Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2019-03-19T19:16:06-03:00
Seu Dinheiro na sua noite

Entrevista com o dinheiro

Em dia de encontro oficial entre Bolsonaro e Trump, o Seu Dinheiro tem estreia na cobertura de mercados

19 de março de 2019
19:16
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

Depois da festa, as perguntas. Nem bem o Ibovespa bateu na marca histórica dos 100 mil pontos ontem à tarde, minha caixa de e-mails recebeu várias mensagens de leitores me questionando sobre o futuro da bolsa.

Nós aqui no Seu Dinheiro estamos atrás dessa resposta todos os dias. Opinião todos têm, ainda mais nesses tempos de redes sociais. Mas nesses anos de jornalismo eu aprendi que a melhor forma de saber o que vai acontecer com a bolsa é "entrevistar o dinheiro". Ou seja, conferir o que pensa o tal mercado, até porque é ele que define os preços das ações todos os dias na bolsa.

A boa notícia é que os grandes investidores seguem otimistas com o país, de acordo com uma pesquisa realizada pelo Bank of America Merrill Lynch (BofA) com gestores de fundos. Para você ter uma ideia, são profissionais responsáveis por US$ 261 bilhões em ativos.

O levantamento mostra que 78% dos entrevistados esperam um desempenho melhor para a bolsa nos próximos seis meses, contra 64% da sondagem anterior. Em outras palavras, as chances de a bolsa continuar subindo são grandes.

Esse cenário, contudo, não está consolidado, e depende da aprovação da reforma da Previdência. Aliás, a pesquisa mostra que as atenções do mercado estão cada vez mais voltadas para Brasília do que para eventos externos.

O Edu Campos teve acesso à pesquisa do BofA e conta nesta matéria a expectativa dos gestores de fundos para o Ibovespa no fim deste ano, além das projeções para o dólar e para a taxa básica de juros (Selic).

Novidade no mercado

A cobertura de mercados do Seu Dinheiro traz uma novidade a partir de hoje. O novo titular das nossas reportagens diárias sobre o comportamento da bolsa e do dólar é o Victor Aguiar, jornalista com quem eu trabalhei no Valor e um craque na área. Ele bem que gostaria de estrear contando para você que o Ibovespa fechou pela primeira vez acima dos 100 mil pontos, mas ainda não foi hoje. Saiba com ele o que fez os investidores segurarem o entusiasmo.

Dia 78 de Bolsonaro - Make Brazil Great Again

O presidente Jair Bolsonaro encerrou sua agenda nos Estados Unidos ao lado de Donald Trump apresentando um novo Brasil, “que se apresenta para o mundo sem viés ideológico” e que continuará fazendo negócios com o maior número possível de países. O presidente também reafirmou... (leia mais)

Por trás do pano

Diante dos holofotes, a visita de Bolsonaro e sua equipe corre às mil maravilhas, mas nos bastidores as conversas têm sido mais duras. Não é fácil para nenhum governo conseguir trazer a maior economia do mundo para perto de si, e Paulo Guedes comprovou ao vivo essa teoria. Hoje rolou uma reunião importante entre autoridades dos dois países sobre a entrada do Brasil na OCDE, uma das mais importantes organizações mundiais, mas os americanos se mostraram exigentes ao dar o apoio.

Língua solta

O vice-presidente Hamilton Mourão tem atraído os holofotes desde a vitória de Bolsonaro nas eleições, em declarações que têm servido de contraponto a algumas alas do governo. Esse comportamento inclusive provocou alguns atritos com o núcleo que apoia o presidente. Mourão não se abala, mas hoje escorregou ao falar sobre proposta de reforma da Previdência dos militares. Saiba o que o presidente em exercício disse (e depois desdisse).

Turbinando as fábricas

O governo de São Paulo negociou, e a GM aceitou. Depois de ameaçar deixar o Brasil, a montadora norte-americana decidiu rever suas posições no país e anunciou um investimento bilionário nas fábricas de São Caetano do Sul e São José dos Campos. O projeto faz parte daquele programa de incentivos do governo Doria para que as empresas invistam no Estado, como você lê nesta reportagem.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

Desceu redondo

Na Ambev, a venda de cerveja garantiu o happy hour no primeiro trimestre

A Ambev reportou forte crescimento na receita líquida e no lucro no primeiro trimestre, impulsionada pelas vendas de cerveja no Brasil

cardápio dos balanços

Balanços de Copel, Braskem, Azul e outros mexem com o mercado nesta quinta; veja os destaques

Só no Ibovespa, foram ao menos cinco companhias que revelaram os resultados do primeiro trimestre entre esta quarta e quinta; desempenho mexe com os papéis das companhias

Exile on Wall Street

Investir de maneira inteligente ajuda (mas não garante) retorno

Quero voltar aqui rapidamente ao Day One de terça, quando o Felipe citou o Soros em sua melhor forma, o arquétipo do investidor autocrítico: “Toda posição tem uma ou mais vulnerabilidades.” “Se você acha sua exposição perfeita, cuidado; você apenas não entendeu direito.”  “Sempre existe algo escondido ali, alguma armadilha não percebida a priori. Suas chances de […]

Dentro do balanço

Mercado Livre adere ao bitcoin e coloca R$ 40 milhões da criptomoeda em caixa

O documento foi publicado na página da SEC, a CVM americana, porque a empresa de entregas é listada na Nasdaq

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies