Menu
2020-03-18T18:13:24-03:00
Kaype Abreu
Kaype Abreu
Jornalista formado pela Universidade de Federal do Paraná (UFPR). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV) e colaborou com Estadão, Gazeta do Povo, entre outros veículos.
crise coronavírus

Governo anuncia R$ 15 bilhões em auxílio a trabalhadores e promete socorrer aéreas

Setor está entre os mais afetados pela crise desencadeada pelo coronavírus; governo também informou mais um integrante do Executivo infectado pelo novo vírus

18 de março de 2020
15:36 - atualizado às 18:13
Entrevista coletiva Bolsonaro coronavírus
Imagem: Reprodução /CNN

O ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que o governo vai lançar um auxílio de R$ 15 bilhões a trabalhadores informais durante três meses. Uma Medida Provisória deve ser assinada ainda nesta quarta-feira (18), mas precisa de aprovação do Congresso.

Cada trabalhador informal deverá receber o valor R$ 200 em ajuda financeira. Sem dar mais detalhes, o Executivo também anunciou que vai promover um prazo maior para companhias aéreas reembolsarem em dinheiro o consumidor — com o objetivo de auxiliar no fluxo de caixa —, e o adiamento de tarifas aeroportuárias e das outorgas aeroportuárias.

Empresas do setor estão entre as mais afetadas pela crise desencadeada pelo coronavírus. Segundo o ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, auxílio para outros setores estão em discussão.

O governo promoveu uma coletiva de imprensa para anunciar novas medidas em reação ao coronavírus. Os integrantes do Executivo usavam máscaras clínicas, após o ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, receber diagnóstico de positivo para coronavírus.

Nesta quarta-feira, o governo federal oficializou o pedido para que o Congresso Nacional declare estado de "calamidade pública" no País. A medida permite que a União amplie os gastos para medidas relacionadas à epidemia do novo coronavírus.

Segundo o Ministério de Saúde, o Brasil tem 290 casos casos confirmados de coronavírus - uma morte foi confirmada até ontem. São Paulo tem 164 casos confirmados.

No alto escalão

Mais cedo, o ministro do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, de 72 anos, disse que seu exame também deu positivo.

O primeiro caso envolvendo a comitiva presidencial que foi aos Estados Unidos foi o do secretário de Comunicação da Presidência, Fabio Wajngarten. Ele voltou ao Brasil na madrugada da quarta-feira passada, no mesmo avião do presidente e de Heleno.

Outros quatro funcionários do GSI que integraram a equipe que acompanhou Bolsonaro na viagem também tiveram diagnóstico positivo para a doença.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

diante da crise

Cortes de emprego nos EUA disparam em março com coronavírus

Número saltou de 56.660 em fevereiro para 222.288 em março

dinheiro no caixa

Petrobras fecha acordo com Sete Brasil e vai reverter provisão de R$ 634 milhões

Anúncio dá mais fôlego para a companhia, que deve ter uma redução de receitas por conta da crise do coronavírus e da disputa de preços

tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

12 notícias para você começar o dia bem informado

Se o coronavírus colocou a população sob isolamento domiciliar, também levou quem estava “isolado” a abrir as portas. Estou falando de diversos fundos de investimento que estavam fechados para novos investidores e agora estão reabrindo para captação. Uma das gestoras que entrou nessa onda foi a Truxt, que tem R$ 12 bilhões na carteira. Em […]

efeitos da crise

BCE adia revisão de estratégia política monetária para 2021

Eventos públicos do BCE e dos bancos centrais nacionais do Eurosistema que estavam planejados para o primeiro semestre deverão ocorrer apenas na segunda metade de 2020

Conteúdo Patrocinado

De volta ao jogo: Ivan Sant’Anna retorna para a bolsa

A volta do Ivan é algo como se o Michael Jordan voltasse hoje a jogar na NBA, ou se o Fenômeno retornasse ao futebol nesta semana.

esquenta dos mercados

Esperança com resolução para crise do petróleo anima mercados, mas covid-19 segue no radar

Mesmo com o alívio das bolsas do exterior, os investidores seguem monitorando os números de casos de covid-19 e as medidas do governo para suporte da população

expectativa

Acredito que Rússia e Arábia Saudita farão acordo sobre petróleo, diz Trump

Republicano confirmou que se encontrará com empresas petrolíferas nesta sexta-feira, 3

diante da crise

Câmara aprova projeto que permite adiar recolhimento de INSS de funcionários

Proposta prevê que as companhias deixem de recolher a contribuição previdenciária dos trabalhadores por 60 dias, prorrogáveis por mais 30

medida emergencial

Governo permite redução salarial de até 70% e suspensão de contratos

Governo pagará uma parte do seguro-desemprego a que o trabalhador teria direito se fosse demitido; empresas sob os regimes de lucro real e lucro presumido, com receita bruta acima de R$ 4,8 milhões, serão obrigadas a arcar com 30% do salário do funcionário para poder suspender o contrato

Entrevista exclusiva

Truxt reabre fundos para captação com foco em ações de “sobreviventes” na B3

Queda generalizada de ações abre oportunidade de compra, mas recuperação das bolsas nos EUA deve ocorrer primeiro, me disse José Tovar, CEO da gestora que possui R$ 12 bilhões em patrimônio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements