Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-04-29T19:43:06-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Tempo fechado na política, dia ensolarado na bolsa

29 de abril de 2020
19:43
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Mais um dia normal em Brasília. Foi o que me respondeu um gestor de fundos quando o questionei sobre o episódio político desta quarta-feira.

Logo pela manhã, o ministro do STF Alexandre de Moraes concedeu uma liminar que suspendeu a posse de Alexandre Ramagem como diretor-geral da Polícia Federal.

A justificativa foi a conhecida ligação de Ramagem com a família Bolsonaro e o risco de uma de interferência do presidente nos trabalhos da PF.

Os apoiadores de Bolsonaro logo reclamaram de uma suposta intromissão indevida do STF. A mesma alegação usada pelos petistas quando o mesmo Supremo impediu o ex-presidente Lula de assumir a chefia da Casa Civil no finado governo Dilma.

Deixo para você decidir se ambos estão certos ou errados. O fato é que Bolsonaro desta vez não alimentou a polêmica e simplesmente revogou a nomeação de Ramagem.

Mesmo com o tempo novamente fechado em Brasília, a tempestade formada pela substituição frustrada na PF não chegou ao mercado financeiro. Pelo contrário, tivemos um dia ensolarado e praticamente sem nuvens na bolsa.

O Ibovespa subiu 2,29% e fechou acima dos 83 mil pontos. Mas o que mais me impressionou foi a forte queda de quase 3% do dólar, para a casa dos R$ 5,35.

Os ventos favoráveis vieram de fora. Como esperado, o Banco Central norte-americano (Fed) manteve as taxas de juros da maior economia do mundo zeradas e sinalizou que pode imprimir mais dinheiro para estimular a economia se necessário.

Mas as bolsas já vinham no positivo mesmo antes da decisão do Fed. O Victor Aguiar traz um panorama completo do dia e da temperatura nos mercados hoje.

As novatas do clube

A Energisa, a CPFL Energia e a Minerva farão parte da carteira do Ibovespa no período entre maio e agosto. O ingresso das empresas de energia e do frigorífico consta da terceira prévia do principal índice acionário da B3, divulgada nesta quarta-feira. Mas uma companhia vai deixar o clube, que terá agora 75 ativos de 72 empresas.

Melhorou, mas continua ruim

O Credit Suisse elevou a recomendação para as ações da Cielo após a divulgação dos resultados do 1º trimestre. Uma boa notícia, certo? Nem tanto. Os analistas só mudaram de opinião porque veem pouco espaço para a coisa piorar depois da forte queda dos papéis da empresa de maquininhas de cartão. Confira o que eles esperam para o futuro da Cielo e o novo preço-alvo das ações.

Seguro caro

O ministro da Economia, Paulo Guedes, quer reduzir a quantidade das reservas internacionais a fim de diminuir a dívida bruta do Brasil. "Foi isso que fizemos no ano passado. E o Banco Central pode fazer mais um pouco", afirmou Guedes, em videoconferência com lideranças do setor varejista. O ministro lembrou ainda a importância de um juro menor para a conta da dívida pública.

O Oráculo no seu computador

Já programou as lives que você vai assistir no feriadão? Pois eu tenho uma ótima sugestão. Diante da pandemia do coronavírus, o tradicional encontro de acionistas da Berkshire Hathaway, o conglomerado do lendário investidor Warren Buffett, será transmitido online. Será uma grande oportunidade para saber o que o “Oráculo de Omaha” espera para os mercados em meio à crise. Confira os detalhes e também como assistir nesta matéria da Larissa Santos.

De monopólio em monopólio...

Passamos anos reclamando (e alguns lucrando) do oligopólio dos grandes bancos. Até que a chegada das fintechs e das plataformas de investimento das corretoras equilibrou mais o jogo. Ou será que não estamos apenas criando uma nova força desproporcional sobre as demais? O nosso colunista Felipe Miranda trata das consequências de um mercado cada vez mais concentrado nas mãos de poucas empresas, no mercado financeiro e na tecnologia.

Uma ótima noite e aquele abraço!

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Balanço do mês

Bitcoin e dólar são os melhores investimentos de outubro; ativos de risco ficaram para trás de novo

Por pouco o Ibovespa não ficou entre os melhores investimentos do mês, mas segunda onda de coronavírus na Europa derrubou as bolsas; risco fiscal, eleições americanas e indefinição quanto a estímulos fiscais nos EUA também pesaram

seu dinheiro na sua noite

O saci à solta nos mercados

Não sei dizer exatamente quando nem quem tomou a iniciativa de importar dos países anglófonos a celebração do Halloween, o Dia das Bruxas. O fato é que desde que as crianças brasileiras começaram a sair fantasiadas pedindo doces no último dia de outubro houve uma série de tentativas de “tropicalizar” o evento. Embora não seja […]

Disparou

Dívida bruta do governo deverá encerrar o ano em 96% do PIB

Endividamento cresceu 20,2 pontos por causa de pandemia.

fechando a conta

Mais um tombo aí? Ibovespa cai 3% e termina outubro no vermelho, com avanço da covid-19

Índice tem novas perdas fortes em semana difícil e fecha mês em queda de 0,7%. Desempenho reflete mau humor de Nova York com coronavírus e a sangria das ‘big techs’, antes das eleições dos Estados Unidos, fator de incerteza adicional. Após intervenção do Banco Central e com a formação da Ptax, dólar tem queda

pandemia

Governo vai comprar vacina desenvolvida na China, diz Mourão

Vice-presidente disse que polêmica em torno da vacina desenvolvida pela farmacêutica chinesa Sinovac em parceria com o Instituto Butantan é “briga política” com Doria

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies