Menu
Richard Camargo
Aposente-se aos 40 (ou o quanto antes)
Richard Camargo
Formado em Economia pela Universidade de São Paulo, Richard trabalhou por 5 anos na área tecnológica até chegar na Empiricus.
Dados da Bolsa por TradingView
2020-10-01T17:12:23-03:00
FIQUE ATENTO

Uma nova oportunidade pode estar surgindo na Renda Fixa

Viemos de um ciclo de cinco anos de quedas nos juros. Os próximos meses serão fundamentais para respondermos a seguinte pergunta: existe uma nova grande tese na renda fixa?

4 de outubro de 2020
5:50 - atualizado às 17:12
empresário telescópio vendo oportunidade dinheiro
Imagem: Shutterstock

Olá, seja bem-vindo ao nosso papo de domingo sobre Aposentadoria FIRE® (Financial Independence, Retire Early). 

Mesmo um plano de aposentadoria precoce, geralmente muito focado na construção de patrimônio, precisa de uma exposição à renda fixa. 

Em alguns momentos - talvez na maior parte deles - essa exposição tende à passividade, não apostando em nenhuma grande tese. 

Essa, inclusive, é uma realidade dos mercados que muitas pessoas se recusam a aceitar: não é sempre que existe uma grande tese. 

Isso é super visível na renda fixa, e vou te mostrar a seguir. 

O clichê da Renda Fixa que não é fixa

Ok, vamos começar pelo clichê. 

A renda fixa, como qualquer outra classe de ativos, têm anos bons e ruins. 

Na verdade, a ponta em que você estava em cada um desses anos é quem vai dizer se você teve um ano bom ou ruim. 

O ponto central é que existem duas maneiras diferentes de navegar nesse mercado: ativa, ou passivamente. 

Como você se expõe passivamente a um título prefixado? 

Você simplesmente compra o título, e o carrega até o vencimento. Só isso. 

Se o título tinha vencimento em 10 anos e juros de 8% ao ano, ao final dos 10 anos você receberá seu principal corrigido pelos juros (se não houver calote, claro). 

Mas na realidade, apenas uma minoria dos investidores se expõe à renda fixa passivamente. 

Para a grande maioria de nós, a renda fixa é tão volátil quanto a renda variável. 

O mecanismo dos juros

Existem dois preços que você precisa ter em mente quando falamos de prefixado: o PU (ou preço unitário) e o valor de face (o quanto ele valerá no vencimento). 

Os títulos prefixados principais ofertados no Tesouro Direto possuem valor de face fixo, igual a R$ 1.000.

Ou seja, no vencimento, você sempre recebe milzão.

Por exemplo: em 30/09/2020, o Pré com vencimento em 2026 era negociado a um PU de R$ 689,49 e uma taxa de juros de 7,35% ao ano. 

Data: 30.09.20

Faça as contas se quiser, você vai ver que esse título vale exatamente R$ 1.000 no vencimento. 

E aí vem a nuance que torna esse mercado parecido com a renda variável: os juros praticados mudam o tempo inteiro. 

Como o valor de face é fixo em R$ 1.000, qualquer mudança nas taxas de juros precisa ser refletida no PU. 

Em outras palavras, ele precisa subir ou cair, para que o novo valor, corrigido às novas taxas de juros, ainda seja igual a R$ 1.000 no vencimento. 

Sendo bem objetivo, o PU sobe quando as taxas de juros caem, e o PU cai quando as taxas de juros sobem. 

Agora, veja o gráfico a seguir.

Difícil, mas recompensador

No gráfico anterior, compilei o histórico dos juros prefixados de 10 anos no Brasil. 

Viemos de um ciclo de cinco anos de quedas nos juros; não foi um processo linear, como fica claro na figura, mas ainda sim, um ciclo com uma direção clara. 

Como escrevi na semana passada, sobre os fatores que tem provocado uma fuga dos investidores do Brasil, os riscos fiscais podem causar uma mudança nessa grande tendência. 

Os próximos meses serão fundamentais para respondermos a seguinte pergunta: existe uma nova grande tese na renda fixa? 

Estamos acompanhando diariamente os desdobramentos, e os primeiros a saber essa resposta serão os membros do Empiricus FIRE®, nossa comunidade com milhares de investidores em busca de construir sua aposentadoria precoce (você encontra neste link um caminho de como fazer parte por sete dias gratuitos).

Um abraço!

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Petróleo na Amazônia

Petrobras quer operar na foz do Rio Amazonas

Estatal apresentou ao Ibama pedido de licença para explorar petróleo na região, que é uma área de sensibilidade ambiental

Juros para cima

Prepare-se para crescimento baixo e inflação alta em 2022: manobra no teto reforça cenário de estagflação

Drible no teto de gastos pode pressionar ainda mais os preços e obrigar a uma alta de juros mais intensa, dizem especialistas

Great Places to Work

As melhores empresas para se trabalhar em 2021: Magazine Luiza é eleito melhor empregador do país entre as grandes companhias; veja ranking completo

Consultoria Great Places to Work Brasil realizou, na última semana, a 25ª premiação das melhores empresas para se trabalhar no país

Setor imobiliário na mira

China testará imposto imobiliário em parte do país para conter especulação

Projeto-piloto será conduzido por cinco anos em algumas regiões do país. Objetivo é distribuir riqueza de modo menos desigual

Clube do livro

Um passeio entre chás, sementes e cerveja: como ‘Uma Senhora Toma Chá…’ conta a história da estatística moderna de maneira descomplicada

O livro de David Salsburg te convida a conhecer o pouco mais de um dos campos mais necessários para o melhor entendimento do mundo das finanças, e claro, da ciência

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies