Menu
2019-04-04T14:24:47-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Proposta polêmica

No que depender de Bolsonaro, o acordo da Embraer com a Boeing vai sair

Acordo entre as fabricantes de aeronaves está empacado há meses à espera do aval do governo brasileiro

1 de novembro de 2018
18:36 - atualizado às 14:24
Embraer
Imagem: Wikpedia

Se tem uma empresa que espera ansiosamente por sinais do novo governo, essa empresa é a Embraer. Isso porque o acordo de compra da companhia pela Boeing está empacado há meses e depende do aval do governo para seguir em frente.  A União detém uma golden share e tem poder de veto nas decisões da fabricante brasileira.

Mas nesta quinta-feira, 1º, o presidente eleito Jair Bolsonaro trouxe um certo alívio para a ansiedade da companhia ao afirmar que vai "avalizar" o acordo entre a Boeing e a Embraer. Durante a campanha eleitoral, ele já tinha sinalizado que pretendia ir adiante com a negociação. Apesar de vago, a nova declaração é um primeiro passo para que o negócio caminhe.

Virou passeio

Mal foi eleito e Bolsonaro está criando uma moda de voltar atrás nas suas decisões polêmicas. A bola da vez ficou com a proposta de fusão entre os ministérios do Meio Ambiente e da Agricultura. Na mesma entrevista coletiva que acenou para a Embraer, o presidente eleito disse que as duas pastas vão permanecer como ministérios distintos após a reforma administrativa que ele propõe.

"Nós tínhamos uma ideia inicial, mas agora, pelo que tudo indica, Meio Ambiente e Agricultura serão ministérios distintos", Jair Bolsonaro.

O capitaõ disse ainda que, se mantiver o ministério do Meio Ambiente, a pasta será comandada por "alguém voltado para a área, sem ser xiita". A expressão é a mesma usada por ele na semana passada, quando em transmissão ao vivo para redes sociais havia dito que poderia desistir da fusão do órgão com a Agricultura.

Para o presidente eleito, o Brasil é o país que "mais protege" o meio ambiente. "O que a gente defende é não criar dificuldade para o nosso progresso", comentou.

*Com Estadão Conteúdo.

 

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

IR 2021

Como a Receita calcula o imposto de renda devido e o valor das restituições

Jeito de calcular o imposto de renda devido e a eventual restituição varia de acordo com o modelo escolhido de declaração, se completo ou simplificado

seu dinheiro na sua noite

O IPO da Caixa Seguridade vem aí; vale a pena entrar?

Depois de algumas idas e vindas, o já mítico IPO da Caixa Seguridade finalmente vai sair. O processo de abertura de capital da holding de seguros da Caixa Econômica Federal foi paralisado duas vezes no ano passado, mas finalmente será concluído na semana que vem, com a estreia das ações na bolsa. O IPO da […]

plano do ipo

Espaçolaser compra lojas franqueadas em GO e PR por R$ 35,6 milhões

Rede de depilação já detinha opção de compra; no início do mês, companhia anunciou aquisição de outras 18 lojas

FECHAMENTO

Bolsa, dólar e juros terminam o dia no vermelho com repercussão do Orçamento e novo plano Biden

Plano de Biden de aumentar impostos não agradou o mercado e a perspectiva de nova injeção de estímulos puxou para baixo o dólar. Já os juros futuros recuaram de olho na sanção do Orçamento

dança das cadeiras

Carrefour muda alto escalão, em processo de integração com Grupo BIG

Sébastien Durchon deixa o cargo de vice-presidente de finanças e de relações com investidores; executivo ficará à frente do processo de integração com a companhia adquirida

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies