⚠️ DIVIDENDOS EM RISCO? Lula, Bolsonaro, Ciro e Tebet querem taxar seus proventos e podem atacar sua renda extra em 2023. Saiba mais aqui

2020-01-29T11:10:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
balanço

Crise do 737 Max faz Boeing ter o primeiro ano de prejuízo desde 1997

Empresa perdeu US$ 636 milhões em 2019, após apresentar prejuízo de US$ 1,01 bilhão no quarto trimestre – analistas esperavam por lucro de US$ 636 milhões no período

29 de janeiro de 2020
11:04 - atualizado às 11:10
miniatura de Boeing 737 MAX
Miniatura de Boeing 737 MAX em exposição em Moscou em julho de 2017 - Imagem: Shutterstock

Impactada pela crise envolvendo o modelo 737 Max, a Boeing obteve o primeiro prejuízo desde 1997, disse a CNN. A fabricante de aviões divulgou nesta quarta-feira (29) que perdeu US$ 636 milhões em 2019, após prejuízo de US$ 1,01 bilhão no quarto trimestre.

Analistas ouvidos pela Bloomberg esperavam que o resultado no trimestre encerrado em dezembro chegasse a US$ 664 milhões. No ano de 2018, a Boeing havia registrado lucro de US$ 10,4 bilhões.

A Boeing passa por uma crise desde a queda de dois aviões modelo 737 Max - o último em março de 2019 -, que matou 346 pessoas, e fez com que a empresa interrompesse a entrega da aeronaves em todo o mundo.

"Nós reconhecemos que há muito trabalho a ser feito", disse o CEO David Calhoun. "Felizmente, a força de nosso portfólio geral fornece liquidez para seguir um processo de recuperação completo e disciplinado".

Por volta das 10h50, as ações da Boeing negociadas no pré-mercado em Nova York subiam 3,15%, a US$ 316,56. Nos últimos 12 meses, os papéis acumulam perdas de 12%. Acompanhe nossa cobertura de mercados.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

EFEITO MEIRELLES 2.0

Bolsa amplia alta e Magazine Luiza (MGLU3) dispara com novo rumor sobre Henrique Meirelles no governo em caso de vitória do petista

30 de setembro de 2022 - 16:01

Descolando de seus pares internacionais, a bolsa brasileira opera em forte alta, mas o grande destaque fica com a curva de juros e a disparada de ações do setor de consumo

É HORA DE COMPRAR?

Morgan Stanley altera recomendação da Weg (WEGE3) de venda para compra e papel sobe mais de 5%

30 de setembro de 2022 - 15:51

Na avaliação dos analistas, a Weg (WEGE3) tende a se beneficiar das tendências de automação, eletrificação e descarbonização do mercado e pode subir 29,3%

BITCOIN NA SEMANA

Bitcoin (BTC) passa por turbulências de bancos centrais e sobrevive a mais uma semana aos US$ 20 mil; veja o que esperar das criptomoedas agora

30 de setembro de 2022 - 13:09

Entre os destaques da semana estão a saída do CEO da Celsius, mudanças na CVM sobre decisão do faraó dos bitcoins e mais

JUST (DON’T) DO IT

Ações da Nike despencam mais de 10% após projeções menos animadoras; o que isso significa para a Centauro (SBFG3)?

30 de setembro de 2022 - 13:06

A gigante dos tênis se viu diante de níveis de estoque excessivos — e o remédio encontrado pela empresa para tentar solucionar o problema atingiu em cheio o lucro do trimestre

RESSACA

Mercado adia para segunda-feira uma reação às eleições após debate sem propostas e com muito bate-boca

30 de setembro de 2022 - 12:57

Apesar da alta vista no Ibovespa nesta sexta-feira, analistas e gestores apontam que o mercado só deve reagir ao pleito quando tiver um cenário mais concreto

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies