Menu
Richard Camargo
Aposente-se aos 40 (ou o quanto antes)
Richard Camargo
Formado em Economia pela Universidade de São Paulo, Richard trabalhou por 5 anos na área tecnológica até chegar na Empiricus.
Dados da Bolsa por TradingView
2020-09-18T10:50:29-03:00
Aposente-se aos 40 (ou o quanto antes)

100 dias entre o fundo e topo do mercado

Até aqui, 2020 foi o ano de Amyr Klink, em que aqueles que souberam capotar (entre janeiro e o final de março), passaram pela tempestade sem afundar de vez em mar aberto

20 de setembro de 2020
6:17 - atualizado às 10:50

Olá, seja bem-vindo ao nosso papo de domingo sobre Aposentadoria FIRE® (Financial Independence, Retire Early). 

Nas últimas quatro semanas, escrevi uma série de colunas respondendo à seguinte pergunta: é investimento ou não é?

Na série, expus nos mínimos detalhes quatro classes de produtos que confundem o investidor iniciante: o Seguro de Vida, a Previdência Privada, os Títulos de Capitalização e o Consórcio.

Agora, o que está martelando minha cabeça é o seguinte: existe um seguro fantástico e gratuito para sua carteira de investimentos, e eu quero te ajudar a usá-lo. 

Um barco pode navegar em qualquer tempestade?

Recentemente eu li “Cem dias entre o céu e o mar”, em que o brasileiro Amyr Klink conta a sua história atravessando o mar aberto entre a costa da África e o nordeste brasileiro, literalmente num barquinho. 

A parte que mais me chamou atenção, e se conecta diretamente com os investimentos, foi a construção do Lat, o barco de Amyr. 

Como ele sabia que enfrentaria todos os tipos de clima numa viagem com duração de quatro meses, em algum momento ele seria um barquinho contra a fúria de uma tempestade em mar aberto. 

Ele fez a seguinte encomenda: um barco pequeno, que não capotasse numa situação como essa. 

Ele queria um seguro perfeito. 

O homem tinha excelentes contatos, e teve professores de física e engenharia da USP trabalhando no projeto, sem sucesso. 

Era impossível construir um barco que nunca virasse. Era impossível ter o seguro perfeito.

Até que alguém (desculpe, não me lembro quem dos vários envolvidos para dar o crédito) teve uma ideia brilhante: ao invés confrontar o problema, Amyr deveria aceitá-lo.

Ao invés de nunca capotar, ele deveria se concentrar em projetar um barco que soubesse como capotar.

Em resumo: Amyr Klink cumpriu sua missão; ele atravessou o mar aberto antes do prazo previsto, e veio literalmente capotando toda vez que uma tempestade aparecia.

O melhor seguro

Lembrei dessa história ao pensar sobre uma angústia que recebo com frequência na minha caixa de e-mails.

Investidores que querem se proteger das oscilações do mercado a qualquer custo. 

Querem um seguro perfeito, que os permita nunca capotarem num mar agitado. Ou seja, nunca verem seus investimentos se desvalorizarem numa tempestade dos mercados.

Esse é um desejo honesto; reconheço isso e também sofro quando meus investimentos estão em meio à tempestade.

Mas o melhor seguro que você pode ter, e ele não vai te custar nada, é literalmente aprender a capotar.

Na prática, eu traduziria isso como a ciência do “não fazer nada”, ou simplesmente ter paciência.

Até aqui, 2020 foi o ano de Amyr Klink, o ano em que aqueles que souberam capotar (entre janeiro e o final de março), passaram pela tempestade sem afundar de vez em mar aberto (entre abril e até o presente momento).

Paciência, meu caro

Experiência em renda variável significa uma coisa só: entender que ela varia. 

Uma variância que se manifesta algumas vezes como ganhos impressionantes; outras vezes como tombos em que você perde até a capacidade de se orientar.

Essa é a essência do investimento em ativos que podem mudar a sua condição de financeira, e a condição da sua família.

Ações, fundos imobiliários, os ETFs, e outras classes de ativos com características similares seguem a mesma regra. Ninguém possui o barco perfeito, mas os membros do Empiricus FIRE® estão firmes em sua travessia, saindo mais fortes (e mais ricos) a cada capote.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Fusão cheia de travas

Na Omega Geração (OMGE3), um grupo importante de acionistas está descontente — e quer barrar os planos da empresa

Fundos detentores de 28,6% da Omega Geração (OMGE3) se uniram e dizem que não vão aprovar a fusão com a Omega Distribuição nos termos atuais

Potencial de 36% de alta

Como fica a XP após a separação do Itaú? Para o JP Morgan, é hora de comprar as ações da corretora

A equipe do JP Morgan vê as pressões vendedoras nas ações da XP após a separação com o Itaú se dissipando; assim, a recomendação é de compra

Digitalização

A hora e a vez do e-commerce: com pandemia, comércio online mais que dobra e já chega a 21% das vendas do varejo

O fechamento das lojas físicas promovido pela pandemia fez o setor de varejo acelerar a aposta no e-commerce e nas vendas digitais

A bolsa como ela é

Stone, Inter e Méliuz caem forte na bolsa. É o fim das fintechs como as conhecemos?

Muito desse movimento tem a ver com a subida dos juros. Mas alguns fatores específicos também pesaram sobre as ações. Em alguns casos, pesaram com razão; em outros, nem tanto

Ajuste seu relógio

Pregão terá uma hora a mais a partir de novembro; entenda a mudança e veja a nova agenda da bolsa

As alterações começam a valer a partir do dia 8 de novembro; a B3 vai ajustar a bolsa para refletir o fim do horário de verão nos EUA

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies