O melhor time de jornalistas e analistas do Telegram! Inscreva-se agora e libere a sua vaga

2022-04-14T17:14:29-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
MERCADOS AO VIVO

Mercados hoje: Ibovespa encerra o dia em queda, acompanhando bolsas de NY. Dólar fecha em leve alta, a R$ 4,69

14 de abril de 2022
9:03 - atualizado às 17:14

RESUMO DO DIA: Às vésperas do feriado da Sexta-Feira Santa, um dos poucos que faz os mercados no mundo inteiro fecharem, o sentimento de cautela predomina nas bolsas. Por aqui, o Ibovespa fechou em leve queda, acompanhando o ritmo das bolsas de Nova York. O petróleo passou o dia no vermelho, mas virou para o positivo - e com força - no final do pregão.

Mais cedo, a proposta de Elon Musk de comprar 100% do Twitter e os balanços dos grande bancos norte-americanos agitaram os mercados.

Acompanhe por aqui o que mexe com a bolsa, o dólar e os demais mercados hoje, além das principais notícias do dia.

FECHAMENTO IBOVESPA

O Índice Bovespa encerrou o pregão desta quinta-feira (14) em queda de 0,53%, aos 116.158 pontos, sujeito a ajustes.

FECHAMENTO NY E DÓLAR
As bolsas de Nova York fecharam em queda:
  • Dow Jones: -0,33%, a 34.450,84 pontos
  • S&P 500: -1,21%, a 4.392,62 pontos
  • Nasdaq: -2,14%, a 13.351,08 pontos

 

O dólar encerrou o dia cotado a R$ 4,6963, alta de 0,16%.

PETRÓLEO FECHA EM ALTA

Depois de passar a maior parte do pregão em queda, o petróleo virou para o positivo e fechou em forte alta nesta quinta-feira (14), estimulado pela notícia de que a União Europeia estaria preparando um plano para proibir a importação da commodity da Rússia.

O contrato do petróleo do tipo WTI com entrega para maio subiu 2,59%, negociado a US$ 106,95.

Já o barril Brent, usado como referência para a Petrobras, encerrou o dia em alta de 2,68%, a US$ 111,70, com entrega para junho.

DÓLAR NAS MÍNIMAS

O dólar à vista reduziu o ímpeto de alta e passou a ser negociado nas mínimas do dia, chegando a R$ 4,6920. O ritmo acompanha o DXY, índice que mede a força do dólar em relação a uma cesta de moedas fortes, que também diminuiu a alta.

OI (OIBR3) DISPARA 5% À ESPERA DA ANATEL

As ações da Oi (OIBR3) sobem 5,06%, à espera da reunião da Anatel desta noite que irá analisar a venda da vertical de fibra ótica para o BTG Pactual.

A venda já havia sido aprovada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) e o aval da Anatel e o último entrave.

Leia mais aqui.

AREZZO AMPLIA A "CASA DE MARCAS"
BOLSAS NA EUROPA FECHAM EM ALTA

A decisão do Banco Central Europeu (BCE) de manter os juros, mas marcar data para o fim dos estímulos monetários, foi bem recebida pelos investidores.

As bolsas europeias fecharam em alta nesta quinta-feira. O índice Stoxx600 subiu 0,67% e todas as principais praças, como Londres e Frankfurt, encerram o dia no azul, com ganhos moderados.

PETROBRAS DE CEO NOVO

Acabou a espera. O conselho de administração da Petrobras (PETR4) aprovou a nomeação de José Mauro Ferreira Coelho como presidente. A cerimônia de posse no novo CEO acontece ainda hoje.

As ações PN (PETR4) da estatal são negociadas em queda de 1,42%, cotadas a R$ 31,19.

IBOVESPA RENOVA MÍNIMAS

Ibovespa cai abaixo dos 116 mil pontos, em nova mínima do dia. A queda é de 0,79%, aos 115.987 pontos.

TOTVS (TOTS3) EM QUEDA

As ações da Totvs (TOTS3) caem 2,91% na tarde desta  nesta quinta-feira  e está entre as maiores quedas do Ibovespa. Os papéis fecharam o dia de ontem em alta de 1,90% após anunciar joint ventura como Itaú, mas o cenário doméstico pessimista os afetou negativamente.

JBS (JBSS3) LIDERA ALTAS DO IBOVESPA

As ações  da JBS (JBSS3) lideram as altas do Ibovespa, avançando 3,15% com investidores à espera de resultados positivos para o primeiro trimestre deste ano. “Os frigoríficos continuam com quadro extremamente favorável com a demanda aquecida principalmente nos EUA , mas também firme na China e nos restante da Ásia”, afirma Rafael Passos, sócio da Ajax Capital.

NY PASSA A CAIR E IBOV SEGUE EM LEVE QUEDA

As bolsas de Nova York passaram para o vermelho, reagindo ao avanço dos juros dos títulos da dívida americana. O presidente do Federal Reserve (Fed) de Nova York, John Williams, afirmou hoje mais cedo que um aumento de 0,5 ponto percentual na próxima reunião de política monetária seria “razoável”.

As ações de tecnologia puxam as quedas no S&P 500 e na Nasdaq. Já o Dow Jones se mantém no positivo.

Por aqui, o Ibovespa  apresenta leve queda desde a abertura. Às 11:41, o índice cedia 0,26%, a 116.477 pontos.

ABERTURA EM NOVA YORK

Dois dos três índices acionários de Nova York abriram em alta nesta quinta-feira.

  • S&P 500: +0,20%
  • Dow Jones: +0,90%
  • Nasdaq: -0,20%

Os investidores reagem ao balanço dos grandes bancos norte-americanos, como o Citi, Morgan Stanley e Goldman Sachs, que vieram acima do esperado.

DE OLHO NA ELETROBRAS (ELET3/ELET6)

O Tribunal de Contas da União (TCU) deverá julgar a segunda etapa da privatização da Eletrobras na próxima quarta-feira, dia 20, segundo o Estadão. Na avaliação do governo, se o julgamento for mesmo concluído nessa data, será possível finalizar a desestatização da estatal até o dia 13 de maio.

Na abertura do pregão de hoje, as ações da Eletrobras (ELET3 e ELET6) operam perto da estabilidade.

Apesar da previsão, membros do TCU admitem a possibilidade de a conclusão do julgamento ser adiada. O governo também colocou no radar esse risco. A avaliação é de que, se o Tribunal não der o aval para a privatização a tempo da operação este ano, será por “interferência política”. (Estadão Conteúdo)

IBOVESPA ABRE EM QUEDA

O Ibovespa abriu a quinta-feira em queda de 0,23%, aos 116.508 pontos.

No mesmo horário, o dólar comercial era negociado em alta de 0,85%, a R$ 4,729.

A queda das commodities, como o petróleo, pesa no principal índice da B3 nesta manhã.

Os investidores também reagem à decisão do Banco Central Europeu (BCE) de manter os juros, mas com uma sinalização do fim do programa de compra de ativos no terceiro trimestre.

Dos quatro grandes bancos norte-americanos que divulgaram balanços hoje, três agradaram o mercado.

As ações do Citi, Morgan Stanley e Goldman Sachs operam em alta de mais de 2% em Nova York após o resultado acima do esperado no primeiro trimestre.

Na outra ponta, o Wells Fargo registra queda no pré-mercado após anunciar receita abaixo do esperado e uma expectativa de perdas maiores com crédito.

 

O BCE manteve os juros, mas deu um sinal importante de que está de olho na inflação: anunciou o fim de compra de ativos do programa chamado APP no terceiro trimestre.

As bolsas europeias se mantém em alta após a decisão. O índice Stoxx600 subia 0,44%. Em Nova York, os futuros do S&P500 e Nasdaq registram leve queda e o Dow Jones registra alta de 0,16%.

IBOVESPA FUTURO ABRE EM QUEDA

O Ibovespa futuro registrava queda de 0,41% logo após a abertura, aos 118.485 pontos.

O dólar comercial é negociado em alta de 0,21%, a R$ 4,699.

O destaque do dia é a decisão do Banco Central Europeu (BCE),que manteve as taxas de juros inalteradas, apesar do avanço da inflação.

ESQUENTA DOS MERCADOS

Subir ou não subir os juros? Eis a questão para o Banco Central Europeu (BCE). As bolsas e os mercados financeiros mundo afora aguardam a decisão na manhã desta quinta-feira em compasso de espera.

O Stoxx600, principal índice de ações europeias, subia 0,20% antes do anúncio do BCE. No mesmo horário os futuros de Nova York operavam perto da estabilidade. Já as bolsas asiáticas fecharam em alta.

Mas a grande surpresa do dia — pelo menos por enquanto — vem do front corporativo. O bilionário Elon Musk lançou uma proposta para comprar 100% do Twitter (TWTR34) por US$ 54,20 por ação em dinheiro.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

NOITE CRIPTO

Não durou muito: bitcoin (BTC) opera em queda e volta a ficar abaixo do nível de US$ 30 mil; veja a performance das outras criptomoedas

O peso da perda de confiança do mercado é um dos pontos que mais afastam o investidor do mercado de criptomoedas atualmente

DISTRIBUINDO MAIS DO QUE COMBUSTÍVEIS

Dividendos e JPC: Vibra Energia (VBBR3) anuncia o pagamento de R$ 131 milhões em proventos; confira prazos

Ao todo, a distribuidora de combustíveis já pagou R$ 663 milhões em dividendos e juros sobre capital próprio no exercício de 2021

CSN (CSNA3) e CSN Mineração (CSNA3) vão recomprar até 164 milhões de ações; veja o que muda para os acionistas

As duas companhias aproveitam o momento descontado na B3 para encerrar os programas atuais e iniciar novas operações com duração de um ano

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Inflação derruba bolsas, Hapvida vai às compras e a varejista que ameaça o Magalu; confira os destaques do dia

Depois de um dia de animação, preocupações com o movimento dos preços e a atividade econômica pelo mundo estragaram o humor dos investidores

FECHAMENTO DO DIA

Inflação americana come margem de grandes empresas e derruba bolsas globais; Ibovespa cai mais de 2% e dólar cola em R$ 5

Com inflação pressionando e China voltando a fechar cidades, o Ibovespa caiu menos que as bolsas em Wall Street, mas ainda assim amargou fortes perdas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies