🔴 SAVE THE DATE: 22/07 – FERRAMENTA PARA GERAR RENDA COM 1 CLIQUE SERÁ LIBERADA – CONHEÇA

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
Efeito cascata

Senado ignora Bolsonaro e aprova reajuste de 16% no salário de ministros do STF

Com novo ajuste, o teto do funcionalismo público passa de R$ 33.763,00 para R$ 39.293,32

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
8 de novembro de 2018
6:38 - atualizado às 12:35
Presidente do Senado, Eunício Oliveira - Imagem: Marcelo Camargo / Agência Brasil

Após uma articulação relâmpago do presidente do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), o reajuste de 16,38% nos salários de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) foi aprovado nesta quarta-feira, 7, pelos senadores e segue para sanção presidencial. Com isso, o teto do funcionalismo público passa de R$ 33.763,00 para R$ 39.293,32.

O plenário do Senado deu o sinal verde para o aumento apesar do apelo do presidente eleito, Jair Bolsonaro (PSL), que manifestou preocupação com a votação. O reajuste terá um efeito em cascata para a União e sobretudo para os Estados, que já enfrentam grave crise financeira e correm risco de insolvência justamente devido ao elevado comprometimento de suas receitas com o pagamento da folha de pessoal.

De surpresa

A decisão de Eunício de pautar o projeto do reajuste pegou de surpresa as lideranças dos partidos. O presidente do Senado tomou a decisão depois de uma conversa ontem com o presidente do STF, ministro Dias Toffoli. Eunício não convocou a reunião de líderes para tratar do assunto, o que é praxe.

A matéria estava parada na Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) do Senado com parecer contrário do relator, Ricardo Ferraço (PSDB-ES). Mas o presidente do Senado designou novo relator, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), que deu parecer favorável ao aumento.

Eunício rebateu as reclamações de que foi pouco transparente na articulação para pautar o projeto.

"Os reajustes estavam pautados, não é verdade que não estavam, houve pedido de urgência", afirmou o presidente do Senado. Segundo ele, os requerimentos foram aprovados pelo plenário, o que abriu caminho para a votação feita hoje. O presidente do Senado disse ainda que "jamais" faria uma negociação às escondidas.

Eunício ressaltou ainda que os projetos já haviam sido aprovados pela Câmara dos Deputados e que o aumento não provocará mudança no teto de gastos do Judiciário ou do Ministério Público, que seguirão respeitando a regra que limita o avanço das despesas à inflação.

"Há compromisso formal do presidente da Suprema Corte, ministro Dias Toffoli, e de Raquel Dodge (procuradora-Geral da República), com quem me encontrei hoje, de que não haverá aumento do teto de gasto dos órgãos", afirmou Eunício.

*Com Estadão Conteúdo 

Compartilhe

BATEU ARREPENDIMENTO

O Supremo errou? STF anula a própria decisão sobre a cobrança de ITBI; saiba o que muda no imposto

1 de setembro de 2022 - 10:44

Com a nova determinação, as leis municipais voltam a definir a data da cobrança do imposto antes do registro, mesmo sem o registro imobiliário

Alívio no bolso

STF proibiu cobrança de imposto de renda sobre pensão alimentícia; já devo parar de recolher carnê-leão?

1 de julho de 2022 - 7:06

No início de junho, os ministros do Supremo consideraram a tributação das pensões inconstitucional; saiba o que fazer caso você seja o responsável por recolher o IR sobre esse tipo de rendimento

SEM LIMITE

STF nega impor prazo a Lira para análise de pedidos de impeachment de Bolsonaro

21 de maio de 2022 - 12:00

O chefe do Executivo é alvo de mais de 140 solicitações de impedimento; entenda a decisão da corte máxima

FORA DO AR

Adeus, Telegram! Entenda por que o STF mandou bloquear o aplicativo de mensagens russo — e saiba até quando o app ficará suspenso

18 de março de 2022 - 16:34

A ordem para a suspensão ainda está em fase de cumprimento, com empresas sendo notificadas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel)

CEO CONFERENCE 2022

Bolsonaro foge de perguntas sobre a economia e ataca Lula: ‘a esquerda é sinônimo do fracasso, da corrupção, do atraso’

23 de fevereiro de 2022 - 20:17

Além do rival político, presidente voltou a direcionar sua metralhadora de críticas para os ministros do Supremo Tribunal Eleitoral (STF) e questionar as urnas eletrônicas

DISFUNCIONALIDADES

Risco de perdas judiciais de estatais listadas em bolsa ultrapassa R$ 350 bilhões

9 de janeiro de 2022 - 14:05

Considerando-se apenas os tribunais superiores, R$ 73 bilhões dessas estatais estão em jogo

ESPECIAL SEU DINHEIRO

Relembre os principais eventos que fizeram você ganhar e perder dinheiro em 2021

31 de dezembro de 2021 - 8:30

Se você chorou ou sorriu em 2021, o importante é que, como sempre, não faltaram emoções durante o ano. E isso inclui os seus investimentos.

Covid-19

STF determina exigência de comprovante de vacina para entrar no país

11 de dezembro de 2021 - 18:16

Ministro Luís Roberto Barroso disse que Brasil não pode virar destino de turismo antivacina

Corte no ICMS?

Telecom em alta: Tim (TIMS3) e Vivo (VIVT3) sobem forte com decisão do STF e otimismo do Santander

19 de novembro de 2021 - 14:02

As ações das teles ficaram entre as maiores altas do Ibovespa nesta sexta com a perspectiva de redução de tributos para o setor

CABO DE GUERRA EM BRASÍLIA

STF não assusta a Câmara? Lira quer manter votação de PEC dos precatórios na terça-feira (9)

8 de novembro de 2021 - 20:08

Para o presidente da Câmara, o placar de votação será ainda mais favorável que os 312 votos registrados na semana passada

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar