Menu
2019-04-04T14:00:42-03:00
Estadão Conteúdo
Fala de Christine Lagarde

Economia mundial está desacelerando mais rápido do que o esperado, diz FMI

Diretora-gerente do fundo afirmou que não há uma recessão neste momento, mas que ficou claro que os riscos aumentaram

1 de março de 2019
19:05 - atualizado às 14:00
christine-lagarde
Diretora do FMI alertou também para o crescente endividamento mundial, que subiu a US$ 182 trilhões no fim de 2017 - Imagem: Shutterstock

Diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Christine Lagarde afirmou nesta sexta-feira que, embora em 2018 o crescimento econômico no mundo tenha permanecido próximo das máximas após a última crise, a expansão "está desacelerando e mais rapidamente do que o esperado". Segundo ela, não há uma recessão neste momento, "mas é bem claro que os riscos aumentaram".

Em discurso em Lisboa, Lagarde listou desafios ao quadro global, entre eles o aumento das tensões comerciais. Ela citou que uma nova escalada em barreiras comerciais pode reduzir o crescimento global em quase meio ponto porcentual, com cadeias de produção afetadas e ambiente de investimentos mais incerto.

A diretora-gerente do FMI apontou também para o crescente endividamento mundial, que subiu a US$ 182 trilhões no fim de 2017, quase 60% superior a 2007. Isso deixa governos, empresas e famílias mais vulneráveis a um crescimento menor e sem sincronia, bem como a taxas de juros mais elevadas, alertou.

Lagarde afirmou ainda que a transição para um crescimento menor e mais sustentável na China é "bem-vinda", mas ponderou que há risco de desaceleração mais rápida do que o previsto na potência asiática. Mesmo com medidas de estímulo eficazes, elas podem estar orientadas para atividades menores intensivas em importações, com isso o restante do mundo continuará a sentir a desaceleração chinesa.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Agora vai?

MP da Eletrobras: relator mantém ‘jabutis’ e condiciona venda à compra de energia

No texto, Nascimento manteve a possibilidade de renovação antecipada da usina de Tucuruí, um dos maiores ativos da Eletronorte, e incluiu também a prorrogação da concessão da Hidrelétrica Mascarenhas de Moraes para Furnas.

Cresce a fila

CBA, da Votorantim, registra pedido de IPO na CVM

A empresa, que afirma ser a única companhia integrada de alumínio do Brasil, pretende financiar seu crescimento orgânico e inorgânico com os recursos levantados na oferta

O MELHOR DO SEU DINHEIRO

O quebra-cabeças do mercado e outros destaques

Recentemente, eu fui presenteado com um quebra-cabeças de duas mil peças. “Ah, isso vai ser moleza; é só montar as bordas e depois ir preenchendo aos poucos”, pensei eu. Nem preciso dizer que eu estava redondamente enganado: a mesa da cozinha está tomada por pequenas partes de uma paisagem bucólica. De vez em quando eu […]

FECHAMENTO

Ibovespa tem mais um dia de ‘mais do mesmo’ e fecha em leve alta, contrariando NY

Setores pesos-pesados seguraram o índice no azul. O movimento garantiu uma leve alta de 0,03%, mais uma vez deixando o índice na trave dos 123 mil pontos

Vem oferta por aí

Rede D’Or confirma a avaliação para a realização de um follow on

O anúncio foi feito após o jornal Valor Econômico revelar que a companhia prepara uma oferta de ações que pode chegar a R$ 5 bilhões

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies