🔴 MELHORES MOMENTOS DO MACRO SUMMIT BRASIL 2024 – ASSISTA AQUI

Larissa Vitória
Larissa Vitória
É repórter do Seu Dinheiro. Formada em jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP), já passou pelo portal SpaceMoney e pelo departamento de imprensa do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT).
Carolina Gama
Formada em jornalismo pela Cásper Líbero, já trabalhou em redações de economia de jornais como DCI e em agências de tempo real como a CMA. Já passou por rádios populares e ganhou prêmio em Portugal.
XERIFE NO CASO

CVM se une à Polícia Federal e MPF para investigar rombo contábil na Americanas (AMER3); autarquia já abriu sete processos sobre a varejista

A autarquia reforçou a equipe que cuida do caso e criou uma força-tarefa que inclui sete superintendências do órgão

Larissa Vitória
Larissa Vitória, Carolina Gama
19 de janeiro de 2023
20:19
Lupa destaca site da Americanas.com em tela de computador
Tela do site da Americanas.com - Imagem: Shutterstock

A Americanas (AMER3) oficializou nesta quinta-feira (19) o pedido de recuperação judicial - que já foi aceito pelo Justiça - e deve ganhar fôlego para negociar os R$ 43 bilhões declarados em dívidas. Mas o alívio não se estendeu à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), que reforçou sua investigação sobre a varejista.

A xerife do mercado de capitais já havia aberto quatro processos a respeito da companhia desde a descoberta de um rombo bilionário nos balanços na última semana. Agora esse número subiu para sete.

Além disso, a autarquia reforçou a equipe que cuida do caso e criou uma força-tarefa que inclui sete superintendências do órgão.

A CVM também está fazendo uso de seus convênios e da cooperação com a Polícia Federal e o Ministério Público Federal para a investigação e mantém um diálogo com a Advocacia-Geral da União para "coordenar uma eventual atuação conjunta em juízo.

Qual é o escopo da investigação da CVM?

Os dois primeiros processos abertos pela CVM estão focados na supervisão das informações contábeis da Americanas, incluindo demonstrações financeiras padronizadas (DFP) e o formulário trimestral (ITR) e nas notícias, fatos relevantes e comunicados divulgados pela empresa.

Adicionalmente, a autarquia apura eventuais irregularidades nas negociações com ativos de emissão da companhia, a conduta da companhia, acionistas de referência e administradores no processo de divulgação do pedido de tutela cautelar.

Nem mesmo os coordenadores líderes de ofertas públicas de emissões da companhia e as agências de classificação de risco ficaram de fora da lista e também são investigados.

A CVM garante que, caso encontre condutas ilícitas ou infrações, responsabilizará devidamente "cada um dos responsáveis com o rigor da lei e na extensão que lhe for aplicável."

Americanas: relembre o caso

Na semana passada, a Americanas revelou inconsistências contábeis no valor de R$ 20 bilhões que resultaram na saída do CEO Sérgio Rial e também em um pedido de recuperação judicial — que foi aceito pela Justiça no fim da tarde desta quinta-feira.

A empresa comandada pelo famoso trio de empresários formado por Jorge Paulo Lehman, Betto Sicupira e Marcel Teles soma dívidas no valor de R$ 43 bilhões com bancos e fornecedores, além de questões trabalhistas.

Estima-se que a Americanas tenha 16.300 credores e travou uma batalha com os bancos nos últimos dias. Entre eles o BTG Pactual, que conseguiu bloquear R$ 1,2 bilhão da companhia após decisão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ).

Para lidar com a situação, a Americanas já anunciou mudanças entre seus executivos e também a criação de um comitê independente que vai investigar a origem do rombo bilionário. Esse comitê, no entanto, mal assumiu e já teve um de seus membros substituído.

No lugar de Pedro Augusto de Melo entra Eduardo Flores, consultor e parecerista em contabilidade, membro do conselho da Fundação IFRS desde 2021 e ex-presidente do conselho fiscal da Via entre 2018 e 2019.

Compartilhe

A PARTIR DE 2025

Saiba como a maior produtora de alumínio do país pretende reduzir emissões em até 30% — parte da resposta: com um investimento de R$ 1,6 bilhão

13 de abril de 2024 - 13:13

A multinacional norueguesa Hydro do ramo de alumínio projeta reduzir em cerca de um terço a intensidade de emissão de dióxido de carbono (CO2) nas operações brasileiras a partir de 2025.  A controladora das maiores operações de alumina e alumínio primário no Brasil diz que a previsão é que a meta seja alcançada após a […]

VITÓRIA!

Prio (PRIO3) fica com 100% de Wahoo: como a vitória deve aumentar a produção da petroleira; ações sobem na bolsa

12 de abril de 2024 - 13:05

A empresa recebeu uma decisão favorável da Câmara de Comércio Internacional em um processo arbitral relacionado à concessão BM-C-30, no campo de Wahoo

REESTRUTURAÇÃO DE DÍVIDAS

Light (LIGT3) assina acordos com credores, em novo passo em direção ao fim da recuperação judicial; ações caem na B3

12 de abril de 2024 - 11:46

Foram celebrados dois acordos com credores e debenturistas envolvendo as subsidiárias Light Sesa e Light Energia; entenda o que vem pela frente

ENGORDOU O PATRIMÔNIO

CEO da Nvidia fica quase R$ 3 bilhões mais rico em um dia. Conheça o bilionário que quase dobrou de fortuna em 2024

11 de abril de 2024 - 18:03

Jensen Huang é a 19º pessoa mais rica do planeta, de acordo com a revista Forbes, com um patrimônio avaliado em US$ 79,5 bilhões (R$ 404 bilhões)

ENTENDA O CASO

Justiça embarga obras de complexo bilionário da JHSF (JHSF3) no interior de São Paulo

11 de abril de 2024 - 16:01

A decisão aconteceu após pedido do Ministério Público, que afirma que a JHSF e outras duas companhias burlaram regras de licenciamento ambiental

DESISTIU DA BATALHA?

Gafisa (GFSA3): Esh Capital diminui participação após perder disputa sobre assembleia; ações caem 6% na B3

11 de abril de 2024 - 11:24

A gestora de Vladimir Timerman reduziu a participação na Gafisa de 20% para 4% do capital

FOI DADA A LARGADA

Oferta de ações da Boa Safra (SOJA3): companhia pretende levantar até R$ 388 milhões com nova emissão

11 de abril de 2024 - 9:48

Empresa pretende usar os recursos para expandir o negócio de armazenamento; controladores se comprometeram a colocar dinheiro novo na oferta

VOO DE FRANGO?

BRF (BRFS3) volta a ser empresa “de dono” e mais que dobra de valor na B3. O que está por trás da disparada — e o que esperar das ações

11 de abril de 2024 - 6:13

Agora “oficialmente” sob controle da Marfrig, BRF acumula alta de mais de 170% em 12 meses na B3; saiba o que os analistas pensam da empresa de proteínas

DINHEIRO NO BOLSO

Santander (SANB11) vai depositar R$ 1,5 bilhão na conta dos acionistas; saiba mais sobre os proventos anunciados pelo banco

10 de abril de 2024 - 18:37

Terá direito ao provento quem estiver na base de investidores do banco ao final do pregão de 19 de abril

PISOU NO ACELERADOR

Cury (CURY3) inicia o ano lançando quase R$ 2 bilhões e executivo diz por que a construtora foi na contramão do mercado

10 de abril de 2024 - 18:24

De acordo com Leonardo Mesquita, vice-presidente comercial da construtora, a decisão de lançar mais no início do ano já é adotada há alguns anos e tem um propósito

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies