Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2020-02-05T09:01:59-03:00
Tudo que mexe com o seu dinheiro hoje

14 notícias para você começar o dia bem informado

5 de fevereiro de 2020
9:01
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Hoje cedo saiu o resultado do Bradesco no quarto trimestre de 2019. Em meio a dúvidas sobre a capacidade dos bancões de se reinventar, o Bradesco traz números robustos.

Mas a notícia mais esperada do dia sairá no fim da tarde. O Banco Central divulgará a nova taxa básica de juros, a Selic, atualmente em 4,5% ao ano. A expectativa da maioria dos economistas é de um corte de 0,25 ponto. 

O que você precisa saber hoje:

Mercados

• O Ibovespa encerrou o dia com alta de 0,81%, aos 115.556,71. O dólar avançou 0,21%, a R$ 4,2583. Os destaques positivos foram as ações de Gol, Petrobras e Vale. As ações das construtoras MRV e Tenda também tiveram alta após uma  visão mais otimista do J.P Morgan com relação aos papéis.

• O que mexe com os mercados hoje? Enquanto os investidores locais aguardam a decisão do Copom, o exterior embala mais um dia de recuperação. As bolsas asiáticas fecharam em alta pelo segundo dia consecutivo e os índices futuros em Wall Street também operam no azul.

CONTEÚDO PATROCINADO
• Um plano para alcançar a plenitude financeira. Veja as instruções aqui.

Empresas

• O Bradesco lucrou R$ 25,887 bilhões no ano passado - alta de 20% em relação a 2018. Mesmo em um cenário de queda da Selic, o banco aumentou a rentabilidade sobre o patrimônio líquido em 1,6 ponto percentual no ano, para 20,6%. O Vinícius Pinheiro traz aqui todos os detalhes do balanço. 

• A Locaweb definiu o preço da ação em seu IPO a R$ 17,25, movimentando R$ 1,2 bilhão. A estreia dos papéis na bolsa é amanhã. 

• A Petrobras paga juros sobre capital próprio nesta sexta-feira. Veja aqui os valores que serão pagos por ação. 

• A construtora Moura Dubeux Engenharia anunciou que a oferta inicial de ações na B3 será precificada no dia 11 de fevereiro, e não mais no dia 10.

• A Oi cobra da Gamecorp S.A. - que tem Fábio Luís Lula da Silva, filho do ex-presidente da República, como principal administrador - o pagamento de R$ 6,8 milhões, segundo o jornal Folha de S. Paulo. 

Economia

• A produção industrial brasileira recuou 1,1% em 2019, após dois anos consecutivos de alta, segundo dados divulgados pelo IBGE. O resultado reforça a leitura de que a economia ainda está patinando. 

Política

• O presidente dos EUA, Donald Trump, fez o tradicional discurso do Estado da União exaltando a economia do País. Mas a presidente da Câmara dos Representantes, Nancy Pelosi, roubou a cena ao rasgar uma cópia do discurso de Trump. 

• Segue a apuração do resultado das primárias do partido Democrata americano em Iowa, evento realizado no domingo e marcado pela confusão na apuração do resultado. Com 62% dos votos contabilizados, Pete Buttigieg aparece na liderança, com 26,9% dos votos, seguido por Bernie Sanders, com 25,1%. A votação no estado é vista como um “termômetro” da disputa eleitoral: apontou o vencedor das últimas quatro primárias democratas. 

• Uma proposta de tributação de lucros e dividendos foi incluída em relatório do senador Randolfe Rodrigues no texto da Medida Provisória para pagamento da 13ª parcela do Bolsa Família. A votação da MP deve acontecer na semana que vem.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

ENERGIA

País tem ‘folga’ de energia pelo menos até 2024

“Temos uma folga estrutural, pois tivemos um aumento de capacidade instalada sem a contrapartida de aumento de consumo”, diz Cristopher Vlavianos

ESTÍMULO PARA AS EMPRESAS

China anuncia medidas para ampliar crédito a empresas atingidas pelo coronavírus

Em reunião presidida pelo primeiro-ministro Li Keqiang, o conselho disse que aumentará em 500 bilhões de yuans (US$ 71,2 bilhões) a cota de refinanciamento para empréstimos de bancos a pequenas empresas e fazendeiros

EM BUSCA DE PROTEÇÃO

Temor global com coronavírus faz ouro alcançar maior cotação desde 2013

Apenas neste ano, o ETF acumula alta de 8,25%. A razão para a valorização é uma só: ele é considerado porto seguro de quem investe quando o cenário externo parece mais incerto

JUROS

Crescem apostas do mercado de que FED pode cortar juros nas próximas reuniões

Dados do CME Group mostram que os investidores enxergam 18,8% de chance de um novo corte de juros de 0,25 ponto porcentual na reunião do Comitê Federal de Mercado Aberto (Fomc, na sigla em inglês) de março

CRIPTOMOEDAS

Buffett volta a dizer que “criptomoedas não têm valor e que nunca terá uma”

Apesar de não gostar muito das moedas digitais, o bitcoin não vem fazendo feio. Nos últimos 12 meses, a criptomoeda acumula valorização de 191,50%

SELEÇÃO DE NOTÍCIAS

No radar: Mercados com os nervos à flor da pele

Olá! Os mercados brasileiros continuam fechados nesta terça-feira (25), por causa do Carnaval. O timing dessa parada foi oportuno, já que, lá fora, o clima é de enorme tensão entre os investidores. O aumento súbito nos casos de coronavírus fora da China fez as bolsas globais despencarem na segunda-feira (24). E, hoje, a situação não […]

DE OLHO NA TECNOLOGIA

BC quer criação de fundo para projetos de tecnologia

Os recursos virão de valores pagos pelos bancos ao BC, para uso de sistemas tecnológicos

AS DICAS DO GURU

Coronavírus é ‘assustador’, mas não é hora de vender ações, para Warren Buffett

“Compramos ações para ficar por 20, 30 anos e achamos que o cenário para 20, 30 anos não mudou pelo coronavírus.”

AÇÕES

ADRs do Brasil fecham em forte queda em NY; Vale cai 7,5% e Petrobras recua 6,7%

Os grandes bancos também amargaram perdas importantes em Nova York, embora menores que Petrobras e Vale

OLHO NO VÍRUS

Brasil amplia lista de países para definir suspeitos de coronavírus

Com a nova atualização, a lista agora inclui, além da Itália, Alemanha, França, Austrália, Filipinas, Malásia, Irã e Emirados Árabes

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu