';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2021-07-27T17:28:38-03:00
Renan Sousa
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Formado em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo e SpaceMoney. Twitter: @RenanSSousa1
Diversificação

De cabeça no mundo cripto: Goldman Sachs pretende lançar ETF focado em blockchain e finanças descentralizadas (DeFi)

O ETF Goldman Sachs Innovate DeFi e Blockchain Equity vai seguir um índice ainda em desenvolvimento da Solactive, uma empresa alemã especializada nesse setor

27 de julho de 2021
11:57 - atualizado às 17:28
goldman sachs, criptoativos, etf, blockchain, defis, finanças descentralizadas
Imagem: Shutterstock

O mundo das criptomoedas tem uma grande quantidade de admiradores e detratores. Mas até mesmo esse grupo de críticos reconhece o valor da chamada blockchain, a tecnologia que permite armazenar de forma segura um grande número de informações e possibilitou a criação do bitcoin.

As criptomoedas são apenas um fio do grande novelo dessa inovação. Pensando nisso, o Goldman Sachs registrou na SEC, a CVM americana, a intenção de lançar um ETF (fundo de índice, na tradução do inglês) focado em empresas que trabalham com blockchain e finanças descentralizadas, as DeFis.

A entrada do banco norte-americano é um passo importante no processo de institucionalização do mercado de criptomoedas. O ETF Goldman Sachs Innovate DeFi e Blockchain Equity vai seguir um índice ainda em desenvolvimento da Solactive, uma empresa alemã especializada nesse setor. 

Ainda não se sabe quais serão os ativos que devem fazer parte do Solactive Descentralized Finance and Blockchain Index, apesar de a empresa ter diversos índices relacionados a criptomoedas e blockchains. 

E o mercado?

No início do mês, o próprio Goldman Sachs lançou uma pesquisa que mostrava que 60% dos super-ricos investiam ou tinham a intenção de colocar dinheiro em criptomoedas como uma proteção contra a inflação.

A instituição financeira foi uma das primeiras a adotar o bitcoin como opção para diversificação das carteiras, junto com JP Morgan e Morgan Stanley. A procura por criptomoedas tem aumentando nos últimos meses e instituições sólidas no mercado acabam trazendo mais credibilidade dos investidores.

Vale lembrar que o investimento em criptomoedas é altamente arriscado. Os especialistas recomendam cautela antes de colocar seu dinheiro em qualquer projeto, incluindo o bitcoin. Por mais consolidado que o ativo esteja, sua alta volatilidade pode gerar perdas no curto prazo.

Por volta das 11h, a principal criptomoeda do mercado deixava evidente essa alta volatilidade. Depois operar em alta durante a manhã, o bitcoin (BTC) inverteu o sinal e passou a recuar 1,12%, cotado a US$ 37.991,57. Nos últimos sete dias, a valorização é de 28,22%, em especial após os ganhos do final de semana.

Veja as perspectivas para o bitcoin nos próximos meses neste vídeo do nosso canal de YouTube:

ETF à brasileira

A nossa B3 já conta com alguns ETFs de criptomoedas. Confira o desempenho deles no pregão de hoje:

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

DIA 27

De Lula, com carinho: o recado da Carta de Brasília aos bolsonaristas

27 de janeiro de 2023 - 20:22

Além de assinar o documento com governadores, o presidente tratou da compensação do ICMS — discussão que deve continuar com a ajuda de uma comissão que atuará junto ao Supremo Tribunal Federal (STF)

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Como o Ibovespa superou a forte queda da Petrobras (PETR4) e subiu nesta semana? Confira os destaques dos últimos dias

27 de janeiro de 2023 - 18:58

Veja tudo o que movimentou os mercados nesta sexta-feira, incluindo os principais destaques do noticiário corporativo

Dinheiro no bolso

ETF que paga dividendos vem aí: bolsa libera listagem de fundos de índices de ações que pagam proventos

27 de janeiro de 2023 - 18:00

A partir de segunda-feira (30), ETFs de ações que pagam proventos poderão ser listados na bolsa brasileira; fundos que já existem, porém, não poderão passar a pagar dividendos

PRESENTE DE RUSSO

Vingança! Putin não deixa barato e prepara mega ofensiva na Ucrânia — entenda o que ele quer com isso

27 de janeiro de 2023 - 17:18

Do outro lado das trincheiras, o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, sinaliza que pode ser tarde demais para negociações de paz

ESCRITA AUTOMÁTICA?

Ações do BuzzFeed disparam após anúncio de investimentos em inteligência artificial para produzir conteúdo

27 de janeiro de 2023 - 15:34

Com investidores ainda repercutindo a novidade, os papéis registravam alta de 73,27%, a US$ 3,62

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies