Menu
2020-02-10T15:07:50-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
dados da indústria

Após dois anos de alta, produção industrial recua 1,1% em 2019

Segundo o IBGE, em dezembro produção industrial nacional recuou 0,7% frente ao mês anterior

4 de fevereiro de 2020
10:04 - atualizado às 15:07
Indústria em queda
Região Nordeste, Bahia (-2,9%), Mato Grosso (-2,6%), Pernambuco (-2,2%) e Pará (-1,3%) registraram o restante das quedas - Imagem: Shutterstock

A produção industrial brasileira recuou 1,1% em 2019, após dois anos consecutivos de alta, segundo dados divulgados nesta terça-feira (4) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Entre as atividades, indústrias extrativas, com baixa de 9,7%, exerceu a maior influência negativa na formação da média da indústria, pressionada, em grande medida, pelos itens minérios de ferro.

Segundo o IBGE, em dezembro produção industrial nacional recuou 0,7% frente ao mês anterior. Foi a segunda taxa negativa seguida e acumulando nesse período recuo de 2,4%. Em relação a dezembro de 2018, a indústria caiu 1,2%.

  • Dezembro 2019 / Novembro 2019: -0,7%
  • Dezembro 2019 / Dezembro 2018: -1,2%
  • Acumulado em 2019: -1,1%
  • Acumulado em 12 meses: -1,1%
  • Média Móvel Trimestral: -0,5%

O resultado de dezembro ficou ligeiramente abaixo das expectativas do mercado e eleva a leitura de que a economia brasileira ainda está patinando.

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

O tempo fechou

Crise hídrica piora clima da votação sobre privatização da Eletrobras

Na semana passada, líderes do Senado aumentaram a reação à MP e ameaçaram derrubar a proposta, pedindo até que o texto não fosse pautado

Esquenta dos Mercados

Indicadores econômicos dos EUA devem movimentar o dia, com aumento da cautela antes da ‘Super Quarta’

Depois de um pregão ignorando a Super Quarta, Ibovespa deve sentir o peso da cautela antes da decisão de política monetária no Brasil e nos EUA

E a fila aumenta

BR Partners faz registro de IPO que pode movimentar até R$ 620 milhões

Banco de investimentos fundado por Ricardo Lacerda pretende fazer uma oferta pública de Units, com faixa de preço entre R$ 16 e R$ 19

Pedido ao presidente

Instituto Aço Brasil pede a Bolsonaro para não reduzir tarifa de importação

Na visão do presidente executivo da entidade, Marco Polo de Mello Lopes, não há cenário de excepcionalidade que justifique tal medida

Insights Assimétricos

Preparado para a Super Quarta? O que você precisa saber antes das decisões do Fed e do Copom sobre juros

Um ajuste dos juros, mantendo-os ainda abaixo do neutro (entre 5,5% e 6,5%), seria salutar. Uma alta para além disso, contudo, poderá comprometer a retomada brasileira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies