Menu
2019-11-29T14:21:24-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
em busca de recursos

Hypera emite R$ 800 milhões em debêntures

Empresa explica que os recursos captados na nova emissão serão utilizados para atender aos negócios de gestão ordinária, incluindo investimentos

29 de novembro de 2019
11:30 - atualizado às 14:21
Remédio medicamento
Imagem: Shutterstock

A Hypera anunciou nesta quinta-feira (28) sua 8ª emissão de debêntures simples. O valor é de R$ 800 milhões - 80 mil títulos a R$ 10 mil cada. O prazo é de seis anos e a remuneração a taxa DI mais 1,25%.

As debêntures são títulos de dívida emitidos por empresas constituídas sob a forma de sociedades por ações. Em vez de tomarem empréstimos junto a instituições financeiras, a companhia opta por emitir debêntures, vendidas a investidores no mercado financeiro.

A Hypera explica que os recursos captados na nova emissão serão utilizados para atender aos negócios de gestão ordinária, incluindo investimentos. A empresa é a maior empresa farmacêutica do Brasil, em termos de receita líquida.

Por volta das 11h20 desta sexta-feira (29) as ações ordinárias da Hypera (HYPE3) eram negociadas a R$ 33,14, numa leve baixa de 1,31%. No ano, a valorização é da ordem de 13%. Acompanhe nossa cobertura de mercados. 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Novidade na área

Caixa confirma parceria om Visa em cartões

Acordo marca o primeiro negócio fechado pelo banco público para constituir um braço de meios de pagamentos

Ano trágico

Vale tem prejuízo de US$ 1,7 bilhão em 2019; provisões e despesas por Brumadinho chegam a US$ 7,4 bilhões

A Vale fechou 2019 com um prejuízo bilionário, fortemente pressionada pelas provisões relacionadas ao rompimento da barragem em Brumadinho — efeitos que superaram em muito os ganhos relacionados à valorização do minério de ferro no ano

Gigante do varejo

Carrefour registra lucro líquido a controladores de R$ 636 milhões no 4º trimestre de 2019

Resultado representa uma alta de quase 20% na comparação com o mesmo período do ano anterior

Adiou de vez

Bolsonaro confirma envio de reforma administrativa só depois do carnaval

Presidente disse que a reforma administrativa está “madura”, embora ainda não esteja pronta

Na ponta do lápis

Vale, SulAmérica, Carrefour e B2W: os balanços que movimentam o mercado no pré-Carnaval

Na maratona de balanços anuais de 2019, novos peso-pesados do mercado anunciaram seus números

Retorno maior com juro baixo

Menos liquidez, mais diversificação: como os clientes ricos do Itaú andam investindo

Com juro baixo, clientes private do Itaú vêm reduzindo alocação em renda fixa pós-fixada e migrando para ativos com mais risco de mercado ou liquidez, como ações, multimercados e investimentos de baixa liquidez.

Seu Dinheiro na sua noite

Hoje tem recorde do dólar?

Tem, sim senhor. Em mais um dia sem a presença do Banco Central no mercado, a moeda do país de Donald Trump tirou tinta dos R$ 4,40, mas perdeu um pouco de força e fechou aos R$ 4,391, alta de 0,60%. A alta recente do dólar, um movimento que na verdade começou lá em agosto […]

Sem alívio

Mais uma sessão, mais um recorde: dólar segue em alta e chega pela primeira vez aos R$ 4,39

O mercado de câmbio continuou pressionado pelo coronavírus e pela fraqueza da economia doméstica. Nesse cenário, o dólar à vista ficou a um triz de bater os R$ 4,40, enquanto o Ibovespa caiu mais de 1% e voltou aos 114 mil pontos

Ele fica

Ministro chama de ‘maior mentira’ história de pedido de saída de Guedes

Ruído sobre eventual saída do titular da Economia do governo se espalhou pelos mercados nesta semana

Ponto de luxo

Empresário do setor de educação transformará mansão de Edemar Cid Ferreira em escola

Projeto seguirá a linha da Ad Astra School, desenvolvido por Elon Musk

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements