Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-12-10T09:57:21-03:00
Agência Brasil
Em busca da alta renda

BB lança crédito imobiliário com correção pelo IPCA

Taxas de juros começam em 3,45% ao ano mais IPCA e variam conforme o prazo da operação e o nível de relacionamento do cliente com o BB

10 de dezembro de 2019
9:57
Agência do Banco do Brasil
Brasília - Agência do Banco do Brasil - Imagem: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A partir desta segunda-feira (9), o Banco do Brasil disponibiliza o financiamento imobiliário indexado ao Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). A iniciativa, diz o banco, visa oferecer mais uma opção aos clientes, que poderão escolher entre duas modalidades de correção do saldo devedor - Taxa Referencial -TR ou IPCA - nas linhas do Sistema Financeiro de Habitação (SFH) e Carteira Hipotecária (CH).

As condições para a contratação da nova modalidade são:

Sistema de Amortização: SAC – Sistema de Amortização Constante

Valor do imóvel: SFH: Até R$ 1,5 milhão  / CH : Acima de R$ 1,5 milhão

Percentual de Financiamento: até 70% do valor do imóvel

Tipo de imóveis financiados: imóveis residenciais

Prazo: até 180 meses

FGTS: permitido na modalidade SFH

As taxas de juros começam em 3,45% ao ano mais IPCA e variam conforme o prazo da operação e o nível de relacionamento do cliente com o BB. De acordo com o banco, o produto é destinado somente a clientes com maior renda - private e estilo.

Segundo o banco, como política de educação financeira, os clientes que optarem pela contratação da nova modalidade de financiamento serão alertados que o valor das parcelas e o do saldo devedor da operação irão variar de acordo com a inflação. Neste primeiro momento, a simulação e a análise de crédito estão disponíveis apenas nas agências. Se preferirem, os clientes poderão dar prosseguimento às suas propostas no aplicativo BB ou internet banking, tão logo o crédito esteja aprovado.

Caixa

Em agosto, a Caixa Econômica Federal lançou a primeira linha de crédito imobiliário com correção pelo IPCA, em substituição à Taxa Referencial (TR).

A linha da Caixa tem taxa mínima de 2,95% ao ano e máxima de 4,95% ao ano, mais a correção pelo IPCA. A taxa mínima é para clientes que têm as melhores relações com o banco (ter conta no banco e apresentar baixo risco de inadimplência, por exemplo). Os valores serão corrigidos mensalmente, prestação a prestação, conforme o IPCA mais recente.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

Crise dos chips

Sem carro zero no mercado, preço de usados sobe até 20% e vendas disparam – carro usado chega a custar mais que um novo

Mercado enfrenta escassez de semicondutores, demanda alta por veículos e prazos longos para a entrega

sem escassez

Fábrica da Tesla em Xangai deve terminar setembro com 300 mil carros produzidos em 2021

Marca será atingida mesmo em meio a uma escassez global de semicondutores, disseram duas fontes da montadora à Reuters

Fim da pandemia

CEO da Pfizer prevê que voltaremos à vida normal dentro de um ano, mesmo com novas variantes do coronavírus

Albert Bourla acredita que vacinação contra a covid-19 se tornarão anuais, para cobrir novas variantes, e que vacinas durarão um ano

ainda não acabou

Controladores da Alliar (AALR3) contratam XP para vender o negócio, diz jornal

Empresa de diagnósticos foi alvo, recentemente, de disputa pelo controle pela Rede D’Or e fundos ligados ao empresário Nelson Tanure

Mais recursos

Democratas aprovam pacote de US$ 3,5 tri no Comitê de Orçamento da Câmara dos EUA

Recursos serão destinados à rede de segurança social e programas relacionados a mudanças climáticas. Obtenção de quase unanimidade para aprovação no Congresso é desafio

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies