Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-02-26T16:05:38-03:00
Estadão Conteúdo
Esperança

Mundo pode crescer em 2021 mais que 5,5% previstos em janeiro, diz FMI

Kristalina Georgieva também defendeu crédito para empresas e famílias, a partir das circunstâncias de cada país, até a crise de saúde ser superada.

26 de fevereiro de 2021
16:05
shutterstock_1078647266
Kristalina Georgieva - Imagem: Shutterstock

A diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, afirmou que avanços nas vacinas contra a covid-19 e ações "fortes" monetária e fiscal fazem com que o mundo esteja "no caminho da recuperação".

Leia também:

Ela disse que o crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) global neste ano pode mesmo superar os 5,5% projetados pelo Fundo em janeiro, mas também enfatizou incertezas, ao falar durante reunião virtual do G-20 nesta sexta-feira (26).

"As incertezas continuam muito elevadas, já que as vacinações ainda têm um longo caminho pela frente, diante de novas ondas e variantes do vírus", notou ele.

Georgieva destacou uma "preocupante divergência" entre distintos países e também dentro de cada economia, no quadro atual, com os emergentes, exceto a China, mostrando mais fraqueza, enquanto entre os grupos os jovens e com menos qualificação, bem como as mulheres, são atingidos de modo desproporcional com a perda de empregos.

Ela também defendeu ações para combate a mudanças climáticas. Em sua fala, ela cobrou que se acelere a vacinação pelo mundo, "o apoio mais impactante para a recuperação", ao defender parcerias para acelerar a produção e garantir a disponibilidade dos imunizantes "o mais rápido possível".

A diretora-gerente do FMI também defendeu crédito para empresas e famílias, a partir das circunstâncias de cada país, até a crise de saúde ser superada. "E preparem-se para os riscos e consequências inesperadas conforme o apoio político for gradualmente retirado", apontou. "Nós devemos ter aumentos nas falências e nos estresses financeiros, inclusive excessiva volatilidade nos mercados financeiros."

Georgieva também defendeu mais apoio aos países vulneráveis. E disse que o FMI apoia a proposta do comando do G-20 de combater riscos climáticos e considerar um imposto para o meio ambiente.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

NA B3

Ações do setor de saúde foram as que menos sofreram em agosto

Levantamento da Teva Índices mostra que os papéis do comércio e da construção foram os mais castigados no mês passado

NÃO AGRADOU

IBP critica mudanças regulatórias na venda de combustíveis

Representante das grandes distribuidoras de combustíveis defende manutenção do modelo de exclusividade no mercado de revenda de derivados de petróleo

Tempo de entrega menor

Randon terá linha férrea própria no interior de SP

Linha férrea partirá de dentro da fábrica e percorrerá 1,5 km transportando vagões, reboques e semirreboques a um ramal principal na mesma cidade; expectativa é de que a obra fique pronta em 2023

Entrevista exclusiva

Após vender Hortifruti para Americanas, Partners Group quer investir US$ 300 milhões e lançar fundo para o varejo no Brasil

Com um total de US$ 120 bilhões sob gestão, responsável pela gestora suíça no Brasil e América Latina fala ao Seu Dinheiro sobre potenciais alvos de aquisição e “concorrência” com IPOs na B3

em busca de recursos

B3 levanta US$ 700 milhões e revisa projeção de alavancagem

Segundo operadora da bolsa brasileira, a emissão faz parte da gestão ordinária dos negócios da companhia e visa diversificar as fontes de captação a condições atrativas de financiamento

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies