🔴 CHANCE DE MULTIPLICAR O INVESTIMENTO EM ATÉ 14,5X EM 8 DIAS? ENTENDA A PROPOSTA

Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
DÊ O PLAY

Campos Neto vai segurar a Selic? O que esperar da decisão do BC e os impactos na bolsa e dólar

O Touros Ursos convidou Rogério Benevente, sócio da GWM Investments, para falar sobre o futuro do ciclo de cortes dos juros e o efeito da decisão do Copom nos seus investimentos

Larissa Vitória
Larissa Vitória
15 de junho de 2024
12:31 - atualizado às 10:03
Imagem: Montagem Beatriz Azevedo

Após uma semana turbulenta no mercado, com o Ibovespa nas mínimas do ano e o dólar acima dos R$ 5,40, os investidores se preparam para mais uma reunião do Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) e calibram suas apostas para os rumos da taxa básica de juros brasileira, a Selic.

Vale relembrar que o último encontro do Copom, em maio, terminou com Roberto Campos Neto, o presidente do BC, e seus diretores, abandonando a própria sinalização e promovendo um corte de apenas 0,25 ponto percentual (pp) na taxa.

Além do fim do forward guidance, a reunião também ficou marcada pela divergência entre os membros do comitê.

Enquanto Campos Neto votou pela redução de 0,25 pp, junto com outros quatro diretores, os outros quatro votos foram para um corte de 0,50 pp, entre eles os de Gabriel Galípolo e Paulo Picchetti, cotados como possíveis sucessores de RCN.

O que esperar para o futuro da Selic — e como isso afeta os seus investimentos

Com o Copom dividido e a deterioração do cenário fiscal — incluindo a devolução de uma medida provisória que visava reequilibrar a arrecadação —, a principal aposta para a próxima quarta-feira (19) é que a Selic seja mantida nos atuais 10,50%.

A grande dúvida do mercado é se essa possível manutenção indicará que o ciclo de cortes, iniciado em junho do ano passado, chegou ao fim ou se essa é apenas uma interrupção temporária no afrouxamento monetário.

Para responder a essa e outras perguntas dos investidores, o Touros Ursos convidou, nesta semana, Rogério Benevente, sócio da GWM Investments, para conversar com Vinícius Pinheiro, diretor de redação do Seu Dinheiro e comigo, que cobrirei a reunião do Copom na próxima semana.

Na conversa, Benevente diz ainda como a decisão de Campos Neto e dos demais diretores do BC deve influenciar os investimentos, incluindo o dólar, renda fixa e bolsa.

Confira o bate-papo na íntegra neste link ou no tocador abaixo:

Compartilhe

PATINANDO NA PRAÇA DA SÉ

Adeus, bolsa? B3 (B3SA3) reporta saída de CPFs pelo segundo mês seguido

12 de julho de 2024 - 8:38

Volume financeiro médio diário total em ações caiu 21,4% em um ano, mas bolsa ainda tem mais de 5 milhões de CPFs

LOTERIAS

Lotofácil faz 2 quase milionários; Quina acumula e continua pagando mais que a Mega-Sena

12 de julho de 2024 - 5:53

Enquanto a Quina segue acumulando, a Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal

NOVA POLÊMICA

Vem mais imposto por aí? Após Senado “rejeitar” aumento da CSLL, líder sugere taxação sobre setor financeiro para compensar desoneração da folha

11 de julho de 2024 - 19:45

Aumento seria feito caso as medidas apontadas pelo Senado não sejam suficientes para equalizar a renúncia do benefício fiscal aos 17 setores e às pequenas e médias prefeituras

APÓS 40 ANOS

Ela está chegando: Câmara aprova texto-base da reforma tributária, zera taxa sobre carnes e mantém armas e munições isentas do ‘imposto do pecado’

11 de julho de 2024 - 7:48

Agora, os deputados votam os cinco destaques (tentativas de alterar o texto-base), antes de a proposta ser enviada ao Senado

LOTERIAS

Lotofácil faz 2 meio-milionários; Mega-Sena acumula, mas não consegue superar premiação da Quina

11 de julho de 2024 - 5:50

Lotofácil continua fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal; Quina acumulada corre hoje valendo R$ 17 milhões

IPCA

Inflação mais fraca em junho tira pressão do dólar e dos DIs, mas ainda não afeta projeções para Selic

10 de julho de 2024 - 11:46

IPCA mensal desacelerou de 0,46% para 0,21% na passagem de maio para junho; analistas esperavam inflação de 0,32%

LOTERIAS

Lotofácil faz primeiro milionário da semana; Quina acumula e paga mais que a Mega-Sena hoje

10 de julho de 2024 - 5:53

A máquina de milionários da Lotofácil voltou a funcionar na noite de terça-feira; calendário da Mega-Sena está diferente, mas é só nesta semana

PESQUISA BGC

Mercado acha que Lula não vai cumprir meta fiscal de 2024 e maioria espera que cortes feitos não mexam com os negócios

9 de julho de 2024 - 17:01

Do total de entrevistados, 46% acreditam que a meta fiscal de 2024 será alterada no quarto trimestre, enquanto 19% acham que a revisão virá um pouco antes, no terceiro trimestre

ADIADO

Ficou para amanhã: Arthur Lira afirma que regulamentação da reforma tributária começa a ser votada quarta-feira

9 de julho de 2024 - 10:35

Vale destacar que a expectativa é de que a reforma tributária seja votada antes do recesso parlamentar, que acontece a partir do dia 18, quinta-feira da semana que vem

LOTERIAS

Entre ‘teimosos’ e ‘normais’, Lotofácil tem 4 ganhadores; Mega-Sena é adiada

9 de julho de 2024 - 6:02

Lotofácil começa a segunda semana de julho fazendo jus à fama de loteria menos difícil da Caixa Econômica Federal; Quina acumula

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies

Continuar e fechar