Cotações por TradingView
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
No Seu Dinheiro você encontra as melhores dicas, notícias e análises de investimentos para a pessoa física. Nossos jornalistas mergulham nos fatos e dizem o que acham que você deve (e não deve) fazer para multiplicar seu patrimônio. E claro, sem nada daquele economês que ninguém mais aguenta.
VENDE TUDO?

São Carlos (SCAR3), empresa de imóveis de Lemann, vende edifícios para fundo imobiliário por R$ 865 milhões; saiba mais

São Carlos pertence aos mesmos empresários donos da Americanas e já vinha vendendo uma série de ativos

O bilionário brasileiro Jorge Paulo Lemann
O bilionário brasileiro Jorge Paulo Lemann - Imagem: Valéria Gonçalves/Estadão Conteúdo

Já faz algum tempo que a São Carlos (SCAR3) - empresa de investimento e administração de imóveis que nasceu no bojo das Americanas e pertence aos empresários Jorge Paulo Lemann, Marcel Telles e Carlos Alberto Sicupira, - vem fazendo venda de ativos para sair do vermelho.

Desta vez, a companhia anunciou a venda de quatro empreendimentos comerciais para um fundo de investimentos por R$ 856 milhões.

Os imóveis são em São Paulo e no Rio de Janeiro:

  • Edifícios Centro Empresarial Botafogo  
  • Morumbi Office Tower
  • Corporate Plaza - Corporate 
  • Alameda Santos 2477

Segundo a São Carlos, eles somam 58.875 m² de área bruta locável (ABL).

Como será o recebimento do montante pela São Carlos

A companhia informou que 42,5% do valor total será recebido em uma primeira parcela na assinatura da escritura de compra e venda dos imóveis.

Já 9% será na segunda parcela em até 12 meses, contados da escritura e corrigido pelo índice de inflação IPCA. 

Outros 48,5% do valor serão pagos na parcela final em até 24 meses a partir da assinatura da escritura, também corrigido pelo IPCA. 

A estrutura da operação ainda considera a retenção de 5,5% do valor da primeira parcela para “fins de renda mínima garantida” para o fundo. 

A parcela final, por sua vez, poderá contar com o pagamento de até 18,7% do valor da transação por meio de cotas do fundo. 

A companhia não revelou o nome do fundo comprador no fato relevante arquivado na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) no qual anunciou a venda.

Como fica a São Carlos após a venda?

A companhia ainda informou que o cap rate da venda (a taxa de retorno que uma propriedade vai gerar com base no seu valor de mercado atual) é de 7,4%, considerando a receita de locação dos contratos vigentes. 

Com a venda, a Taxa Interna de Retorno (TIR) real após impostos do portfólio da companhia será de 27,3% ao ano. O valor da transação também é 14,6% abaixo do NAV (valor líquido do ativo).

Com a conclusão da venda, que ainda precisa ser efetivada, o portfólio da São Carlos passará a ter 95 imóveis, com ABL própria de 398,2 mil m² e valor de mercado avaliado em R$ 4 bilhões.

PODCAST TOUROS E URSOS - O que vai ser, Campos Neto? As apostas do mercado para a decisão do Banco Central sobre a Selic

Reciclagem de portfólio

Pelo menos desde o ano passado, quando registrou prejuízo, a São Carlos vem vendendo uma série de imóveis.

Em 2022, foram oito imóveis, todos eles locados para a Lojas Pernambucanas — os pontos comerciais estavam localizados em Minas Gerais, Paraná, São Paulo e Mato Grosso do Sul. As operações renderam à companhia R$ 91,4 milhões.

"A reciclagem de ativos é parte importante do modelo de negócios da Companhia e fonte de recursos para o crescimento", foi dito na época.

Compartilhe

EM RECUPERAÇÃO JUDICIAL

Saraiva vai virar ‘Amazon brasileira’? Livraria confirma decisão de demitir funcionários e migrar totalmente pro e-commerce

21 de setembro de 2023 - 19:48

São 33 lojas físicas em operação, sendo que o estado de São Paulo concentra a maior parte delas, com 11 unidades

ALERTA DE PROVENTOS

Dividendos e JCP: Lojas Renner (LREN3) anuncia pagamento milionário de proventos e B3 (B3SA3) ajusta valor; confira

21 de setembro de 2023 - 19:22

Têm direito a receber o JCP os acionistas que tiverem ações da Lojas Renner até o dia 26 de setembro

CONTRA HACKERS

Cisco compra empresa de segurança cibernética por R$ 138 bilhões — e pode pagar multa bilionária se desistir do acordo

21 de setembro de 2023 - 17:11

A companhia adquiriu a empresa de software de segurança cibernética Splunk por US$ 28 bilhões, equivalente a R$ 137,98 bilhões, nas cotações atuais

PROBLEMA DE ACESSO

C6 Bank fora do ar? Clientes registram instabilidade no aplicativo do banco digital; entenda o que aconteceu

21 de setembro de 2023 - 11:42

Os problemas na plataforma do C6 nos aparelhos móveis começaram por volta das 10h de hoje, segundo dados do site DownDetector

EMBARGO TEMPORÁRIO?

Caso de gripe aviária no MS faz Japão suspender importações de frango e pressiona ações da Marfrig (MRFG3) e BRF (BRFS3); entenda

20 de setembro de 2023 - 20:35

O Ministério da Agricultura confirmou um caso no estado e os papéis de frigoríficos como Marfrig e da BRF ficaram entre as maiores perdas do Ibovespa no pregão de hoje

DINHEIRO NO BOLSO

Dividendos e JCP: Copel (CPLE6) fará pagamento quase bilionário aos acionistas e Cemig (CMIG4) anuncia distribuição de R$ 417 milhões em proventos

20 de setembro de 2023 - 18:55

A maior soma foi divulgada pela Copel, que distribuirá um total de R$ 958 milhões aos acionistas que detiverem papéis da empresa em 29 de setembro

RECURSO DO BB

Tribunal suspende recuperação judicial da 123 Milhas, mas empresa continua blindada contra cobranças de credores e clientes; entenda

20 de setembro de 2023 - 18:04

O TJMG atendeu a um pedido do Banco do Brasil, um dos credores da companhia, que alegou que a petição inicial não continha todos os documentos exigidos pela lei das RJs

CONEXÃO NOS TRILHOS

Por que a Vale (VALE3) vai investir R$ 240 milhões na rede de internet 4G na ferrovia de Carajás com a Vivo (VIVT3)

20 de setembro de 2023 - 17:15

O acordo determina que a mineradora desenvolverá uma infraestrutura de tecnologia para ampliar a rede 4G ao longo da Estrada de Ferro Carajás

INCERTEZAS E QUEIMA DE CAIXA

A venda da Braskem (BRKM5) está emperrada? Ação cai 5% após desistência de mais um comprador e piora de recomendação; entenda

20 de setembro de 2023 - 13:51

As ações da Braskem têm mostrado volatilidade e lideram as perdas do Ibovespa hoje em meio a novas notícias sobre possível venda e visão mais negativa de banco

LOGÍSTICA

Após dar calote, Sequoia (SEQL3) lança oferta para trocar dívida por debênture conversível; ações derretem 95% desde IPO

20 de setembro de 2023 - 12:52

Oferta de debêntures conversíveis em ações pode chegar a R$ 400 milhões e acontece após a Sequoia conseguir aval dos credores para suspender o pagamento de juros devidos para este mês

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies