Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-01-30T18:15:56-03:00
Estadão Conteúdo
AVIAÇÃO

Aéreas brasileiras transportam 104,4 milhões de passageiros em 2019

No mercado doméstico, foram transportados 95,3 milhões de passageiros pagos no ano passado, 1,7% a mais que o verificado em 2018

30 de janeiro de 2020
18:15
Latam – Gol – Azul
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

As empresas aéreas brasileiras transportaram um total de 104,4 milhões de passageiros pagos em 2019, em voos domésticos e internacionais, o que representou crescimento de 1,35% em relação aos 103 milhões de passageiros pagos transportados em 2018. Os dados fazem parte do relatório Demanda e Oferta do Transporte Aéreo, divulgado nesta quarta-feira, 29, pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

No mercado doméstico, foram transportados 95,3 milhões de passageiros pagos no ano passado, 1,7% a mais que o verificado em 2018.

A demanda por voos domésticos (medida em passageiros quilômetros pagos - RPK) cresceu 0,8% e a oferta de assentos diminuiu 1%, resultando em uma taxa média de ocupação de aeronaves de 82,7% durante 2019, que superou o aproveitamento de 81,3% verificado no ano anterior.

Considerando apenas dezembro de 2019, a demanda por voos domésticos cresceu 1,2% e a oferta aumentou 1,9%. No mês, foram 8,9 milhões de passageiros pagos transportados (3,6% a mais que no mesmo mês de 2018) e 83,8% de taxa de ocupação.

Participação

A Gol fechou dezembro de 2019 na liderança do mercado de voos domésticos, com uma fatia de 38,6%, sendo seguida pela Latam (37,7%) e Azul (23,3%). Em relação ao mesmo mês de 2018, a Azul foi a aérea que mais ganhou mercado, com crescimento de 24,2%, sendo seguida por Latam (21,7%) e Gol (1,8%). Juntas, elas atendem 99,6% do mercado nacional.

No mercado internacional operado por aéreas brasileiras, em dezembro de 2019 a liderança permaneceu com a Latam, com 65,5% de participação, seguida por Azul (22,5%) e Gol (12%). A Azul cresceu 47,9% em relação aos 15,2% que detinha no mesmo mês de 2018. Na mesma base de comparação, a Latam cresceu 2,5% em relação aos 63,9% que possuía e a Gol recuou 2,1% em relação aos 12,3% que possuía.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

DE OLHO NA BOLSA

Esquenta dos mercados: Bolsas no exterior operam sem direção definida de olho na inflação dos EUA e Ibovespa mira em coletiva de Paulo Guedes hoje

Depois de recuperar força e encerrar aos 112 mil pontos ontem (27), a bolsa brasileira deve acompanhar a divulgação do resultado primário do governo e a coletiva do ministro da Economia

Sextou com o Ruy

Investindo em startups: empresas iniciantes podem trazer ganhos absurdos com uma grande tacada, mas ela precisa ser certeira

Antes destinado para milionários, hoje em dia já existe plataforma aberta para você investir em startups com grande potencial de valorização. E com aportes tão pequenos quanto R$ 1 mil.

Mais de 200 empresas

A temporada de resultados vem aí: confira o calendário de balanços do quarto trimestre de 2021

A temporada de resultados do quarto trimestre começa nesta terça (1º). Confira o calendário de balanços feito pelo Seu Dinheiro

OFERTA ADIADA

Por que Petrobras (PETR4) e Novonor decidiram suspender a venda bilionária de participação na Braskem (BRKM5)

As duas empresas adiaram a oferta que poderia movimentar mais de R$ 8 bilhões com a venda de até 154,9 milhões de ações da petroquímica

FIM DA SUSPENSÃO

Volta do sistema do Banco Central para consulta de dinheiro ‘esquecido’ em bancos já tem data marcada; veja quando o SVR estará novamente no ar

Quem tiver valores a receber também será informado sobre a data em que poderá solicitar a transferência dos recursos para sua conta

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies