Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-10-28T18:48:31-03:00
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Diretor de redação do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA, trabalhou nas principais publicações de economia do país, como Valor Econômico, Agência Estado e Gazeta Mercantil. É autor dos romances O Roteirista, Abandonado e Os Jogadores
Um brinde

A Ambev (ABEV3) nunca vendeu tanta cerveja como no 3º trimestre. E as ações dispararam na bolsa

A gigante de bebidas registrou lucro líquido de R$ 3,6 bilhões no terceiro trimestre, alta de 50% e acima do esperado pelo mercado. Hora de comprar a ação?

28 de outubro de 2021
11:31 - atualizado às 18:48
Budweiser, cerveja do portfólio da Ambev
Budweiser, cerveja do portfólio da Ambev - Imagem: Shutterstock

O brasileiro voltou às ruas — e aos bares — com o avanço da vacinação e do relaxamento das medidas de isolamento. Essa é uma ótima notícia para a Ambev (ABEV3), e se reflete nos resultados da cervejaria divulgados na manhã desta quinta-feira.

A gigante de bebidas registrou lucro líquido (atribuído à companhia) de R$ 3,6 bilhões no terceiro trimestre. O resultado ficou acima do esperado pelos analistas e representa um avanço de 50% em relação ao mesmo período do ano passado.

A reação do mercado pode ser resumida no desempenho das ações no pregão desta quinta-feira da B3. ABEV3 disparou 9,40%, para R$ 16,65 — a maior alta do Ibovespa.

A empresa nunca vendeu tanta cerveja em um terceiro trimestre. O volume comercializado cresceu 7,7% em relação ao mesmo período do ano passado e ficou 20,8% acima do registrado no mesmo período de 2019.

Oito dos dez principais mercados da Ambev já crescem acima dos níveis pré-pandemia. No Brasil, a venda de cervejas avançou 7,5% em relação ao terceiro trimestre de 2020.

Foi um crescimento acima média da indústria pelo quinto trimestre consecutivo. Ou seja, a Ambev vem conseguindo superar a arquirrival Heineken, a única que conseguiu tirar o sono da companhia nos últimos anos.

Tanto as marcas tradicionais como as novas e do segmento premium tiveram bom desempenho. As vendas de Skol, Brahma e Antarctica cresceram acima do terceiro trimestre do ano passado e de 2019. Já as marcas novas seguem representando 20% da receita da Ambev no país.

Ambev no digital

A Ambev também segue firme nas iniciativas do lado digital. A plataforma BEES, que atende bares e restaurantes, alcançou 85% dos clientes ativos da companhia.

O Zé Delivery atendeu mais de 15 milhões de pedidos, estável no trimestre, mas ainda assim um desempenho positivo se levarmos em conta o processo de reabertura da economia.

Outro destaque foi a Donus, a empresa de serviços financeiros (fintech) da Ambev, cujo volume de transações triplicou no trimestre, com o dobro da base de clientes em relação ao fim de junho.

Margens da Ambev no gargalo

Com o avanço nas vendas, a receita líquida da Ambev alcançou R$ 18,5 bilhões, uma alta de 18,5% na comparação com o terceiro trimestre do ano passado.

Parte desse aumento, contudo, teve como contrapartida margens mais apertadas, com uma queda 32,5% para 29,6%, uma das menores da história da Ambev, em consequência do aumento das despesas no período. Parte dos custos da empresa é dolarizada e vinculada às cotações das commodities.

O Ebitda (sigla em inglês para lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) aumentou 7,8%, para R$ 5,5 bilhões.

Hora de comprar ABEV3?

Os analistas que acompanham a Ambev foram praticamente só elogios ao resultado, inclusive aqueles que não recomendam a compra das ações.

O Credit Suisse destacou a execução de vendas de alto nível da companhia e recorreram a Mark Twain para elogiar o balanço. “Eles não sabiam que era impossível, então fizeram”, escreveram, em relatório a clientes.

Para o Morgan Stanley, a Ambev deve enfrentar um ano mais difícil em 2022. “Mas vemos risco de alta em nossas premissas de volume neste momento.”

Confira a seguir a recomendação e o preço-alvo para as ações ABEV3:

  • BofA Securities: underperform (venda), com preço-alvo de R$ 15,50
  • Citi: neutra, com preço-alvo de R$ 17,00
  • Credit Suisse: compra, com preço-alvo de R$ 18,50
  • Goldman Sachs: venda, com preço-alvo de R$ 13,00
  • Morgan Stanley: underweight (venda), com preço-alvo de R$ 13,00
  • XP: compra, com preço-alvo de R$ 20,00

Leia também:

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

INCERTEZAS NO RADAR

CEO da Moderna levanta dúvidas sobre eficácia de vacinas contra a ômicron e provoca reação negativa nos mercados

Stéphane Bancel disse que cientistas consultados por ele esperam ‘queda significativa’ na eficácia dos imunizantes contra a nova cepa

INSIGHTS ASSIMÉTRICOS

Os investidores agora viraram virologistas: os impactos da Ômicron sobre os mercados

Ainda não sabemos o bastante para decidir se esta é uma oportunidade de compra, mas parecemos estar mais preparados como sociedade para enfrentar o problema

VAREJO DECEPCIONADO?

Black Friday supera prévias, mas vendas do fim de semana ainda ainda perdem para os números registrados em 2019

Segundo índice calculado pela Cielo, as vendas cresceram 6,9% em relação ao ano passado, mas foram 3,8% inferiores ao período pré-pandemia

Adeus ano velho

Ano novo, impostos novos! Reforma do IR fica para 2022, confirma presidente do Senado

O governo Bolsonaro pressionava pela aprovação da proposta para financiar o Auxílio Brasil, mas não conseguiu apoio na Casa

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Bitcoin e bolsa se recuperam após susto com nova variante, Azul e Latam sobem o tom e outros destaques do dia

Pouco se sabe ainda sobre a nova variante do coronavírus detectada na África do Sul, mas o que veio à público até agora é muito melhor do que o mercado financeiro precificou na última sexta-feira (26). Sem o pânico visto na semana passada, o Ibovespa encontrou forças para abrir a semana em alta.  Um estudo […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies