';

🔴 O ‘NOVO PETRÓLEO’ FOI ENCONTRADO E JÁ É MOTIVO DE DISPUTA NO MUNDO — DESCUBRA AQUI

Cotações por TradingView
2020-01-20T14:40:45-03:00
Estadão Conteúdo
disputa entre gigantes

Bancos travam guerra silenciosa por clientes na área de crédito imobiliário

No ano passado, até o mês de novembro, o total de crédito imobiliário que migrou para outra instituição somou R$ 1,46 bilhão

20 de janeiro de 2020
14:40
Montagem com fachada de agências dos bancos Santander, Itaú, Bradesco e Banco do Brasil
Fachada de agências dos bancos Santander, Itaú, Bradesco e Banco do Brasil - Imagem: Montagem Andrei Morais / Estadão Conteúdo / Shutterstock

As instituições financeiras travam uma guerra silenciosa pelo cliente na área de crédito imobiliário no Brasil. Entre os cinco maiores bancos do País - Caixa, Banco do Brasil, Bradesco, Itaú e Santander -, nenhum deles aceitou abrir ao Broadcast (sistema de notícias em tempo real do Grupo Estado) seus números mais recentes sobre portabilidade de crédito. Esses dados são considerados "estratégicos" pelas instituições, ainda mais neste momento em que o mercado de crédito habitacional está se abrindo.

Em 2015, o total de crédito imobiliário que migrou para outra instituição somou apenas R$ 68,93 milhões, considerando todos os bancos do País. No ano passado, até o mês de novembro, essa conta já era de R$ 1,46 bilhão. Os números ilustram somente o início da guerra pelo cliente, em um mercado que possui hoje estoque total de R$ 630 bilhões, considerando o financiamento para pessoas físicas.

A Caixa Econômica Federal, que abarca a maior fatia do crédito imobiliário no Brasil, afirma que tem como prioridade a concessão de novos financiamentos, mas também oferece a portabilidade aos interessados. Quando o cliente solicita a mudança da Caixa para outro banco, a estatal analisa a situação específica.

Bradesco, Santander e Banco do Brasil também afirmaram, por meio de assessoria de imprensa, que avaliam "caso a caso" a situação de quem deseja migrar seu financiamento para outro banco. De forma geral, a intenção é sempre reter o cliente que procura a concorrência.

Neste cenário, instituições menores também lutam para conquistar uma fatia maior do mercado. O Banco de Brasília (BRB), que hoje tem atuação concentrada no Distrito Federal, registrou crescimento de 368% do crédito imobiliário ao longo de 2019.

"Tivemos 228 contratos de portabilidade apenas no segundo semestre de 2019", disse o presidente do banco, Paulo Henrique Costa. "Hoje, a distribuição está quase meio a meio, entre novos contratos e contratos de portabilidade."

De acordo com Costa, o crédito imobiliário é estratégico. "Entendemos que o crédito imobiliário é um produto especial, que traz um relacionamento de longo prazo. Ele permite ampliar o relacionamento com o banco e o consumo de outros produtos", afirma.

Para os próximos meses, a meta do BRB é lançar novos produtos, como os contratos prefixados e indexados ao IPCA, inclusive para quem deseja fazer a portabilidade para o banco. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

NÃO É SÓ NO BRASIL

Homem mais rico da Índia, Gautam Adani perde mais de US$ 22 bilhões em fortuna após acusações de fraude; entenda

27 de janeiro de 2023 - 11:55

O dono do Adani Group desabou quatro posições no ranking de bilionários da Forbes depois das acusações, com patrimônio atualmente avaliado em US$ 96,6 bilhões

SEMANA EM CRIPTO

Bitcoin (BTC) sobe mais uma semana antes da Super Quarta; veja o que esperar das criptomoedas com o Banco Central americano no radar

27 de janeiro de 2023 - 11:33

Na semana que vem, o Federal Reserve decidirá sobre os juros dos Estados Unidos e pode animar o mercado já aquecido

BATALHA SOCIETÁRIA

Na disputa com Tanure, Esh Capital volta a aumentar participação na Gafisa (GFSA3)

27 de janeiro de 2023 - 9:41

A gestora de Vladimir Timerman comprou mais ações e aumentou a participação na Gafisa para aproximadamente 15,8%

AQUILO QUE AINDA NÃO SABEMOS

Americanas (AMER3): Confira seis perguntas que seguem sem resposta duas semanas após a revelação do rombo bilionário

27 de janeiro de 2023 - 9:28

Mercado assumiu postura de desconfiança diante das falhas de comunicação e daquilo que encaram como falta de transparência por parte da Americanas (AMER3)

FAZENDO HISTÓRIA

Fim da ‘Guerra Infinita’? Avatar 2 derrota Vingadores e se torna a 5ª maior bilheteria da história do cinema

27 de janeiro de 2023 - 9:27

Após menos de dois meses desde a estreia, a produção atingiu a marca de US$ 2,054 bilhões (cerca de R$ 10,41 bilhões) em arrecadação, segundo o Box Office Mojo

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies