Menu
2021-03-24T09:33:01-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
atenção, acionista

Weg paga R$ 70,9 milhões em juros sobre capital próprio

Companhia paga os proventos aos titulares das ações em 26 de março

23 de março de 2021
17:46 - atualizado às 9:33
FÁBRICA DA WEG EM SC
Brasil, Jaraguá do Sul, SC, 10/02/2011. Fábrica da multinacional brasileira WEG, na cidade de Jaraguá do Sul (SC). - Imagem: JONNE RORIZ/ESTADÃO CONTEÚDO/AE

A Weg, especializada em motores e equipamentos para o setor elétrico, vai pagar R$ 70,9 milhões em juros sobre capital próprio, segundo comunicado divulgado nesta terça-feira (23). Serão R$ 0,033823529 por ação.

A companhia informou que terão direito aos proventos aqueles com papéis da companhia nesta sexta-feira (26). A partir de segunda-feira (29), as ações serão negociadas “ex-juros sobre capital próprio”.

O pagamento dos juros sobre capital próprio da Weg ocorre em 11 de agosto. Líquido, o valor corresponde a R$ 0,028750000 por ação, já deduzido o imposto de renda na fonte de 15% (quinze por cento).

A exceção para a dedução do IR seria aos acionistas que comprovarem até 26 de março de 2021, junto ao Banco Bradesco, instituição financeira escrituraria das ações da Weg, sua condição de imunes ou de desobrigadas da retenção por disposição legal.

O valor pago como JCP será imputado aos dividendos obrigatórios conforme determina o artigo 37 do estatuto social da Weg.

A empresa fechou os últimos três meses de 2020 com um lucro líquido de R$ 742,2 milhões, um aumento de 48,3% em relação ao mesmo período de 2019.

O resultado superou a média das estimativas dos analistas que acompanham a empresa coletadas pela Bloomberg, de R$ 539 milhões. No acumulado de 2020, a Weg registrou lucro líquido de R$ 2,3 bilhões, alta de 45%.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

pandemia

Covid-19: número de mortes sobe para 361,8 mil no Brasil

Nas últimas 24 horas, foram registradas mais 3.459 mortes no país

seu dinheiro na sua noite

Petróleo, minério e tudo que há de bom

Entre o fantasma do Orçamento com pedaladas, a besta da PEC “fura-teto”, o gigante da CPI da Covid e o monstro da pandemia, o Ibovespa conseguiu hoje engatar a terceira alta seguida e fechar acima dos simbólicos 120 mil pontos, marca que o índice não via desde fevereiro. Mas como pode? Bem, mais uma vez […]

hoje não

Hering rejeita proposta da Arezzo para potencial fusão

Segundo a Cia. Hering, a proposta “não atende ao melhor interesse dos acionistas e da própria companhia”

Polêmica na privatização

CVM vai investigar CEEE por suposta omissão na divulgação de informações

A autarquia começará a apuração de uma denúncia de omissão de fatos relevantes sobre a privatização da estatal gaúcha

FECHAMENTO

Commodities em alta levam o Ibovespa acima dos 120 mil pontos pela primeira vez desde fevereiro; dólar recua

O clima incerto em Brasília segue assombrando os investidores, mas ainda assim a bolsa brasileira consegue fôlego com as commodities para se manter no azul

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies