Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-03-17T11:18:54-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Recuperação

China começa a dar sinais de recuperação em março, diz governo

Atividade econômica da China começou a se recuperar em março, uma vez que o surto do coronavírus está praticamente sob controle no país, disseram autoridades do órgão de planejamento econômico do país

17 de março de 2020
11:16 - atualizado às 11:18
ásia china vírus
Imagem: Shutterstock

A atividade econômica da China começou a se recuperar em março, uma vez que o surto do coronavírus está praticamente sob controle no país, disseram autoridades do órgão de planejamento econômico do país nesta terça-feira, citando a melhora da confiança empresarial e o aumento no consumo de energia elétrica.

Mais de 90% das empresas na maior parte do país retomaram as operações, com exceção de Hubei e algumas outras províncias, afirmou Meng Wei, funcionário da Comissão Nacional de Desenvolvimento e Reforma (NDRC, pela sigla em inglês).

Considerando-se o avanço na demanda por energia elétrica de setores industriais específicos em relação ao mesmo período do ano passado, Meng disse que as atividades no segmento de metais não ferrosos foram plenamente retomadas. Já nos setores farmacêutico e siderúrgico, a recuperação foi de mais de 90% e 80%, respectivamente.

Pela primeira vez na história, a atividade empresarial na China ficou amplamente negativa no primeiro bimestre, à medida que as vendas de moradias, operações do setor de construção, as vendas no varejo e a produção manufatureira despencaram, impulsionando o desemprego a níveis recordes, segundo dados oficiais publicados ontem, em razão dos efeitos do coronavírus, que forçaram o governo a anunciar isolamentos de cidades e quarentenas.

Apesar dos sinais de recuperação deste mês, economistas ainda preveem que o Produto Interno Bruto (PIB) da China mostrará forte contração no primeiro trimestre, dificultando os esforços do governo de cumprir suas metas de longo prazo.

Pequim planeja ampliar iniciativas de combate ao impacto do coronavírus, que agora está se alastrando rapidamente fora da China, afirmou Li Hui, outra representante da NDRC.

Li reiterou que o objetivo de longo prazo do governo chinês é "construir uma sociedade moderadamente próspera". A meta envolve a eliminação da pobreza e dobrar o PIB neste ano em relação aos níveis de uma década atrás. Fonte: Dow Jones Newswires.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

próximos anos

Eletrobras aprova em conselho plano de negócios com desinvestimentos de R$ 41 milhões

Entre as medidas previstas está a avaliação de oportunidades para efetuar a gestão dos passivos provenientes de dívidas do Sistema Eletrobras

temporada de resultados

Lucro da Alpargatas, dona da marca Havaianas, cresce 228,7%, R$ 111 milhões

Receita líquida da companhia saltou 71,4% sobre igual intervalo de 2020, para R$ 1,095 bilhão, ao mesmo tempo em que os volumes registraram crescimento de 57%

seu dinheiro na sua noite

As corridas da bolsa e do dólar — e a frustração dos investidores na linha de chegada de julho

Nove em cada dez operadores do mercado financeiro juram, de pés juntos, que o último pregão do mês costuma ser positivo. Ora essas, é a data limite para o fechamento das lâminas de desempenho mensal dos fundos e das carteiras de investimento — e é claro que todo mundo quer estampar o melhor resultado possível. […]

decisão temporária

CVM suspende oferta de recebíveis que financiaria cooperativas do MST

Decisão da autarquia vale por 30 dias; CVM diz que a oferta não apresenta informações consideradas essenciais para os investidores

FECHAMENTO DA SEMANA

Ameaça ao teto de gastos e derretimento do minério de ferro afundam o Ibovespa em mais de 3%; dólar vai a R$ 5,20

Com a pressão das ameaças político-fiscais e a queda brusca do minério de erro, a bolsa brasileira amargou uma queda de mais de 3%. Já o dólar voltou a ser negociado na casa dos R$ 5,20

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies