Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2018-09-25T10:57:46-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Mercado digital

Nova plataforma de streaming chega ao Brasil na luta contra gigantes

Plataforma de vídeos terá assinatura ‘premium’, que também contará com streaming de música

25 de setembro de 2018
8:39 - atualizado às 10:57
Luva de boxe
Youtube Music, do Google, começa a operar com assinaturas a partir de R$ 17Imagem: Shutterstock

Os brasileiros passam a ter mais uma opção de plataforma para ouvir músicas por streaming nesta terça-feira, 25.

O Youtube Music, do Google, começa a operar por aqui a partir das 13h e deve concorrer com gigantes já estabelecidos no mercado, como Deezer, Spotify e Apple Music.

A 'tacada' é a mesma dos outros serviços: o usuário terá a opção de usar a plataforma de forma gratuita, com anúncios, ou desembolsar R$ 17 por mês para ouvir sem interrupções. Haverá também uma assinatura família, que permite o acesso de até seis pessoas e custará R$ 26 por mês. O serviço foi lançado há três meses nos EUA e hoje já está disponível em 21 países.

Tem vídeos também

O diferencial que o Google aposta com o novo serviço são os vídeos. "No Youtube, você não tem só a música, mas também o clipe, o vídeo com a letra,  a versão ao vivo e até as covers feita por fãs no mundo todo", disse Sandra Jímenez, chefe da área de música do Youtube para América Latina ao Broadcast, do Estadão.

Outro serviço que permite os internautas removerem anúncios do site além de baixa-los para assistir offline, o Youtube Premim, também será lançado pelo Google por aqui hoje. A assinatura mensal custará R$ 21 por mês e incluirá o Youtube Music. Para o plano família, será necessário desembolsar R$ 36.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

O FISCAL ENLOUQUECEU

Com furo no teto, XP e BTG já esperam que a Selic suba 1,5 ponto percentual na próxima semana

A corretora também reviu suas projeções para o câmbio, inflação e PIB deste e do próximo ano

E-commerce de pneus

Cantu Store não se assusta com a farra fiscal e registra pedido de IPO na CVM

A companhia paranaense conta com 26 filiais em 17 unidades federativas e quatro centros de distribuição, além de duas marcas próprias

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Guedes diz que fica, o puxadinho do teto de gastos e outros destaques do dia

Pelo menos um dos temores do mercado teve um desfecho nesta sexta-feira (22) — Paulo Guedes segue sendo o ministro da Economia, e o país não vai passar o fim de semana na incerteza. Após as baixas recentes na equipe econômica, mas o capitão do navio continua firme. Diante de tantas incertezas e a confirmação […]

SUPEROU AS EXPECTATIVAS

Hypera (HYPE3) inicia temporada de balanços com alta de 50% na receita líquida — veja os destaques da farmacêutica no terceiro trimestre

Apoiadas pelo portfólio cada vez maior de medicamentos e pelas vendas aquecidas, outras linhas do balanço também deixaram para trás as projeções

FECHAMENTO DA SEMANA

‘Fico’ de Guedes não apaga mau humor do mercado com furo no teto de gastos e Ibovespa despenca na semana; dólar volta a R$ 5,70

O principal índice da bolsa brasileira fechou o dia em queda de 1,34%, aos 106.296 pontos — longe das mínimas, mas no menor nível desde novembro de 2020. Na semana, a queda foi feia, e o Ibovespa recuou mais de 7%.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies