💸 Você pode receber R$ 120 para investir; veja como solicitar o depósito aqui

Cotações por TradingView
2021-09-07T17:10:20-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Atos pelo país

Bolsonaro faz ameaças ao STF em dia de manifestações; políticos e autoridades defendem democracia

Bolsonaro fez ameaças direcionadas a Luiz Fux, presidente do STF, e aos ministros Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso

7 de setembro de 2021
12:46 - atualizado às 17:10
Jair Bolsonaro, presidente do Brasil, em fundo preto
O presidente do Brasil, Jair Bolsonaro - Imagem: Shutterstock

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) fez novas ameaças ao STF durante discurso a apoiadores em Brasília, afirmando que não aceitará qualquer medida "fora das quatro linhas da Constituição". A fala foi direcionada à Luiz Fux, presidente da Corte, a Alexandre de Moraes, ministro cujas decisões recentes se notabilizaram por atingir nomes fortes do núcleo bolsonarista, e a Luís Roberto Barroso, presidente do TSE.

"Não podemos continuar aceitando que uma pessoa específica da região dos Três Poderes continue barbarizando nossa população", disse Bolsonaro, em evento realizado mais cedo na capital federal. "Ou o chefe desse poder enquadra o seu ou esse poder vai sofrer aquilo que não queremos".

O 7 de setembro é marcado por uma série de atos populares nas principais capitais do Brasil, tanto a favor quanto contra Bolsonaro. A tensão entre os poderes tem escalado nas últimas semanas, com governo e STF aparecendo em lados antagônicos — a participação do presidente nos atos é vista como uma forma de colocar pressão no Legislativo e no Judiciário, além de incendiar sua base de apoiadores contra a democracia.

Em discurso na Avenida Paulista, o presidente incitou a desobediência ao afirmar que não irá mais respeitar nenhuma decisão tomada pelo ministro do STF, Alexandre de Moraes. Bolsonaro fez insultos ao magistrado e pediu sua saída em frente de seus apoiadores.

"Ou esse ministro se enquadra, ou ele pede para sair", disse Bolsonaro. "Sai, Alexandre de Moraes! Deixa de ser canalha!". No discurso, o presidente também afirmou, sem provas, que o sistema eleitoral brasileiro não é confiável e fez menções ao voto impresso, iniciativa já derrubada no Congresso.

Reação de políticos e autoridades

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), disse esperar que os atos desta terça-feira ocorram "de maneira ordeira", respeitando as instituições e sem qualquer ato antidemocrático — Lira é visto como um importante aliado dos interesses de Bolsonaro no Congresso, evitando qualquer posicionamento que bata de frente com o governo.

Já o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) usou o Twitter para se posicionar a favor da "absoluta defesa do Estado Democrático de Direito", também evitando posicionamentos mais firmes contra Bolsonaro. Ao jornal "O Estado de S. Paulo", Pacheco disse considerar inaceitáveis algumas pautas defendidas pelos apoiadores do presidente, como a suspensão de eleições e uso das Forças Armadas para subverter a democracia.

Veja abaixo outras manifestações de lideranças políticas e autoridades do país a respeito das manifestações do 7 de setembro:

 

*Com Agências de Notícia

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

NÃO COLA MAIS

SBF se desculpa (de novo) por falência da FTX, mas Congresso americano não quer saber: lei de criptomoedas deve ser debatida logo

1 de dezembro de 2022 - 11:41

Ainda que a lei não deva ser aprovada este ano, há uma grande expectativa de que os debates em torno do projeto avancem bastante

CALVÁRIO

No fundo do poço tem um alçapão? IRB (IRBR3) apresenta plano de grupamento e ação cai ainda mais

1 de dezembro de 2022 - 10:57

Direção do IRB propõe grupamento de ações na proporção de 30 por 1, sem alteração de capital social; votação é chamada para 22 de dezembro

INDÚSTRIA 4.0

Weg abocanha fatia restante na startup Mvisia, de olho na Indústria 4.0; o que isso significa para as ações WEGE3?

1 de dezembro de 2022 - 10:08

Depois de adquirir 51% da startup em 2020, a Weg comprou a participação remanescente na empresa especializada em sistemas de inteligência artificial para visão computacional

NOS EMBALOS DE QUARTA À TARDE

Obrigado, Fed! Bitcoin (BTC) atinge os US$ 17 mil com Fed e mercado de criptomoedas tem dia de ânimo — mas o saldo de novembro foi negativo

1 de dezembro de 2022 - 9:27

Novembro não é o único culpado pelo fraco desempenho do bitcoin em 2022, sendo o quarto pior mês do ano com uma queda de 16,1%

ELITE DA BOLSA

Primeira prévia do Ibovespa indica uma ação “desclassificada” para a próxima carteira

1 de dezembro de 2022 - 9:01

Ibovespa passará a contar com 91 ações entre janeiro e abril, de acordo com a primeira prévia da carteira do índice; veja quem deve sair

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies