🔴 [TESTE GRÁTIS] 30 DIAS DE ACESSO A SÉRIE RENDA IMOBILIÁRIA – LIBERE AQUI

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
IMPASSE ENTRE SÓCIOS

Troca de comando na Vale (VALE3)? Aqui está tudo o que você precisa saber sobre a sucessão de CEO da mineradora até agora

O mandato do atual CEO, Eduardo Bartolomeo, está cada vez mais próximo do fim — e a definição da sucessão do presidente é uma das pendências da mineradora

Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
2 de março de 2024
12:30 - atualizado às 10:27
CEO da Vale (VALE3), Eduardo Bartolomeo
CEO da Vale (VALE3), Eduardo Bartolomeo - Imagem: Reprodução/Canva Pro/ArtRachen/Montagem Seu Dinheiro

Uma das principais dúvidas dos investidores da Vale (VALE3) sobre o futuro da mineradora é como ficará a liderança da companhia nos próximos meses. 

Isso porque o mandato do atual CEO, Eduardo Bartolomeo, está cada vez mais próximo do fim — e a definição da sucessão do presidente é uma das pendências de divulgação aguardadas pelo mercado.

Havia uma grande expectativa de que a Vale anunciasse uma decisão sobre o processo de sucessão na semana passada, junto com os resultados financeiros do quarto trimestre de 2023, mas isso não aconteceu. 

Recentemente, a tentativa de interferência do governo no comando da mineradora produziu uma divisão entre os acionistas da companhia que paralisou a decisão sobre quem vai chefiar uma das maiores empresas do Brasil.

Ainda nesta semana, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que a Vale "não pode pensar que é dona do Brasil" e que "as empresas brasileiras precisam estar de acordo com o entendimento de desenvolvimento do governo brasileiro".

  • Quais são as melhores recomendações de investimento para março das maiores casas de análise e bancos do país? O Money Picks analisou 20 carteiras recomendadas para descobrir a resposta – veja aqui gratuitamente. 

Como é o processo de escolha do presidente da Vale?

No início de fevereiro, a Vale (VALE3) esclareceu que, de acordo com o estatuto social da companhia, a escolha do novo presidente da mineradora é de competência exclusiva do conselho de administração, formado por 13 conselheiros. 

Segundo a empresa, o conselho está avaliando a eventual renovação do mandato do atual CEO, Bartolomeo, ou a realização de processo sucessório.

A Vale afirmou que a decisão sobre a renovação do mandato ou a escolha de sucessor poderá ocorrer até o término previsto do mandato em vigor — ou seja, até 26 de maio.

A última reunião do conselho foi no dia 22 de fevereiro, mas o colegiado não chegou a uma conclusão sobre a sucessão. Até o momento, não há nenhuma reunião extraordinária marcada, segundo o Broadcast/Estadão

Como está a sucessão do atual presidente da Vale?

O mandato do atual CEO da Vale (VALE3) expira em 26 de maio e um impasse entre os sócios impede que seu sucessor seja escolhido. 

De um lado, estão a japonesa Mitsui — que detém 6,31% da Vale — e a Cosan, que defendem a prorrogação do contrato do executivo por cerca de um ano até que o posto fosse assumido por Luís Henrique Guimarães, que foi nomeado conselheiro em abril de 2023 depois de deixar a Cosan.

Já o bloco formado pela Previ —  fundo de previdência dos funcionários do Banco do Brasil que possui uma fatia de 8,71% na mineradora — e o Bradesco defendem a substituição de Bartolomeo por um executivo com perfil experiente na gestão de grandes empresas.

Por sua vez, o governo tentou emplacar o ex-ministro da Fazenda, Guido Mantega, no comando na mineradora, mas parece ter desistido da empreitada — pelo menos, por enquanto. 

É importante destacar que o Conselho de Administração da empresa segue dividido, já que, após algumas reuniões, ainda não houve decisão devido a um empate. 

Em 22 de fevereiro, seis conselheiros da Vale votaram pela troca do atual presidente, incluindo os representantes da Previ e da Bradespar, além do representante dos funcionários na companhia e minoritários brasileiros. 

Do outro lado, sócios estrangeiros da companhia e independentes defendem a extensão do mandato de Bartolomeo por pelo menos mais um ano e afirmam que a prorrogação garantiria a continuidade do trabalho, blindando a companhia da intromissão do governo Lula.

Leia também: 

O que quer o governo?

De acordo com o Estadão, integrantes do governo alegam que é necessário um novo presidente da Vale (VALE3) que permita o alinhamento de agendas da empresa com o Executivo federal. 

O tema da sucessão na Vale começou a ser debatido no ano passado, com o governo Lula sinalizando que gostaria de ver o ex-ministro da Fazenda Guido Mantega como CEO. 

O ministro Alexandre Silveira chegou a defender a indicação a acionistas da empresa. Dois representantes do conselho de administração da companhia se encontraram com Silveira para argumentar contra a intervenção em favor de Mantega. 

No dia seguinte, o governo recuou e desistiu de tentar emplacar Mantega no cargo de presidente da mineradora, enquanto Silveira negou publicamente a ofensiva.

Segundo o colunista Lauro Jardim, d'O Globo, o governo estaria articulando uma segunda tentativa de impor um nome para o comando da Vale.

  • Análises aprofundadas, relatórios e recomendações de investimentos, entrevistas com grandes players do mercado: tenha tudo isso na palma da sua mão, entrando em nossa comunidade gratuita no WhatsApp. Basta clicar aqui. 

Quem são os candidatos a CEO da Vale (VALE3)?

Enquanto não há uma definição oficial sobre o processo de sucessão da Vale (VALE3), o mercado continua a especular quem seriam os novos candidatos a CEO na mineradora.

Entre os nomes que passaram a circular nos últimos dias, voltou o do ex-presidente do Banco do Brasil Paulo Caffarelli, que integrou a equipe de Mantega no Ministério da Fazenda em 2014. 

Desde que deixou o governo, o executivo construiu uma carreira no setor privado e já atuou como CEO da Cielo, Banco do Brasil e CSN. Ele também foi conselheiro da Vale. 

Outro nome cotado para a posição é Luiz Henrique Guimarães, representante da Cosan no conselho de administração da Vale. Guimarães já foi CEO da Cosan, Raízen e Comgás.

*Com informações de Estadão Conteúdo.

Compartilhe

PRÉVIA OPERACIONAL

MRV (MRVE3) quebra recorde de vendas no Brasil, mas ainda queima milhões em caixa nos EUA

15 de abril de 2024 - 18:33

Na Resia, incorporadora norte-americana da MRV, há uma regra de ouro: não queimar caixa em 2024. Mas a diretriz ainda não foi refletida nos resultados do 1T24

Ranking

O Galaxy desbanca o iPhone: Apple (AAPL34) perde liderança global de smartphones no 1T24

15 de abril de 2024 - 18:17

Embora o setor esteja em crescimento, a gigante de tecnologia apresentou uma queda de quase 10% nas remessas de iPhone no primeiro trimestre do ano

NA CARTEIRA

JP Morgan tira BRF (BRFS3) da geladeira: ações da dona da Sadia e Perdigão disparam na B3 com recomendação de compra 

15 de abril de 2024 - 10:38

Analistas do banco norte-americano veem BRF barata mesmo após disparada de 173% em 12 meses na B3

FALHA NO ACELERADOR

Mais problemas para Elon Musk? Ações da Tesla caem mais de 1% com notícia sobre demissão em massa e falhas no Cybertruck 

15 de abril de 2024 - 10:10

Montadora do bilionário deve demitir cerca de 10% da sua força de trabalho global, o equivalente a pouco mais de 14 mil pessoas, segundo notícia da Reuters

A PARTIR DE 2025

Saiba como a maior produtora de alumínio do país pretende reduzir emissões em até 30% — parte da resposta: com um investimento de R$ 1,6 bilhão

13 de abril de 2024 - 13:13

A multinacional norueguesa Hydro do ramo de alumínio projeta reduzir em cerca de um terço a intensidade de emissão de dióxido de carbono (CO2) nas operações brasileiras a partir de 2025.  A controladora das maiores operações de alumina e alumínio primário no Brasil diz que a previsão é que a meta seja alcançada após a […]

VITÓRIA!

Prio (PRIO3) fica com 100% de Wahoo: como a vitória deve aumentar a produção da petroleira; ações sobem na bolsa

12 de abril de 2024 - 13:05

A empresa recebeu uma decisão favorável da Câmara de Comércio Internacional em um processo arbitral relacionado à concessão BM-C-30, no campo de Wahoo

REESTRUTURAÇÃO DE DÍVIDAS

Light (LIGT3) assina acordos com credores, em novo passo em direção ao fim da recuperação judicial; ações caem na B3

12 de abril de 2024 - 11:46

Foram celebrados dois acordos com credores e debenturistas envolvendo as subsidiárias Light Sesa e Light Energia; entenda o que vem pela frente

ENGORDOU O PATRIMÔNIO

CEO da Nvidia fica quase R$ 3 bilhões mais rico em um dia. Conheça o bilionário que quase dobrou de fortuna em 2024

11 de abril de 2024 - 18:03

Jensen Huang é a 19º pessoa mais rica do planeta, de acordo com a revista Forbes, com um patrimônio avaliado em US$ 79,5 bilhões (R$ 404 bilhões)

ENTENDA O CASO

Justiça embarga obras de complexo bilionário da JHSF (JHSF3) no interior de São Paulo

11 de abril de 2024 - 16:01

A decisão aconteceu após pedido do Ministério Público, que afirma que a JHSF e outras duas companhias burlaram regras de licenciamento ambiental

DESISTIU DA BATALHA?

Gafisa (GFSA3): Esh Capital diminui participação após perder disputa sobre assembleia; ações caem 6% na B3

11 de abril de 2024 - 11:24

A gestora de Vladimir Timerman reduziu a participação na Gafisa de 20% para 4% do capital

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies