Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-07-27T17:28:38-03:00
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
Diversificação

De cabeça no mundo cripto: Goldman Sachs pretende lançar ETF focado em blockchain e finanças descentralizadas (DeFi)

O ETF Goldman Sachs Innovate DeFi e Blockchain Equity vai seguir um índice ainda em desenvolvimento da Solactive, uma empresa alemã especializada nesse setor

27 de julho de 2021
11:57 - atualizado às 17:28
goldman sachs, criptoativos, etf, blockchain, defis, finanças descentralizadas
Imagem: Shutterstock

O mundo das criptomoedas tem uma grande quantidade de admiradores e detratores. Mas até mesmo esse grupo de críticos reconhece o valor da chamada blockchain, a tecnologia que permite armazenar de forma segura um grande número de informações e possibilitou a criação do bitcoin.

As criptomoedas são apenas um fio do grande novelo dessa inovação. Pensando nisso, o Goldman Sachs registrou na SEC, a CVM americana, a intenção de lançar um ETF (fundo de índice, na tradução do inglês) focado em empresas que trabalham com blockchain e finanças descentralizadas, as DeFis.

A entrada do banco norte-americano é um passo importante no processo de institucionalização do mercado de criptomoedas. O ETF Goldman Sachs Innovate DeFi e Blockchain Equity vai seguir um índice ainda em desenvolvimento da Solactive, uma empresa alemã especializada nesse setor. 

Ainda não se sabe quais serão os ativos que devem fazer parte do Solactive Descentralized Finance and Blockchain Index, apesar de a empresa ter diversos índices relacionados a criptomoedas e blockchains. 

E o mercado?

No início do mês, o próprio Goldman Sachs lançou uma pesquisa que mostrava que 60% dos super-ricos investiam ou tinham a intenção de colocar dinheiro em criptomoedas como uma proteção contra a inflação.

A instituição financeira foi uma das primeiras a adotar o bitcoin como opção para diversificação das carteiras, junto com JP Morgan e Morgan Stanley. A procura por criptomoedas tem aumentando nos últimos meses e instituições sólidas no mercado acabam trazendo mais credibilidade dos investidores.

Vale lembrar que o investimento em criptomoedas é altamente arriscado. Os especialistas recomendam cautela antes de colocar seu dinheiro em qualquer projeto, incluindo o bitcoin. Por mais consolidado que o ativo esteja, sua alta volatilidade pode gerar perdas no curto prazo.

Por volta das 11h, a principal criptomoeda do mercado deixava evidente essa alta volatilidade. Depois operar em alta durante a manhã, o bitcoin (BTC) inverteu o sinal e passou a recuar 1,12%, cotado a US$ 37.991,57. Nos últimos sete dias, a valorização é de 28,22%, em especial após os ganhos do final de semana.

Veja as perspectivas para o bitcoin nos próximos meses neste vídeo do nosso canal de YouTube:

ETF à brasileira

A nossa B3 já conta com alguns ETFs de criptomoedas. Confira o desempenho deles no pregão de hoje:

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

IPO adiado

Bluefit: nem desconto de 20% garante estreia da rede de academias na bolsa

Inicialmente estimado em R$ 600 milhões, IPO da rede de academias de baixo custo agora deverá ter o valor reduzido e envolver apenas investidores institucionais, como fundos e fundações

Tensão EUA-China

Executiva da Huawei detida no Canadá em 2018 volta à China após acordo com os EUA

Confinada à cidade de Vancouver há quase três anos, onde havia sido presa sob acusação de fraude, CFO da Huawei, Meng Wangzhou, protagonizou incidente diplomático entre Canadá, EUA e China

o melhor do seu dinheiro

Mercados na semana: O destino da Evergrande, uma análise da Vale e seis ações indicadas por analistas

A semana que termina nos mercados foi marcada pela incerteza quanto ao futuro da incorporadora chinesa Evergrande e seus desdobramentos sobre a economia global. A crise na empresa, que tem um passivo oscilando à beira da insolvência, é consequência do aperto monetário e regulatório sobre o setor promovido pelo governo chinês desde o final do […]

Estimativas

Carrefour (CRFB3) divulga projeção para Atacadão e estima R$ 100 bi em vendas em 2024

A projeção de vendas brutas da rede no exercício social que se encerrará em 31 de dezembro de 2021 é de R$ 60 bilhões

PODCAST MESA PRA QUATRO

Da Conga até o Tik Tok: Gretchen conta de sua carreira artística e como administra seu dinheiro

Aos 60 anos, Gretchen relata sobre sua independência financeira e histórias de família e de carreira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies