🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Angela Bittencourt

Angela Bittencourt é editora da Empiricus. É formada em Comunicações pela UnB e História pela PUC-SP. Foi repórter especial e colunista do Valor Econômico, coordenadora do blog Casa das Caldeiras, da redação do Valor, assessora de imprensa do Banco Central do Brasil, colunista da Reuters Brasil, colunista de O Estado de S.Paulo/Agência Estado/Broadcast e editora da Gazeta Mercantil.

Mostrar mais
Publicações

Por um ‘fair play’ na CCJ no campeonato da Previdência

22 de abril de 2019 - 10:51

Disputas no plenário da Câmara são semelhantes às disputas no campo. Têm regras! Algumas nascem do bom senso. Espero que os jogadores não esqueçam a relevância da sessão da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) marcada para esta terça-feira (23).

Baixou o Sarney na Petrobras?

18 de abril de 2019 - 13:23

Nova forma de anunciar reajuste faz lembrar das orientações do então presidente para apresentar taxas de juros ao mês e não mais ao ano

Juro maior é carta fora do baralho…

18 de abril de 2019 - 10:49

Os bancos têm aplicados no curto prazo mais de 1,3 trilhão de reais, e as empresas, mais de 200 bilhões de reais, mostram os dados do Banco Central. Essa montanha de dinheiro manda algumas mensagens.

Um flerte do dólar a R$ 4

17 de abril de 2019 - 14:36

Impasse na CCJ sobre reforma da Previdência pesa sobre a taxa de câmbio, mas saída de US$ 4,15 bilhões na conta financeira em apenas 10 dias nada tem de trivial

Prepare-se para uma semana curta, mas com uma agenda de arromba

15 de abril de 2019 - 6:04

Brasília promete esquentar com envio da Lei de Diretrizes Orçamentárias, votação da reforma da Previdência na CCJ da Câmara e a definição de novos detalhes do leilão de petróleo do pré-sal

O brilho de Paulo Guedes ou (Quando a madrinha ofusca a noiva)

11 de abril de 2019 - 10:45

Outro dia, ao falar do ministro Paulo Guedes (Economia), o presidente disse que o bom relacionamento entre eles foi “amor à primeira vista”. Assim como eu, você deve ter compreendido que Bolsonaro quis dizer que eles têm objetivos comuns. E nós sabemos que essa é uma condição fundamental para que um “casamento” dê certo

O Bonde do Tigrão ganhou o mundo (de novo) com ‘tchutchuca’ e Paulo Guedes

9 de abril de 2019 - 8:59

Bastou o deputado Zeca Dirceu (PT-PR) disparar “Tigrão” e “Tchutchuca” para o ministro da Economia, Paulo Guedes, e o Leandro, líder do Bonde do Tigrão, adentrou ao mundo das Celebs!

Você prefere Bolsonaro no atacado ou no varejo?

8 de abril de 2019 - 10:51

Pelo sim, pelo não, melhor é atuar rápido e ao menor custo possível. Nesta terça-feira, o deputado Marcelo Freitas (PSL-MG), relator da reforma da Previdência, vai ler seu parecer na CCJ da Câmara. O texto deve ser votado no dia 17 de abril, mas há um esforço para que a discussão comece dois dias antes (15/4).

Guedes tentou, mas a vaga de articulador da reforma da Previdência está aberta em Brasília

4 de abril de 2019 - 11:59

Ficou patente que o ministro da Economia, Paulo Guedes, não será o articulador político da reforma no Congresso (sequer de plantão!). Bolsonaro vai ter de ceder e tirar seu ministro-fiador da posição de saco de pancadas.

Se tem neblina, a gente encosta…

4 de abril de 2019 - 10:50

O saldo do tumulto e do bate-boca a que assistimos na comissão da Câmara ontem será conhecido ao longo desta quinta-feira. Mas que não se espere um passeio no parque, porque há muito em risco na partida que começa daqui a pouco.

Tomara que seja verdade….

1 de abril de 2019 - 11:42

“Tomara que seja verdade” que a reforma da Previdência volte a ser prioridade da pauta da Câmara, que os empresários continuem mobilizados em favor da reforma e que o ministro Paulo Guedes (que não sabe mentir) seja um bom articulador político pela reforma junto ao Congresso. Se bem que essa não é a dele.

Guedes poderia ter feito diferente?

28 de março de 2019 - 11:44

E se Guedes tivesse falado na terça? Pode ser que o clima entre o Congresso e o governo estivesse em paz e amor e assim o Brasil estaria mais perto da reforma (e os preços dos ativos financeiros não estariam tão estressados). Nunca vamos saber…

Paulo Guedes, você não pode sair mais cedo

26 de março de 2019 - 8:46

O ministro é um artista da palavra. Faz proeza com sujeito e predicado. Nesta semana, ele deve demonstrar essa habilidade a espectadores com característica similar – deputados e senadores possivelmente menos afiados

Como negociar com um capitão?

25 de março de 2019 - 11:54

Não vejo com bons olhos a relação do presidente com o Congresso. E não vejo mesmo! Essa conversa de que ele não vai negociar NA-DA é conversa para boi dormir. O presidente pode não negociar, mas alguém vai e em seu nome… de outro jeito não vale.  

Os 9 brasileiros que definem o futuro do seu dinheiro

21 de março de 2019 - 11:19

Essas nove pessoas, por dever de ofício, já gastaram até oito horas discutindo o destino do seu (e do meu) dinheiro. No último ano, enfim, elas conseguiram um respiro e quatro horas tornaram-se suficientes para passar a vida a limpo e mandar bala

O DNA da bolsa brasileira: poder, risco e muita grana na instituição que segue os sinais da economia brasileira

19 de março de 2019 - 13:09

Expectativas para a economia brasileira são formadas de várias maneiras – para o bem e para o mal –, mas é o mercado financeiro que melhor antecipa e demonstra essas expectativas.

Antes de ir à praia, passe na BM&F:

19 de março de 2019 - 11:42

Quem nunca passou por esse aperto e agradeceu aos céus por ter aquele dinheiro guardado num fundo de renda fixa para emergências? Aquela aplicação básica em título público ou privado que quebra o maior galho?

A digital de Paulo Guedes no BC

14 de março de 2019 - 17:36

Além de terem trabalhado juntos, ambos têm afinidades pessoais. No início de janeiro, Campos Neto foi nomeado assessor no gabinete do ministro da Economia.

A lavanderia do papai e o valor do dinheiro na mão

14 de março de 2019 - 11:09

O confisco da poupança e o bloqueio, por 18 meses, de valores acima de 50 mil cruzados novos depositados em contas-correntes anunciados pelo presidente Fernando Collor estavam lá, martelando meu cérebro.

Band-Aid no calcanhar: o ‘calo’ da reforma da Previdência

12 de março de 2019 - 12:15

Supor que dólar a R$ 3,80, R$ 3,82 ou R$ 3,85 revela investidores despreocupados com o rumo da economia brasileira ou com a força política do governo é visão, no mínimo, ingênua.

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies