ajuda das big techs; Twitter (TWTR34) avança em Nova York e no Brasil; veja detalhes

Depois de muitas idas e vindas e ameaças de bloqueio, a rede do passarinho azul aceitou a oferta do bilionário Elon Musk; ações na Europa não tiveram o mesmo desempenho

25 de abril de 2022
17:01
bandeira dos estados unidos em wall street
Imagem: Shutterstock

O S&P 500 conseguiu apagar as perdas e terminar a segunda-feira (25) no azul, levando com ele o Nasdaq e o Dow Jones. Os três principais índices de Nova York superaram as preocupações com uma desaceleração econômica global graças às grandes empresas de tecnologia. 

Alphabet e Microsoft lideraram os ganhos entre as chamadas big techs, deixando para trás seus piores níveis no dia. A recuperação aconteceu antes de uma semana crucial de resultados trimestrais para grandes empresas do setor. 

As ações do Twitter chegaram a subir mais de 6% em Nova York, enquanto as BDRS avançaram mais de 10% na B3, depois que a empresa de mídia social anunciou que aceitou a proposta de compra do bilionário Elon Musk. O negócio está avaliado em cerca de US$ 44 bilhões.

A movimentação no setor de tecnologia ajudou a compensar as preocupações com uma desaceleração econômica global em meio a surtos de covid-19 na China. 

Os juros projetados pelos títulos do Tesouro dos EUA de dez anos — usados como referência pelo mercado — recuaram para o nível de 2,8%.

Confira a variação e a pontuação dos três principais índices dos EUA no fechamento:

  • Dow Jones: +0,71%, 34.052,03 pontos
  • S&P 500: +0,58%, 4.296,43 pontos
  • Nasdaq: +1,29%, 13.004,85 pontos

S&P 500 sobe, mas Europa cai

Diferente do S&P 500, as  bolsas europeias fecharam em forte queda nesta segunda-feira, com as preocupações com a covid-19 na China ofuscando a reeleição de Emmanuel Macron como presidente da França. 

O índice pan-europeu Stoxx 600 fechou em queda de 1,8% com quase todos os setores em território negativo. As ações de recursos básicos — com forte exposição à China — tiveram os piores desempenhos no índice, caindo 5,9%.

  • Londres: -1,88%
  • Paris: -2,01%
  • Frankfurt: -1,54%

Os investidores na Europa digeriram o resultado da eleição presidencial francesa e monitoraram os últimos acontecimentos na Ucrânia.

O francês Emmanuel Macron venceu a rival Marine Le Pen na eleição de domingo (24), garantindo um segundo mandato sua agenda pró-empresas e pró-União Europeia.

Os resultados oficiais mostraram que o centrista Macron, do partido La Republique En Marche, obteve 58,5% dos votos no segundo turno. Le Pen, do partido nacionalista e de extrema-direita Rally Nacional, teve quase 42% dos votos.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

DISTRIBUINDO MAIS DO QUE COMBUSTÍVEIS

Dividendos e JPC: Vibra Energia (VBBR3) anuncia o pagamento de R$ 131 milhões em proventos; confira prazos

Ao todo, a distribuidora de combustíveis já pagou R$ 663 milhões em dividendos e juros sobre capital próprio no exercício de 2021

CSN (CSNA3) e CSN Mineração (CSNA3) vão recomprar até 164 milhões de ações; veja o que muda para os acionistas

As duas companhias aproveitam o momento descontado na B3 para encerrar os programas atuais e iniciar novas operações com duração de um ano

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Inflação derruba bolsas, Hapvida vai às compras e a varejista que ameaça o Magalu; confira os destaques do dia

Depois de um dia de animação, preocupações com o movimento dos preços e a atividade econômica pelo mundo estragaram o humor dos investidores

FECHAMENTO DO DIA

Inflação americana come margem de grandes empresas e derruba bolsas globais; Ibovespa cai mais de 2% e dólar cola em R$ 5

Com inflação pressionando e China voltando a fechar cidades, o Ibovespa caiu menos que as bolsas em Wall Street, mas ainda assim amargou fortes perdas

BR Properties (BRPR3) vende 80% do portfólio para fundo canadense, em transação de quase R$ 6 bilhões

Além de representar um movimento importante no atual cenário macroeconômico brasileiro, a transação marca a saída de boa parte do capital do fundo soberano de Abu Dhabi (ADIA) da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies