🔴 3 ações para LUCRAR com a SELIC em alta: clique aqui e descubra quais são

2022-03-14T18:43:22-03:00
Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
FECHAMENTO DO DIA

Ibovespa recua 1,6% e perde os 110 mil pontos na esteira da queda das commodities; dólar sobe forte e vai a R$ 5,12

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta segunda-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo e as ações com o melhor e o pior desempenho do Ibovespa

14 de março de 2022
18:01 - atualizado às 18:43
Selo Mercados Urso Baixa
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Não é só na filosofia que tudo que é sólido desmancha no ar. No mercado financeiro, por exemplo, a dureza do minério de ferro e a consistência do petróleo não impediram que as cotações das duas commodities derretessem nesta segunda-feira (14) e derrubassem também o Ibovespa.

O mau desempenho das empresas que trabalham com as duas matérias-primas — e, como é o caso de Vale (VALE3) e Petrobras (PETR4), têm um grande peso na carteira — e levou o principal índice acionário da B3 a inverter o sinal logo após a abertura.

Ao longo do dia, o novo adiamento das negociações de cessar-fogo entre Rússia e Ucrânia e a virada para o vermelho também no exterior pioraram o cenário. Em Wall Street, pesaram tanto a guerra, quanto a política monetária — a nova decisão do Federal Reserve (Fed) deve ser anunciada na quarta-feira (16). 

Com isso, o Ibovespa aprofundou as quedas e, no primeiro dia de volta com o fechamento de volta ao horário das 17h, recuou 1,60%, aos 109.928 pontos.

Já o dólar seguiu a trajetória oposta. A moeda norte-americana chegou a ficar abaixo dos R$ 5,04 durante a manhã, mas virou o jogo e registrou forte alta de 1,30%, a R$ 5,12. Confira também como operou o mercado de juros:

  • DI Jan/23: 13,275% (13,152% anterior);
  • DI Jan/25: 12,68% (12,443% anterior);
  • DI Jan/26: 12,490 (12,390% anterior);
  • DI Jan/27: 12,50% (12,211% anterior).
  • IMPORTANTE: liberamos um guia gratuito com tudo que você precisa para declarar o Imposto de Renda 2022; acesse pelo link da bio do nosso Instagram e aproveite para nos seguir. Basta clicar aqui

Dia de commodities em foco no Ibovespa

Com as maiores empresas do Ibovespa relacionadas ao petróleo e minério de ferro, o foco do dia foi o tombo das duas commodities.

O barril do Brent, utilizado como referência internacional, recuou 5,88%, negociado a US$ 106,04. Vale lembrar que a queda ocorreu pouco menos de uma semana depois que o petróleo atingiu os US$ 130 por barril.

A queda do minério de ferro foi ainda mais acentuada: a matéria-prima do aço recuou 7,33%, para os US$ 143,70 a tonelada, no porto de Qingdao, na China. 

Além da aversão geral ao risco, também atrapalhou a commodity uma notícia vinda de um de seus maiores mercados, a China. O gigante asiático colocou a região de Shenzhen inteira em lockdown para tentar conter um surto de covid-19 na região.

Vale lembrar que, apesar do desempenho de hoje, tanto o petróleo quanto o minério de ferro ainda se encontram em patamares superiores aos registrados antes do início do conflito no leste europeu.

Ainda assim, as ações ligadas às duas matérias-primas sofreram com o cenário e dominam a tabela de maiores baixas do dia. Veja abaixo:

TICKEREMPRESAPREÇOVARIAÇÃO
MGLU3Magazine Luiza ONR$ 5,11-6,33%
CMIN3CSN Mineração ONR$ 6,04-6,21%
CSNA3CSN ONR$ 24,37-5,84%
PRIO3PetroRio ONR$ 23,56-5,42%
VALE3Vale ONR$ 91,60-5,36%

Confira também as maiores altas:

TICKEREMPRESAPREÇOVARIAÇÃO
JHSF3JHSF ONR$ 5,116,24%
SANB11Santander BR UNITR$ 33,744,36%
ITUB4Itaú Unibanco PNR$ 42,431,41%
SBSP3Sabesp ONR$ 25,191,41%
PCAR3GPA ONR$ 22,431,31%

Ameaças de greve dos caminhoneiros

Também permanece no radar do mercado e do Ibovespa uma possível greve dos caminhoneiros em virtude da alta do preço dos combustíveis. Mesmo com as tentativas do governo, o diesel deve subir cerca de R$ 0,60.

Durante o final de semana, algumas paralisações pontuais de poucos caminhoneiros chegaram a gerar preocupações, mas foram ativamente desfeitas pelos próprios profissionais.

De acordo com o líder da greve anterior, Wallace Landim “Chorão”, presidente da Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores (Abrava), não há um consenso na categoria para uma paralisação.

Bolsas à espera da 'Super Quarta'

A digestão do conflito entre Rússia e Ucrânia deve perder espaço no noticiário nos próximos dias. A "Super Quarta", como é chamado o dia em que tanto o Federal Reserve quanto o Banco Central do Brasil divulgam suas decisões de política monetária, ocorre nesta semana.

Nos Estados Unidos, além da pandemia e da alta da inflação, ainda existe a questão da guerra na Ucrânia, que pode fazer com que o presidente do Fed, Jerome Powell, seja mais brando no aperto econômico do que o necessário.

O que esperar do Federal Reserve

É preciso lembrar que a inflação nos EUA vem renovando máximas e já é a maior em 40 anos. Dessa forma, os analistas internacionais esperam que o Fed suba os juros em 0,25 pontos-base, de acordo com o consenso do mercado. 

Mas, embora esteja precificada a alta de 0,25 ponto percentual (pp) da taxa de juros, o BC dos EUA terá a difícil missão de decidir se mantém o pé no acelerador do aperto monetário ou se será necessário frear para não lançar a economia norte-americana numa recessão. 

O que esperar do Banco Central do Brasil

Já em terras brasileiras o cenário é um pouco diferente. A alta do petróleo e dos combustíveis, a inflação — que registrou novo recorde em fevereiro deste ano — e a perspectiva de uma eleição turbulenta em outubro formam o terreno perfeito para que a decisão do Copom seja mais pesada do que o esperado. 

É verdade que o BC tem exercido sua autonomia, elevando os juros sempre que necessário. Contudo, nunca de maneira a surpreender o mercado. 

Mas vale lembrar que sempre existe uma perspectiva de que a Selic suba além do consenso. Para esta reunião, os juros básicos devem sair de 10,75% para 11,75%, uma alta de 1 ponto-base — uma redução em relação às elevações anteriores.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Fraqueza nos números

Entrega de veículos da Tesla (TSLA34) recua no segundo trimestre e vem abaixo da expectativa do mercado

Apesar do crescimento das vendas na comparação anual, houve uma queda em relação ao trimestre anterior

Mais uma vítima

Após tomar calote do 3AC, exchange Voyager Digital suspende saques, depósitos e negociações de clientes

Corretora de criptomoedas tomou calote de mais de US$ 670 milhões, mas, apesar de ter tomado empréstimos, precisou paralisar atividades

Bancões na área

Vão sobrar uns cinco ou dez bancos digitais, e o Next está entre eles, diz CEO do banco digital do Bradesco

Renato Ejnisman diz ainda que Next visa a mais aquisições e pensa ainda em internacionalização

No vermelho

Magazine Luiza (MGLU3) é a ação com o pior desempenho do Ibovespa no primeiro semestre de 2022; outras varejistas e techs também sofreram no período

Com queda acumulada de quase 70% no ano, ações do Magalu são as piores do Ibovespa no semestre que acaba de terminar

Proteção

Qual título público comprar no Tesouro Direto? Santander recomenda papel indexado à inflação para o mês de julho; veja qual

Recomendação do banco para o Tesouro Direto visa proteção contra a inflação e possibilidade de valorização

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies